Os celulares Motorola que vão receber o Android 12

Depois de tanta promessa, a Motorola finalmente divulgou a lista de dispositivos que irão receber o Android 12, bem como os modelos que não serão contemplados. Confira!

Quais celulares da Motorola vão receber o Android 12? (Imagem: Oficina da Net)
Quais celulares da Motorola vão receber o Android 12? (Imagem: Oficina da Net)

Desde que foi revelado em maio deste ano, muita expectativa tem sido criada em torno do Android 12. A nova versão do sistema operacional da Gigante das Buscas promete ser a melhor de todas as já lançadas, com a premissa de oferecer mais segurança e privacidade aos seus usuários, além de adicionar uma ampla lista de opções de personalização.

As versões beta mais recentes revelaram a disponibilidade de recursos bem interessantes, como jogar um game da Play Store sem esperar ele baixar completamente e até controlar o celular com expressões faciais, o que contribui com a acessibilidade na plataforma. Uma das principais baixas é que a chegada do Android 12 marca o fim do Android Auto, aplicativo de GPS da Google.

O software já está disponível para um grupo seleto de aparelhos cadastrados no programa beta, enquanto a equipe de desenvolvimento realiza os últimos ajustes. Embora o lançamento da versão oficial ainda esteja relativamente distante, as fabricantes parceiras do Google já começaram a anunciar a lista de celulares elegíveis para receber a atualização do sistema operacional. Neste artigo, você confere quais modelos da Motorola estão aptos para receber o update para o Android 12.

Quais celulares da Motorola vão receber o Android 12?

A Motorola já foi a menina dos olhos em termos de atualizações para seus smartphones. A empresa costumava entregar um suporte maior para grandes updates de sistema, dando uma atenção mais especial até para modelos mais baratos de seu portfólio.

No entanto, depois que a empresa passou a ser dirigida pela Lenovo, infelizmente sua política passou por grandes mudanças e poucos produtos passaram a receber o devido suporte. Nem todos os modelos que possuem dois anos de idade recebem atualizações e quando isso acontece, geralmente, é tarde demais. Dito isso, a chegada do Android 12 para smartphone da Motorola não tem demonstrado tanto otimismo.

O Edge 20, lançado recentemente no Brasil, é um dos contemplados. (Imagem: Oficina da Net)
O Edge 20, lançado recentemente no Brasil, é um dos contemplados. (Imagem: Oficina da Net)

Lista de celulares Motorola para receber o Android 12

A Motorola divulgou nesta semana a lista oficial de smartphones enelgiveis para receber o Android 12. São eles:

  • razr 5G
  • razr 2020
  • motorola edge 20 pro
  • motorola edge 20
  • motorola edge 20 lite
  • motorola edge 20 fusion
  • motorola edge (2021)
  • motorola edge 5G UW
  • motorola edge plus
  • motorola one 5G ace
  • motorola one 5G UW ace
  • moto g200 5G
  • moto g71 5G
  • moto g51 5G
  • moto g41
  • moto g31
  • moto g100
  • moto g60s
  • moto g60
  • moto g50 / moto g50 5G
  • moto g40 fusion
  • moto g30
  • moto g power (2022)
  • moto g pure
  • moto g stylus 5G

Quais celulares Motorola não vão receber o Android 12?

Além da lista de dispositivos elegíveis, a fabircante divulgou os modelos que não receberão o update. Grande parte deles terão de se contentar apenas com o Android 11 que receberam no decorrer de 2021. Confira a lista:

O que esperar do Android 12?

Ainda disponível apenas para um grupo seleto de usuários, a chegada do Android ficará marcada por um visual completamente repaginado. Capturas de tela divulgadas por desenvolvedores de apps para a plataforma revelaram que o sistema se apega muito ao quesito personalização, chamado pelo Google de Material You, com a adição de novos ícones e um sistema que pode mudar a cor de toda a interface do aparelho de acordo com a cor predominante no papel de parede.

Além disso, o sistema parece ter ficado mais responsivo, se adaptando completamente ao tamanho da tela e dando prioridade ao fornecimento de informações, sem que isso desrespeite a personalização do usuário. Na tela de bloqueio, por exemplo, o relógio ficou maior, assim como os resultados da calculadora e o widget de agenda.

