Advogado indiano quer processar o WhatsApp por causa de um emoji

WhatsApp será processado por advogado indiano caso não remova emoji ofensivo.

Por Aplicativos Pular para comentários
Advogado indiano quer processar o WhatsApp por causa de um emoji

Um advogado da Índia está ameaçando processar o aplicativo de mensagens instantâneas WhtasApp por considerar um emoji ofensivo, cujo gesto é obsceno. Isso mesmo, o advogado chamado Gurmeet Singh ressalta o seu descontentamento com os emojis do aplicativo,  no qual  o "dedo do meio" foi o emoji que causou toda revolta do advogado.

De acordo com Singh "Oferecendo o emoji do dedo do meio no aplicativo, o WhatsApp está sendo cúmplice direto no uso de gestos obscenos e ofensivos". Segundo o site indiano News 18, Singh afirmou que vai aguardar apenas 15 dias para que o app remova o emoji em questão e caso isso não aconteça, promete enfrentar os responsáveis em frente aos tribunais.

WhatsApp será processado por advogado indiano caso não remova o emoji do dedo do meioWhatsApp será processado por advogado indiano caso não remova o emoji do dedo do meio

Como defesa, o advogado já enviou um documento à imprensa indiana com trechos do código penal indiano, ressaltando a ilegalidade de mostrar gestos ofensivos ou obscenos a mulheres. Além disso, ele cita que na Irlanda é uma ofensa grave utilizar o gesto em questão.

No entanto, até o presente momento o WhatsApp ainda não se manifestou sobre o assunto.

Mais sobre: WhatsApp, emoji, dedodomeio, apps
Compartilhe com seus amigos:
Fernanda Beling
Fernanda Beling Administradora, apaixonada por tecnologia. Amante de livros, séries e filmes.
FACEBOOK // INSTAGRAM: @fsbeling // TWITTER: @fsbeling
Quer conversar com o(a) Fernanda, comente:
Carregar comentários
Últimas notícias