O que esperar da Xiaomi no Brasil

Eles estão chegando!!

Por | @Evilmaax Smartphones

Se você já sabe da novidade, então talvez esteja tão feliz e ansioso quanto eu, afinal, uma das maiores fabricantes de celulares do mundo está chegando com seus aparelhos potentes, e o melhor de tudo: a um baixo custo.

Sim, a fabricante chinesa Xiaomi, fundada há menos de 5 anos e que já tem faturamento superior a 12 bilhões de dólares por ano e que atualmente tem o brasileiro Hugo Barra como vice-presidente, está finalmente chegando para nós. De acordo com postagens no Facebook da marca é possível ver que a aterrissagem por aqui está realmente perto, mas o que esperar deste desembarque?

Os smartphones da marca são famosos por superarem os “tops” de linha da Apple e Samsung com seus modelos “desconhecidos” e o melhor: São bem mais em conta. Sim, os chineses conseguem fazer esta mágica.

Smartphone top de linha

O aparelho top da Xiaomi no momento é o “Xiaomi Mi 4”, lançado em julho do ano passado e concorre diretamente com os tops da Apple e Samsung, iPhone 6 Plus, e Galaxy S5, respectivamente.

Veja o quadro comparativo que fizemos:

O que esperar da Xiaomi no Brasil

Note que o Xiaomi só não é superior aos demais na categoria armazenamento interno, onde conta com 64 GB, e o iPhone com o dobro. No peso e tamanho de tela há também uma pequena diferença, 4 gramas mais pesado que o aparelho da Samsung e meia polegada menor frente ao gigantesco iPhone 6 Plus e 0.1 polegada em comparação ao S5.

Mas agora vejamos se não compensa. A começar pelo preço. O Mi4 custa menos da metade de um iPhone 6 Plus e menos 250 dólares a menos do que um S5. E mais, em todos os outros quesitos ele bate os concorrentes: Tem maior densidade de pixels, o triplo de memória do iPhone e 1 GB a mais do que o S5, maior capacidade de bateria e um conjunto de câmeras mais coeso. Câmera traseira de alta qualidade, perdendo apenas para o Samsung e câmera frontal de qualidade (até que enfim!!).

Com esta câmera seus selfies ficarão muito mais potentes; A potência do aparelho chinês é 6x maior que a do iPhone e 4x a do aparelho sul-coreano.

Mas veja que a Xiaomi não fabrica apenas smartphones, ela também atua no mercado de periféricos, vendendo mouses wireless por menos de 5 dólares!!!, pulseiras inteligentes, fones de ouvido, joysticks sem fio, cases para notebooks, adaptadores USB/Ethernet, sistema operacional, controle remoto, roteador wi-fi, linha de tv’s smart, etc. Enfim, uma profusão de coisas como só os chineses sabem fazer (tem até um potente purificador de ar).

O que esperar da Xiaomi no Brasil

Phablet

No campo dos Phablets a Xiaomi também traz boas notícias, veja abaixo a comparação do seu melhor modelo, o Xiaomi Mi Note Pro com o principal concorrente, o Galaxy Note 4

O que esperar da Xiaomi no Brasil

Em uma comparação rápida podemos ver que o aparelho chinês perde apenas no quesito câmera traseira e bateria. Agora vamos ver no que ele ganha: Começando pelo preço, quase 300 dólares de diferença, o dobro do armazenamento interno, 1 GB a mais de memória, aparelho um pouco mais leve e câmera frontal pouca coisa melhor. Aaah, e o aparelho da Xiaomi já vem com o Android 5.0.

A grande diferença (além do custo) é o processador, enquanto que no aparelho da Samsung temos um octa core de 1900 MHz, no aparelho da Xiaomi temos também um octa core, mas com nada mais nada menos do que 2800 MHz, o que na prática, dá algo como 1 processador de 7200 MHz a mais para os chineses.

Smartphone básico

A companhia também oferece boas opções para aqueles que querem um aparelho bom, mas – ainda mais – de baixo custo. Veja a comparação da categoria:

O que esperar da Xiaomi no Brasil

Veja que mais uma vez a Xiaomi ganha disparado. Embora mais pesado, tem as melhores entre as câmeras frontais e traseiras, o melhor dos processadores, a melhor memória – empatado com o Zenfone 5, da Asus – o maior armazenamento e, de longe, a bateria com maior autonomia. O preço não é o mais barato, mas compensa, não compensa? E mais, a Xiaomi oferece capa de couro em flip + protetor de tela + caneta para utilização do touch.

É, não temos mais dúvidas. Xiaomi, venha que o Brasil, vai lhe usar.

E você, está tão ansioso quanto eu? Conte-nos nos comentários logo abaixo, e aproveite e clique aqui para conferir todos os nossos reviews ou aqui para conferir a linha de produtos da fabricante chinesa.

Mais sobre: Xiaomi Mobile Hugo Barra
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Destaquesver tudo