A Epic Games, desenvolvedora do game Fortnite, sempre tem garantido bons recursos de personalização para seus jogadores, como skins de heróis da Marvel e até da NFL. Aproveitando do sucesso do futebol americano no jogo, a empresa anuncia agora um acordo com clubes de outro futebol - sim, o mais popular do planeta.

O acordo envolve o licenciamento de 23 clubes de futebol para o jogo, sendo dois do Brasil: Santos e Bahia. Os outros clubes que também foram integrados fazem parte do futebol do exterior, sendo Manchester City, Juventus, Milan, Inter de Milão, AS Roma, Seattle Sounders FC, Atlanta United, Los Angeles FC, Wolverhampton Wanderers, West Ham, Sevilla, Sporting CP, Borussia Mönchengladbach , FC Schalke 04, VFL Wolfsburg, Rangers, Celtic, Cerezo Osaka, Melbourne City FC, Sydney FC e Western Sydney Wanderers.

Confira o vídeo do anúncio oficial narrado pelo próprio Rei do Futebol;

Marcelo Frazão, executivo de marketing do Santos FC, falou sobre o impacto desse acordo para o clube.

"Consideramos o universo de games estratégico para o Clube, tanto em termos de posicionamento como em aumento de audiência e proximidade com o público jovem. É neste conceito o lançamento desta ação de licenciamento com a Epic Games para o Fortnite: você pode até não conhecer o jogo, mas tenha certeza que seu filho conhece e joga."

Como obter os itens personalizados?

A Epic anunciou que a novidade ficará disponível a partir de amanhã, 20 de janeiro. Se o jogador participar do Campeonato Pelé, ele levará os itens de forma gratuita, acompanhados de um gesto para o personagem que imita o "Salto no ar de Pelé", comemoração de gol mais famosa do Rei do Futebol. Além disso, o jogador poderá concorrer a uma camisa autografada do Santos FC.

Os jogadores poderão contar com itens personalizados do Santos FC. (Imagem: Epic Games/Santos FC)
Os jogadores poderão contar com itens personalizados do Santos FC. (Imagem: Epic Games/Santos FC)

A desenvolvedora também falou sobre o Modo Criativo, uma seção do jogo ao qual será possível jogar futebol. As partidas serão realizadas com times de quatro jogadores cada, e para fazer os gols será possível usar o próprio corpo, picaretas, potencializadores e reforços de velocidade.