NVIDIA compra Arm por US$40 bilhões, o que irá acontecer a partir de agora?

Neste final de semana foi anunciado pela NVIDIA a compra da Arm da SoftBak por US$40 bilhões. Veja o que a NVIDIA tem a dizer sobre o negócio.

Imagem ilustrativa da compra da Arm pela NVIDIA.
Imagem ilustrativa da compra da Arm pela NVIDIA.

Neste final de semana foi anunciado que a fabricante de chips gráficos NVIDIA aceitou o acordo de compra da Arm Holdings, famosa empresa por seu know how em design de hardware para smartphones da Softbank. No total a venda somou US$40 bilhões, incluindo US$21,5 bilhões em ações da NVIDIA, US$12 bilhões em dinheiro e US$2 bilhões no ato da assinatura.

No ano de 2016 a Softbak comprou a Arm por US$31 bilhões (uma das maiores compras da empresa). A Arm é conhecida por seus chips utilizados em smartphones, incluindo os da Qualcomm, que estão presentes na grande maioria dos celulares Android, e os da Apple, nos iPhones. Além disto, a Apple já anunciou que irá utilizar processadores com design baseado em Arm para seus Macbooks.

Com este anúncio muitos podem pensar que a NVIDIA irá optar por dar exclusividade para seus parceiros ou produtos fabricados pela empresa, mas a companhia prometeu que irá "dar continuidade ao modelo de licenciamento aberto da Arm e à neutralidade do cliente". Foi dito também que as operações da Arm irão permanecer no Reino Unido.

Jensen Huang, CEO da NVIDIA, disse em um comunicado à imprensa:

"Esta combinação faz sentido financeiro e é um grande negócio para a SoftBank e nós."

Softbank e a compra da Arm

Quando a Arm foi comprada pela SoftBank, a intenção era de que a empresa fosse um investimento para a área de IoT (Internet of Things ou Internet das Coisas), que nada mais é que trazer conectividade sem fio ao dia a dia das pessoas, realizando a ligação entre, por exemplo, o smartphone e a geladeira, o carro, a lampada, a TV, a máquina de lavar, o ar condicionado, a caixa de som, etc. A SoftBank acreditava que a compra da Arm levaria a empresa a novos cenários úteis.

Entretanto, o que ocorreu com o passar dos anos após a compra da Arm pela SoftBank foi a perda de capital devido a empresas que a companhia investia como a WeWork e a Uber. Recentemente as ações da SoftBank perderam valor devido a notícia de que a empresa havia adquirido grandes participações em empresas de tecnologia que sofreram queda no valor de mercado de ações no início deste mês.

NVIDIA crescendo muito devido a pandemia

Ainda não se sabe quanto a SoftBank irá ganhar com a venda da Arm, já que se trata de um grande investimento da empresa. Enquanto isso, a NVIDA está em êxtase devido ao boom dos jogos devido a pandemia. Nesta semana a desenvolvedora de chips gráficos lançou uma nova linha de placas de vídeo promissora para PCs (as RTX 3000) e de acordo com a companhia, a projeção é que ocorra um crescimento de 46% na receita para este terceiro trimestre.

O que é Arm

Trata-se de uma arquitetura desenvolvida para processadores de computador. A Arm Holdings é a empresa responsável por desenvolver e licenciar a arquitetura para outras empresas (Exemplo: Qualcomm, Apple, Huawei), que projetam seus próprios produtos e implementam as arquiteturas Arm em chips SoC ou SoM (estruturas que reúnem várias funções como processamento gráfico, CPU, Wi-fi, Bluetooth, etc). A arquitetura Arm também é utilizada em supercomputadores que necessitam de soluções de baixo consumo de energia e que não gerem muito calor, como, por exemplo, o Fugaku, o 1º supercomputador baseado nesta arquitetura a ficar no topo do ranking mundial como o computador mais rápido.

A arquitetura Arm também está sendo utilizada em chips voltados para IoT (Internet of Things ou Internet das Coisas).

Apple permite que GeForce Now rode no iOS (iPhone) após revisar políticas

As plataformas Google Stadia, GeForce Now (NVIDIA) e xCloud (Microsoft) anteriormente estava sendo impedidas de executarem seus serviços no iOS devido as políticas de apps de games da "maçã". Porém, agora,com as alterações realizadas nas exigências de aplicativos de jogos, será possível rodar os jogos dos serviços de streaming sem problemas no iPhone. Embora seja uma boa notícia, a possibilidade de jogar games da Google Stadia, xCloud e GeForce Now, no iOS, a Apple irá exigir que os aplicativos de jogos sejam baixados individualmente na App Store.

Agora fica a pergunta: Será que a Apple irá continuar dificultando este tipo de serviço após a NVIDIA adquirir a Arm?

Há inúmeras possibilidades de movimentos por parte da NVIDIA. O que você acha que irá acontecer? Comente abaixo e compartilhe conosco a sua opinião!

O melhor celular intermediário para importar?

Conteúdo relacionado

Nvidia lança RTX 3000 Series
Hardware

Nvidia lança RTX 3000 Series

As novas placas de vídeo Nvidia GeForce RTX 3000 chegam ao mercado trazendo ganhos expressivos de performance em relação a geração passada das RTX.

Apple anuncia mudança de processadores Intel para chips ARM no Mac
Apple

Apple anuncia mudança de processadores Intel para chips ARM no Mac

Apple irá anunciar durante a Conferência Mundial de Desenvolvedores que irá realizar a transição dos processadores Intel para os seus chips ARM no Mac.

RTX Broadcast, da NVIDIA, oferece agora suporte à câmeras DSLR e mirrorless
Tecnologia

RTX Broadcast, da NVIDIA, oferece agora suporte à câmeras DSLR e mirrorless

NVIDIA disponibiliza nova atualização para seu programa RTX Broadcast. Confira o que há de novo no aplicativo voltado para a transmissão de áudio e vídeo através de otimizações feitas via IA e hardware!