Entenda o caso Huawei vs Estados Unidos

Analisamos o caso da Huawei + China vs Estados Unidos, Trump e grandes empresas. Entenda o que já aconteceu, e pense junto conosco o que está por vir nesse grande caso de boicote e política.

Por | @nmuller99 Tecnologia 6 comentários

Já começo avisando que esse post vai passar por atualizações, conforme o andar da carruagem.

Você deve ter lido em algumas notícias pela internet, até mesmo a grande maioria delas noticiamos por aqui no Oficina da Net. A Huawei, tem sido o foco das atenções do Governo Norte Americano, a empresa foi impedida através do Google de receber atualizações do sistema operacional Android, logo mais a empresa foi liberada por três meses para tentar encontrar uma solução para novos consumidores, nesse meio tempo a Intel e Qualcomm se juntaram a Google e também cortaram laços com a Huawei, se não bastasse, hoje a ARM também suspendeu sua parceria com a fabricante chinesa, os processadores Kirin, apesar de serem produzidos pela própria Huawei, utilizam muita tecnologia de propriedade intelectual da ARM.

Esse cenário, aliado às brigas políticas entre China e Estados Unidos tem afetado significativamente o futuro da maior fabricante de smartphones chinesa.

Assista o caso em vídeo:

Aproveite e inscreva-se em nosso canal para ver mais vídeos sobre tecnologia. 

Quem é a Huawei?

Para você conhecer um pouco a Huawei, ela foi fundada em setembro de 1987, quase 32 anos de existência.

Huawei

Ela produz além de smartphones, diversos equipamentos de redes, dentre eles o que julgo ser o principal, equipamentos para redes 5G. Ela é uma das pioneiras nessa tecnologia e está muito à frente de empresas dos Estados Unidos, além disso, é a maior fabricante de smartphones da China, e a segunda maior do mundo, já ultrapassando a Apple, ficando atrás apenas da sul coreana, Samsung, nesse segmento, e atualmente é a fabricante de smartphones que mais cresce.

A sua receita total em 2018 foi de 108,5 bilhões de dólares . Para você comparar, a LG faturou em 2018 US$ 54 , a Samsung faturou algo em torno de $200 bilhões , a Apple, $265 bilhões , esses valores no total de operações de todos os produtos. A Huawei conta com mais de 180 mil funcionários em 170 países e regiões pelo mundo. Você tá conseguindo entender a dimensão e a importância que a empresa vem conquistando no mercado?  

EUA vs China

Alguns fatos que aconteceram antes para melhor contextualizar essa briga entre Estados Unidos e China. Já é de algum tempo que a China proibiu diversos sites grandes de funcionar no país, como o Facebook, Google, Twitter, Youtube entre mais alguns . São grandes empresas americanas de tecnologia incapazes de atingir 1 bilhão de pessoas. Um sétimo da população mundial está restrita a essas ferramentas e toda a cadeia de mercado que elas geram. Seria esse um motivo para retaliação americana?

EUA + TRUMP VS HUAWEI + CHINAEUA + TRUMP VS HUAWEI + CHINA

 

Outro fato que os Estados Unidos continuam a bater, é pela possibilidade da Huawei utilizar de seus aparelhos para espionar os cidadãos e empresas norte americanas . Nada foi provado acerca de uma real espionagem por parte da empresa chinesa, mas mesmo sem conseguir provas, Donald Trump assinou uma declaração emergencial que determinava o banimento da compra e utilização de equipamentos de telecomunicações que pudessem apresentar um perigo inadmissível para a segurança nacional.

Quem lembra? Ano passado a Huawei, junto com outras três empresas chinesas foram acusadas pelo The New York Times de ter os dados do Facebook compartilhados . Fato que foi confirmado pela rede social. Na época, a Huawei já vinha sendo investigada pela agência de segurança dos Estados Unidos. Outro motivo que acumularia toda essa fúria sobre a empresa chinesa?

Sei lá, essa ideia de espionagem é meio louca, pois se você parar pra pensar, tudo o que o Google sabe sobre você. Aliás, tudo o que o Facebook sabe sobre você? Pode não ser tanto assim, mas e a Microsoft? Já monitorou a sua rede para ver tantos KB de dados que são upados para servidores da Microsoft? Aposto que não. Seria essa também uma forma de espionagem?

Sobre espionagem e dados temos ainda novos fatos que surgiram hoje, e provavelmente até quando você assistir a esse vídeo já devam ter novidades. Hoje a operadora de telefonia móvel EE, do Reino Unido, decidiu remover os telefones da Huawei do seu lançamento da rede 5G. Segundo a operadora: “Colocamos os dispositivos Huawei em pausa, até que tenhamos mais informações”, afirmou Marc Allera ao site Android Central. A operadora vai lançar dia 30 de maio a primeira rede 5G do Reino Unido, os telefones da Huawei já com a capacidade de operar nas frequências estarão banidos do lançamento, pelo menos por enquanto. O Reino Unido, aliado aos Estados Unidos, sofreu alguma pressão também para começar o boicote a Huawei por lá? Agora imagine outros países na Europa, pressionados pelos Estados Unidos e agora Reino Unido começarem a bloquear os smartphones da Huawei. Ela estaria sem software, sem hardware e agora sem rede. Isso sim seria o fim da divisão de smartphones da empresa.

