Nasa planeja privatizar estação espacial

Os Estados Unidos, desde que aposentaram a frota de ônibus espaciais, dependem dos russos para levar astronautas para a Estação Espacial.

Por | @oficinadanet Tecnologia

Nesta sexta-feira (19), dois astronautas da Nasa deixaram a Estação Espacial Internacional para realizar uma caminhada espacial de mais de 6 horas. O objetivo é instalar uma vaga de acoplagem para futuros táxis espaciais comerciais e, com isso, acabaria com a dependência norte-americana da Rússia.

Nasa planeja privatizar estação espacial
Nasa está preparando Estação Espacial Internacional para receber taxis comerciais.   

Leia também:

Jeff Williams, comandante da estação, juntamente com a engenheira de voo, Kate Rubins, flutuou ao redor da câmera de vácuo da estrutura por volta das 9h 15 (Horário de Brasília) e seguiram para a vaga de acoplagem que é usada pelos aposentados ônibus espaciais da Nasa.

Os Estados Unidos, desde que aposentaram a frota de ônibus espaciais, dependem dos russos para levar astronautas para a Estação Espacial. O custo costuma ser alto, ou seja, mais de 70 milhões de dólares por pessoa.

De acordo com o plano de caminhada desta sexta-feira, os dois astronautas devem anexar um adaptador ao atracador. Isso fará com que os táxis espaciais comerciais possam estacionar na estação.

A SpaceX, que tem como proprietário o empreendedor de tecnologia Elon Musk, disse que pretende iniciar os testes de voo da sua nova cápsula de passageiros Dragon em 2017.

O voo inaugural da cápsula CST-100 Starliner da Boeing deverá ocorrer em 2018.

Mais sobre: nasa estacaoespacial astronautas
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo