Spotify critica fortemente a Apple por suposta tentativa de monopólio

Spotify diz que ações da Apple prejudicaram a concorrência e os consumidores, e estão claramente violando a lei. Além disso, cita que na crença da Apple, os usuários do Spotify no iOS são clientes da Apple e não clientes do Spotify, o que vai ao cerne da questão com a Apple.

Por Aplicativos Pular para comentários
Spotify critica fortemente a Apple por suposta tentativa de monopólio

O Spotify considera algumas medidas da Apple anticompetitivas, e isso fez com que a companhia solicitasse a intervenção da Comissão Europeia para que algumas mudanças ocorram neste sentido.

O serviço de streaming acusa a Apple de estar limitando a concorrência, um dos pontos destacados é quanto ao envio de e-mails com promoções e marketing, o qual seria barrado pelas políticas da Apple.

O Spotify também diz ser injusta a taxa aplicada na App Store de 30%, pois isso interfere diretamente no valor final das mensalidades, o que não é aplicado no Music.

Segundo o Spotify "A Apple é dona tanto do iOS quanto da App Store, e do serviço concorrente do Spotify. Em teoria tudo bem, mas nesse caso, eles continuam permitindo a si mesmos uma vantagem injusta em cada turno, e por isso agora estamos pedindo à Comissão Europeia que tome medidas para assegurar a justa competição."

Outra questão levantada pelo Spotify diz respeito a limitação do serviço na Siri, Apple Watch e no HomePod. Sendo que no caso do Apple Watch haveria apenas um aplicativo para controlar o Spotify em outro dispositivo, o que o impede de ser executado no smartwatch.

O principal objetivo do streaming de músicas é conseguir liberar uma forma dos assinantes conseguirem contratar o serviço Premium no iOS sem a intervenção da Apple. Outro objetivo é conseguir alcançar usuários com promoções, marketing e comunicação direta através de e-mail.

"Todos os monopolistas vão sugerir que não fizeram nada de errado e argumentarão que têm em mente os melhores interesses dos concorrentes e consumidores", disse um representante da Spotify à Variety. "Dessa forma, a resposta da Apple à nossa queixa perante a Comissão Européia não é nova e está inteiramente de acordo com nossas expectativas."

mSpotify diz que ações da Apple prejudicaram a concorrência e os consumidores, e estão claramente violando a lei.

"Apresentamos nossa queixa porque as ações da Apple prejudicaram a concorrência e os consumidores, e estão claramente violando a lei. Isso é evidente na crença da Apple de que os usuários do Spotify no iOS são clientes da Apple e não clientes do Spotify, o que vai ao cerne da questão com a Apple. Respeitamos o processo que a Comissão Européia deve empreender para conduzir sua revisão."

O comunicado da Apple, divulgado na sexta-feira, afirmou que o Spotify está disfarçando "motivações financeiras em retórica enganosa sobre quem somos, o que construímos e o que fazemos para apoiar desenvolvedores independentes, músicos, compositores e criadores de todos os tipos", atacando ainda mais o serviço sueco para ingressar na Amazon, Google e SiriusXM / Pandora ao se opor a taxas de royalties mais altas para compositores.

Agora, vamos aguardar pelo desfecho deste impasse. O que você pensa em relação as questões levantadas pelo Spotify? Deixe seu comentário.

Fonte: appleinsider

Compartilhe com seus amigos:
Fernanda Beling
Fernanda Beling Administradora, apaixonada por tecnologia. Amante de livros, séries e filmes.
FACEBOOK // INSTAGRAM: @fsbeling // TWITTER: @fsbeling
Quer conversar com o(a) Fernanda, comente:
Carregar comentários
Últimas notícias de Aplicativos