Sabe que tudo isso tem virado um grande jogo de poder, Trump conseguindo mostrar ao mundo que tem poder suficiente para prejudicar o crescimento da China, começando pela Huawei que tem algum tempo que vem sendo investigada pelos Estados Unidos. Isso é tudo que o americano quer ver, seu país demonstrando ser o “maior” para o mundo. A popularidade de Trump cresce, ele se reelege. Que roteiro de filme ein?

Huawei sem Android, e agora?

Ok, voltamos a Huawei, ela tem 90 dias para deixar o Android em novos smartphones vendidos. O P30 Pro que você já comprou vai continuar funcionando, isso não quer dizer que ele vai receber upgrades para novas versões de Android. Vai estagnar aí onde ele está. Se você não liga para atualizações por melhorias, mesmo assim precisa se preocupar, pois os updates de segurança são essenciais.

Novo sistema operacional?

Surgiram rumores que apontam um futuro novo sistema operacional da Huawei. Até nome já haviam colocado, HongMeng OS. Em 2018 a Huawei teria reunido alguns desenvolvedores para produzir apps para o mercado chinês de smartphones, onde diversos deles foram criados especialmente para o App Gallery, da marca. Ainda pensando bem, será que um usuário vai gostar de passar por outra experiência de uso no seu smartphone, talvez sem todos os aplicativos que gostaria, principalmente os americanos Google, Youtube, Gmail? Entende, mesmo que a Huawei construa seu próprio sistema, ela ainda assim vai estar banida de usar produtos Google. É meio louco pensar que tem alguma chance de dar certo. Vimos a Microsoft tentar e falhar um sistema inteiro por falta de apps. O Android, por mais que seja código aberto, a versão atual usada pelo Google está longe daquela que qualquer cidadão com internet possa baixar. O próprio Android Puro que todos aclamam é aquele que está disponível para download, não o que a Google e tantos outros colocam nos seus smartphones.

Seria hora de surgir um novo sistema operacional móvel? Eu torço. Mais um no mercado, que pudesse fazer frente ao Android, que contivesse todos os apps que o iPhone e Androids têm, mas construir algo que já tem 10 anos em 90 dias é pouco provável.

É hora de outras empresas começarem a repensar um substituto.

Viu, o caso é complexo, tem envolvimento de grandes empresas aliadas ao dois governos que estão em briga pelo poder.

Deixo alguns questionamentos finais que gostaria de ver a resposta de vocês nos comentários:

  • Seria diferente se a Huawei não fosse chinesa?
  • Teria condições em 90 dias da Huawei criar um sistema operacional novo e suprir todas as necessidades de hardware das empresas que pularam fora?
  • E se as operadoras começarem a boicotar a empresa, será o fim dos smartphones Huawei?

 

NOVO POSICIONAMENTO DA HUAWEI: 

Todos os smartphones existentes do portfólio Huawei, ou seja, aqueles que já foram vendidos e aqueles que estão atualmente à venda e em estoque, podem ser usados normalmente e não serão afetados. Além disso, esses dispositivos podem continuar a usar e atualizar serviços do Google, como o Google Play, o Gmail, etc. Da mesma forma, esses produtos continuarão recebendo atualizações dos patches de segurança do Google e poderão atualizar, sem nenhum problema, todos os aplicativos disponíveis no Google Play, incluindo todos os aplicativos de terceiros.

Comentários
Minha foto
  • Minha foto
    Manoel Freire    •    3 semanas

    Os Xiaomi dão uma goleada histórica nos Motorola!!! Os Huawei dão goleada nos dois! Em tudo!!!!

  • Minha foto
    Manoel Freire    •    3 semanas

    Muita mentira incluída nisso tudo! E a capacidade da Huawei em todas as direções e a velocidade da evolução da tecnologia chinesa dessa empresa, já ultrapassou a Apple. Muito rapidamente vai se tornar a melhor do Planeta, ultrapassando a Samsung. Incomoda demais aos americanos saber que eles já não são os melhores do planeta. Já existe uma corrente que afirma que celulares da Huawei, são responsáveis pela volta da tuberculose, do olho vesgo e da calvície, há também uma que afirma que a água dos portadores de Huawei criam mais mosquitos da dengue. E a estultícia do Presidente Americano deflagou todas essas calamidades visando apagar a chinesa mas, ela é dura na queda! Pode cair, mas vai dar trabalho aos americanos e puxa sacos comuns. Com o Huawei Mate 20 Pro eu entendi o que é fazer fotografia, de qualidade impar sem as Nikons da vida! O detalhamento, o nível de preto, a profundidade, o foco extremo, etc...

  • Minha foto
    Cássio Neves    •    1 mês

    Quantos bilhões de dólares cada empresa americana proibida de atuar em solo chinês perdeu nesse meio tempo? Nada mais justo que as empresas americanas não permitirem o crescimento de um chinês usando sua tecnologia.
    Se a China quer usar, que se abra para os americanos. Caso contrario, que sofra as consequencias.
    Justíssimo!

  • Minha foto
    Nícolas Müller    •    1 mês

    É, tem isso.

  • Minha foto
    Marco Antonio    •    1 mês

    Acredito tratar-se de estratégias políticas com interesse próprio, ou seja defender suas empresas além de ditar regras para os desafios que nos aguardam num futuro próximo. A China sempre foi protecionista e esta tornando-se protagonista na era digital, nada mais comum e aceitável que os EUA também crie medidas nesse sentido. Faz parte do jogo.

  • Minha foto
    Nícolas Müller    •    1 mês

    É, mas pelo jeito a história vai longe ainda.

siga Oficina da Net no Instagram