Montamos um PC Custo x Benefício de R$ 3000 - Roda tudo?

Desta vez, tentamos montar o melhor PC possível girando na faixa dos R$3000, e tivemos total liberdade de escolha de plataformas, assim como acessórios em gerais. Além disso, tivemos ajuda da Cougar, Riotoro, Intel e Aorus!

Por Hardware Pular para comentários

Da última vez que montamos um computador aqui no Oficina da Net, fizemos uma configuração completa da AMD que ficou na faixa dos R$ 5000. Mas isso foi há mais de meio ano atrás, e com o tempo que passou vários novos lançamentos vieram ao mercado, e não só da AMD.

Desta vez, tentamos montar o melhor PC possível girando na faixa dos R$3000, e tivemos total liberdade de escolha de plataformas, assim como acessórios em gerais. Além disso, tivemos ajuda da Cougar, Riotoro, Intel e Aorus, que nos mandaram excelentes produtos Custo x Benefício que ajudaram a manter o custo baixo e a qualidade alta. Bora então conferir qual é o resultado deste PC que montamos.

Claro que não deixaríamos um vídeo de fora, e você pode assisti-lo logo abaixo:

Escolhendo as peças

Bom, como falei logo acima, o nosso objetivo era não parar longe dos R$4000, e para isso tivemos que cortar algumas esquinas, óbviamente. Com os altos preços de hardware no país, não há como montar um computador topo de linha, mas dá para ter boa performance e que durará por um bom tempo.

Acabamos terminando com a seguinte configuração:

Total: R$ 3220

O nosso custo total com as peças ficou no valor acima, preço que pode variar dependendo da época que você compra, além de claro, possíveis promoções. É possível que acabe por pagar mais ou menos do que nós. Vamos então falar um pouco sobre cada peça, assim você conhece o PC um pouco melhor. Caso você já conheça as peças, é só rolar mais para baixo.

Riotoro CR500

O gabinete da Riotoro se encaixa nos modelos Mid-Tower de médio porte, não sendo exageradamente grande para o hardware mas também não é compacto. Ele inclui 3 fans, 2 na parte frontal e 1 na parte traseira, assim como mexas de filtro de ar na frente, embaixo e em cima, proporcionando boa filtragem de ar ao mesmo tempo que mantém o bom fluxo.

Riotoro CR500
Riotoro CR500

Cougar VTC500 80-Plus White

Normalmente não gosto de recomendar fontes que não tenham no mínimo o selo de 80 Plus Bronze, mas neste caso irei abrir uma exceção. Havendo sido testada na TecLab ao vivo, ela aguentou tensões e chegou a marcas bem acima do que o seu selo mostra, e falando diretamente com a Cougar, o motivo dela não ter recebido o selo acima, foi para corte de custos do consumidor final.

Cougar VTC 500W 80 Plus White
Cougar VTC 500W 80 Plus White

Intel Core i5 9400F

Os novos processadores da série F da Intel vem com o objetivo de diminuir o custo para o consumidor final, mas mantendo a boa performance e estabilidade que plataformas da Intel vem oferecendo há algum tempo. Como a Intel fez isso? Simples, eles tiraram os gráficos integrados do processador e mantiveram todo o resto. Segunda a marca, teremos mais capacidade de overclock, menores temperaturas e preços mais baixos para toda a linha F de processadores.

Intel Core i5 9400F
Intel Core i5 9400F

Aorus B360M Gaming 3

Essa placa mãe cobre o território que fica entre placas de entrada e topos de linha. Ela fica em um preço acessível, e assim atende melhor a maioria dos consumidores. Ela conta com alguns componentes e funcionalidade de placas topo de linha, mas também algumas limitações de placas mais baratas, e é essa a idéia deste chipset: oferecer quase tudo por um preço menor.

Aorus B360M Gaming 3
RX 580 8GB Gigabyte Windforce
Aorus B360M Gaming 3

AMD RX 580 8GB

A RX 580 com seus 8GB de memória GDDR5 tem sido a queridinha do Custo x Benefício já tem algum tempo, inclusive já análisamos ela aqui em nosso site, e você pode conferir aqui. Ela tem uma excelente relação de custo e potência, e por termos escolhas bem limitadas devido ao nosso limite de gastos, achamos que ela seria a melhor escolha para este PC.

RX 580 8GB Gigabyte Windforce
Kingston A400 240GB

Crucial Ballistix Sport AT 8GB DDR4 2666Mhz

As crucial vieram a ser as nossas escolhidas por um simples motivo: Custo x Benefício. A marca já é bem estabelecida tanto aqui quanto lá fora, e temos muitos poucos casos de problemas e/ou incompatibilidades, além de não terem aquelas cores super chamativas que outras memórias deste preço tem. Como a limitação da placa mãe fica limitada nos 2666Mhz, usar memórias do mesmo padrão casa perfeitamente com nosso computador.

Kingston A400 240GB

E por último, o nosso SSD de 240GB. Escolhemos este modelo pois é um dos mais baratos disponíveis no mercado, e a garantia da Kingston sempre foi muito boa no atendimento, pelo menos pra nós. Ele não é o mais rápido nem o mais durável do mercado, mas não era isso que buscávamos em um PC intermediário, era?