Notificações mais claras

A clareza nas informações que são exibidas no celular sempre foi uma preocupação do Google, e percebemos isso a cada nova atualização. Com a chegada do Android 12 isso não poderia ser diferente. A seção foi totalmente refeita, adicionando balões de notificações segmentados de acordo com a finalidade do aplicativo em questão e designado por cor, seja para controlar a música que está tocando ou verificar as mensagens das várias plataformas que podem estar no celular.

Até os ícones da seção de Configurações Rápidas passaram por ajustes. A partir de agora, ferramentas de uso recorrente, como os botões de Wi-Fi, Bluetooth, lanterna e o tema escuro, foram colocadas em destaque, organizadas logo acima das notificações.

Menu de Configurações Rápidas do Android 12 (Imagem: Reprodução/Google)
Menu de Configurações Rápidas do Android 12 (Imagem: Reprodução/Google)

Animações novas e mais suaves

Ainda no aspecto visual, porém no lado mais funcional da coisa, o Google elaborou um pacote de novas animações para o Android 12 com a proposta de que o usuário "sentirá como se o sistema ganhasse vida a cada toque, deslize ou rolagem".

Segundo a equipe de desenvolvimento, as animações são mais leves e se comportam de uma forma que não sobrecarrega o processamento independente da taxa de atualização embutida na da tela do aparelho em questão. Para atingir esse objetivo, o Google reduziu o consumo de recursos, proporcionando maior eficiência energética e até 22% de redução do tempo de processamento da CPU para renderizar as transições.

Privacidade e segurança

Confirmando o que já havia sido especulado, a empresa adicionou recursos de privacidade e segurança relacionados a recursos comuns do smartphones como câmera, localização e microfone. Sempre que aplicativos acessarem essas funções do aparelho, o sistema emitirá uma notificação para que o usuário deixe de ter uma "pulga atrás da orelha" quanto às permissões solicitadas por esses apps.

Os botões de ações rápidas ficaram maiores, (Imagem: Reprodução/Google)
Os botões de ações rápidas ficaram maiores, (Imagem: Reprodução/Google)

Será possível interromper facilmente o acesso a informações pessoais de tais aplicativos por meio das Configurações Rápidas. Desta forma, o smartphone que tiver o Android 12 instalado será prático ao mesmo tempo que oferece um novo nível de segurança, podendo ainda ser incrementados pelas fabricantes dos respectivos modelos elegíveis.

Além do controle de forma simplificada na seção de Configurações Rápidas, todas essas atividades poderão ser monitoradas e bloqueadas pelo novo Painel de Privacidade, uma área totalmente dedicada ao controle de permissões. Assim será possível analisar e identificar os recursos do sistema utilizados durante as últimas 24 horas, o que inclui arquivos, lista de contatos e outras áreas pessoais.

O Android 12 também será palco para a estreia do Android Private Compute Core, um mecanismo que permite o uso de novas tecnologias privadas por essência. A partir dele, o usuário pode se assegurar que o tratamento de dados será feito de forma privada, podendo compactar parte da inteligência artificial do Google para dentro do celular.

Na prática, tudo que o sistema precisar fazer, como o fornecimento de legendas em tempo real, identificação de músicas em tempo real e a sugestão de respostas rápidas para e-mails, não haverá a necessidade de se conectar com os servidores do Google — tudo será feito a partir do próprio smartphone, tornando o procedimento o mais privado possível.

Quando o Android 12 será lançado?

Revelado em maio durante a última edição do Google I/O, o Android 12 foi revelado pela gigantes das buscas há algum tempo. A empresa já havia liberado pelo menos quatro versões beta durante o programa de testes. A equipe de desenvolvimento da Google tem realizado grandes avanços na correção de bugs, além de adicionar funções realmente interessantes.

Já que agosto não trouxe nenhuma data oficial para lançamento, a expectativa fira em torno de setembro. (Imagem: Reprodução/Google)
Já que agosto não trouxe nenhuma data oficial para lançamento, a expectativa fira em torno de setembro. (Imagem: Reprodução/Google)

Depois de anunciar a versão oficial, diversas fabircantes anunciaram a lista de smartphones compatives com o sistema, além de já começar a anunciar o cronograma de atualizações.

Fonte: Motorola

Redmi Note 11: O baratinho que você precisa ver 👇

Comentários
Minha foto
Insira um comentário