O que esperar do Qualcomm Snapdragon 865?

Embora o Snapdragon 855 esteja na maioria dos smartphones top de linha deste ano, as notícias revelam que seu sucessor, o Snapdragon 865, já existe e supera o 855 em pelo menos uma maneira importante.

Por Smartphones Pular para comentários

Já passamos de mais da metade do ano, e por incrível que pareça, até o mês de Agosto, famoso por ser longo, está indo rápido desta vez. Nos aproximamos do final de um ano com muitos lançamentos de smartphones. Tivemos já a apresentação dos novos Samsung Galaxy S10 e Note 10, o LG G8 ThinQ, o Zenfone 6, o Xiaomi Mi A9, o OnePlus 7 e suas respectivas variações, por aí vai. Todos estes citados são lançamentos  deste ano e trouxeram equipado o Snapdragon 855, que é 45% melhor em termos de desempenho em comparação com o Snapdragon 845. Mas, e o que podemos esperar do ano que vem? O que esperar do Snapdragon 865?

E se há uma coisa certa sobre os smartphones Android top de linha de 2020, é que a maioria deles virá equipado com o próximo chip de primeira linha da Qualcomm - o Snapdragon 865. Apesar de que ainda tenhamos que esperar alguns meses para um anúncio oficial da fabricante, já há informações suficientes para uma análise preliminar da próxima plataforma móvel de última geração. 

Os últimos lançamentos de processadores raramente nos surpreenderam com recursos inesperados. Será que a próxima linha vai inaugurar uma nova era ou apenas nos trazer o aumento de desempenho? Até onde se sabe, haverá um pouco dos dois. Ou seja, deve haver alguns novos recursos, e é claro, podemos esperar uma melhora de desempenho.

A Ice Universe compartilhou a primeira imagem da lista Geekbench, onde parece ser a performance do Snapdragon 865. Comparado com os resultados do Geekbench do Snapdragon 855 Plus para o Black Shark 2 Pro, os ganhos são dignos de nota. O Snapdragon 855 Plus obteve pontuações single-core e multi-core de 3462 e 10765, respectivamente, o Snapdragon 865 supostamente acumulou 4160 e 12946 nas mesmas categorias.

Uma atualização significativa

No ano passado, vimos a redução de chips móveis da arquitetura de 10nm para 7nm, incluindo o Snapdragon 855. Neste ano, no entanto, não haverá redução no tamanho dos transistores, mas a mudança que veremos ocorrerá nos processos de produção. 

Há rumores de que o Snapdragon 865 será fabricado usando a tecnologia EUV (ultravioleta extremo) da Samsung, em vez do atual processo de 7nm da TSMC, utilizado no 855. A Qualcomm optou pela TSMC na produção de seu chip anterior porque a empresa tinha capacidade de produzir em grande escala de 7nm. Mas agora que a Samsung está de volta com sua tecnologia superior, a mudança é lógica. Isso afetará não apenas a eficiência das linhas de produção, mas também terá um efeito perceptível na maneira como o novo chip funciona.

O EUV promete um aumento de desempenho de 20 a 30%, e entre 30 e 50% de melhoria no consumo de energia. Esses números se alinham com as expectativas gerais em relação ao Snapdragon 865. O design de núcleo de CPU da próxima geração do ARM Cortex-A77 também trará mais velocidade de desempenho nos smartphones equipados com o processador. O ARM Cortex-A77 oferece uma melhoria de desempenho de 20% em relação ao Cortex-A76, que é a base para quatro dos oito núcleos do processador Snapdragon 855.

Assim como seu antecessor, o núcleo Cortex-A77 foi projetado para ser facilmente combinado com os núcleos Cortex-A55, que podem lidar com tarefas menos exigentes. Obviamente, a Qualcomm vai colocar sua torção nos núcleos do Cortex e criar seus próprios núcleos Kryo para o novo chipset. Isto significa que o Snapdragon 865 provavelmente terá uma composição muito similar a atual: 1 núcleo Kryo com clock mais alto, baseado no Cortex-A77, 3 núcleos Kryo com clock menor, baseados no mesmo design, e 4 núcleos baseados no córtex-A55. 

Estes são os tipos de alterações que vemos todos os anos, juntamente com percentagens semelhantes no aumento de desempenho e nos níveis de vida útil da bateria, mas abaixo iremos falar das novidades de fato.

Snapdragon 865 com suporte para RAM DDR5

A atualização de uma geração diferente de memória DDR acontece uma vez a cada poucos anos, e geralmente tem um grande impacto nos hardwares. E esse é o caso da DDR5. Comparado à DDR4, atualmente oferecendo velocidades de transferência de até 4.266 Mbps, a DDR5 aumentará esse número para 6.400 Mbps, um aumento de 50%. 

DDR5

Isso afetará praticamente todos os aspectos do desempenho do seu smartphone, desde a abertura de arquivos grandes e aplicativos pesados ??até o desempenho de jogos, que devem rodar liso. As funções multitarefa e alternância de aplicativos também serão mais suaves. Até mesmo a sua câmera se beneficiará de uma memória RAM mais rápida, já que a fotografia computacional utiliza os recursos de hardware do dispositivo, e fotos mais complexas, como as que usam o Modo Noturno, serão mais rápidas.

Combinado com o armazenamento mais rápido, a RAM DDR5 com armazenamento UFS 3.0 resultará em uma experiência de usuário notavelmente melhor, e poderá até mesmo ofuscar os ganhos da nova CPU. 

Suporte para HDR10 Plus

Pouco se sabe sobre o GPU que será emparelhado com o CPU no Snapdragon 865, mas é seguro dizer que ele será chamado de Adreno 650, e trará desempenho de jogos ainda melhores, além de melhorias gráficas. O que é mais interessante é que a Qualcomm está adicionando suporte para HDR10 Plus, mas não é o HDR10 Plus que o chip atual já está suportando. 

A empresa está introduzindo seu próprio padrão para o vídeo HDR, e para tornar as coisas ainda mais confusas, está colocando o mesmo nome do padrão HDR10 Plus da Samsung. Esperemos que, quando o Snapdragon 865 for lançado, tenhamos mais clareza sobre as diferenças entre os dois, e por que a Qualcomm decidiu desenvolver sua própria tecnologia se o HDR10 + é livre de royalties, e livre para o uso de qualquer empresa.

Com ou sem 5G

A conexão de dados 5G está a cada dia mais próxima de se tornar realidade para os usuários comuns, tendo sido inclusive testada com sucesso no nosso país. E rumores sugerem que, para atender a um provável mercado em expansão a partir do ano que vem, a Qualcomm está preparando duas versões do Snapdragon 865.

Uma delas terá um modem 5G integrado, um passo importante para a implementação mais ampla da tecnologia nos smartphones. Atualmente, o modem Snapdragon X50 5G é um chip separado, que ocupa um espaço valioso dentro do dispositivo, e não é tão eficiente quanto um integrado. 

O modem 5G de segunda geração, Snapdragon X55, aparentemente será um grande avanço, reduzindo também a necessidade de espaço ocupado no smartphone. Este é o próximo passo para que o 5G se torne um recurso padrão. Mas enquanto a maioria dos países (como o Brasil) não tenha redes 5G viáveis, ele continuará sendo um extra inútil para a maioria de nós.

Devido a isso, o Snapdragon 865 também estará disponível sem o modem 5G e, provavelmente, a um preço reduzido para os fabricantes. Até agora, não há indícios sobre quaisquer outras diferenças entre as duas variantes. Porém, o modelo 5G deverá demandar mais energia, e poderá vir com mais requisitos para atender às suas capacidades extras, como a necessidade de antenas 5G.

Quando devem chegar os primeiros smartphones com Snapdragon 865?

O novo chip da Qualcomm deve ser lançado em torno de 5 de dezembro de 2019. Como de costume, isso significa que não haverão smartphones equipados com este processador até pelo menos o início de 2020.

É provável que o Galaxy S11 deva ser um dos primeiros smartphones a serem lançados com o novo processador. E, normalmente, a Samsung lança seus smartphones da linha S pelo final de fevereiro. Depois disso, as comportas se abrirão, e não demorará muito para termos uma rica linha de dispositivos Snapdragon 865 disponíveis no mercado de smartphones.

Compartilhe com seus amigos:
Priscilla Kinast
Priscilla Kinast Estudante de Ciência e Tecnologia na UFRGS - Universidade Federal do RS, apaixonada por inovações tecnológicas, mistérios da ciência, bem como filmes e séries de ficção científica
FACEBOOK // INSTAGRAM: @priscillakinast // TWITTER: @prkinast
Quer conversar com o(a) Priscilla, comente:
Carregar comentários
O que é mais importante em um smartphone?
Bateria(27,51%)
Câmera(10,99%)
Performance(56,70%)
Aparência(2,40%)
Tela(2,40%)