Kingston A400 240GB
PC Custo x Benefício de R$3000

Agora que vocês já conhecem um pouco mais sobre cada produto aqui usado, vamos então aos testes, e ver como esse computador se comportou em jogos e benchmarks.

Qual o nível de performance?

Vamos começar pela lista de jogos e benchmarks que iremos fazer com essa configuração:

  • Call of Duty
  • Counter Strike: Global Offensive
  • Metro Exodus
  • Rainbow Six Siege
  • CPU-Z Benchmark
  • V-Ray CPU Benchmark
  • Time Spy (DX12)
  • Blender

Então agora que já temos nossa lista de jogos e benchmarks, vamos ver qual foi a performance do nosso PC de R$3000.

Counter Strike: Global Offensive

1080P - Máximo - MSAA X4

Counter Strike: Global Offensive
Dados: Resultados
FPS Médio 285.9
FPS Mínimo 34.4
FPS Máximo 466.2

CS é um jogo extremamente popular e leve, além de ser um dos maiores títulos de E-Sport. O i5 9400F em conjunto com a RX 580 deveria ter bons resultados, e foi exatamente isso que aconteceu. O jogo rodou muito liso, e você não deve ter nenhum tipo de dificuldade na hora de rodar qualquer mapa do jogo. Os benchmarks foram feitos no mapa de benchmark do Workshop da steam.

Metro Exodus

1080P - Ultra

Metro Exodus
Dados: Resultados
FPS Médio 41
FPS Mínimo 30.9
FPS Máximo 61.1

Como era de se esperar, os bons números que vimos em CS:GO não se mantiveram na jogatina do Metro Exodus. Este é um dos - se não o - mais pesados do ano, e provavelmente será por mais algum tempo. Felizmente, os visuais compensam, e as configurações gráficas são várias. Recomendo rodar no High e manter PhysX e Hairworks desativado com este PC.

Rainbow Six: Siege

1080P - Ultra

Rainbow Six Siege
Dados: Resultados
FPS Médio 153
FPS Mínimo 113.5
FPS Máximo 200.8

Já em R6, a performance foi até melhor do que o esperado, e com estes números, o PC se torna uma excelente opção para jogadores mais sérios no jogo. Mesmo rodando com tudo no Ultra, tivemos mais de 100 FPS em todos os momentos, e assim consolidamos a excelente performance de nosso hardware.

Call Of Duty Modern Warfare

1080P - Máximo - SMAA x1

Call of Duty Modern Warfare
Dados: Resultados
FPS Médio 82.5
FPS Mínimo 64.5
FPS Máximo 139.7

E para termos uma tabela bem atualizada, também trouxemos o mais novo Call of Duty para a nossa tabela de testes. Se tratando do jogo mais atualizado da lista, o nosso PC se saiu muito bem, mantendo acima dos 60 FPS o tempo todo.

Time Spy (DX12)

Padrão

3DMark Time Spy (DX12)
Dados: Resultados
Pontuação Gráfica 4335 Pontos
Pontuação CPU 5480 Pontos
Pontuação Geral 4473 Pontos


Nosso primeiro benchmark rodou nas configurações padrão, igualzinho a versão grátis de testes. Neste benchmark, temos os resultados separados por placa de vídeo e processador, assim como o resultado combinado, ficando mais fácil de comparar.

Cinebench R20

Não irei criar tabela para o resultado pois ele mede somente 1 coisa: CPU. Depois de fazer 5 runs seguidas, uma atrás da outra com o processador já quente do teste de stress, a nossa média de pontuação ficou nos 2365 pontos, bem próxima do i7 7700k.

V-Ray Standalone (CPU)

No V-Ray Benchmark fizemos somente o teste de processador, pois infelizmente não há suporte para placas de vídeo da AMD neste teste. Com isso em mente, o i5 9400F marcou 6696 pontos em um minuto de benchmark.

Blender BMW/Classroom

Configurações padrão

Blender Benchmark
Dados: Stock
BMW (GPU) -
BMW (CPU) 02:24;86
Classroom (GPU) -
Classroom (CPU) 18:12;92

Nosso terceiro benchmark e também último teste vem com o Blender, onde fazemos a renderização de duas cenas distintas. Não vamos apresentar os testes de GPU pois a versão atual do Blender está totalmente quebrada, e não corresponde com a real performance do PC, mas espere cerca de 02m50s de tempo de renderização para a BMW e em volta dos 06m00s para a sala de aula.

Eai, roda tudo?

Bom, depois de verem os resultados acima, tenho certeza que vocês sabem que a resposta é SIM! A Performance de PCs de baixo custo tem melhorado muito nos últimos anos, e isso é excelente. Temos peças acessíveis e de boa qualidade, e que podem proporcionar uma excelente experiência sem precisar dar o valor de uma moto 0KM.

A configuração é perfeita? Não, mas é um excelente ponto de partida para aqueles que queriam um pequeno guia de um PC bom em todos os aspectos. Se você tem algum uso específico, e ainda quer alguma ajuda para saber se essa é a configuração ideal para você, comente aí embaixo que estaremos respondendo para ajudar!

Se tiverem outras dicas para o próximo PC que vocês gostariam que montássemos, também podem comentar aí embaixo.

PC Custo x Benefício de R$3000

Compartilhe com seus amigos:
Comentários:
Carregar comentários