Oficina da Net Logo

7 coisas a considerar ao iniciar um canal do YouTube

Se você sonha em ser um youtuber de sucesso, saiba que o seu sonho é possível, mas não será fácil de ser realizado. Mesmo assim, vale a pena tentar, e principalmente, perseverar. No mais, temos algumas dicas valiosas que podem ajudar você a alcançar seu objetivo.

Por | @oficinadanet Youtube Pular para comentários

Se alguém lhe disser que é tarde demais para começar o seu canal no YouTube pois a plataforma está saturada, ignore essa pessoa. A plataforma está cheia de canais, mas também está crescendo a todo momento em número de usuários e, embora tenha havido algumas controvérsias ao longo dos anos, ainda é possível que um novo criador de conteúdo construa um canal do YouTube bem-sucedido, mesmo estando já em 2019. 

7 coisas a considerar ao iniciar um canal do YouTube 

Mas, antes de mergulhar em seu novo canal, há algumas coisas que você precisa considerar, se quiser maximizar suas chances de sucesso. Não há garantias de sucesso quando se trata do YouTube. 

  1. Qual é a sua motivação para iniciar um canal no YouTube?

Não estamos falando de qual motivação no sentido de “estar ansioso para agir e trabalhar”, mas sim qual “a razão pela qual você age e trabalha”?. 

Talvez você queira ensinar aos outros como fazer algo, como programar aplicativos, por exemplo. Ou talvez você queira contar histórias brilhantes através de curta-metragem. Você também pode querer jogar e revisar videogames. Pode ser qualquer coisa, mas tem que ser alguma coisa.  Leia em destaque: Qual a diferença entre o YouTube Premium e YouTube TV?.

Sua motivação é a base de três elementos-chave compartilhados por todos os canais de sucesso do YouTube: cobertura de tópicos, público-alvo e motivo da existência. 

  1. A cobertura do tópico é o assunto dos seus vídeos. 
  2. O público-alvo é para quem seus vídeos são destinados. 
  3. A razão da existência é por que eles devem assistir seus vídeos. 

Por exemplo, o canal do Oficina da Net no YouTube inclui análises de gadgets e tutoriais de tecnologia (o que), destinados a pessoas que querem aumentar o nível de conhecimento técnico (quem) e o fazemos de uma maneira realista e acessível, até mesmo para os mais novos iniciantes da tecnologia (porque). 

Você precisa definir essas coisas ANTES de lançar seu canal. Caso contrário, você vai acabar com um canal de miscelânea, que não consegue captar nenhum tipo de audiência significativa, e nenhuma audiência significativa significa nenhum sucesso a longo prazo. 

  1. Com que frequência você vai postar vídeos no YouTube?

Uma vez que você saiba que tipo de conteúdo você vai criar, e quem vai assistir, você precisa decidir sobre um cronograma de produção. Com que frequência você lançará novos vídeos? 

Depende principalmente do tipo de conteúdo: 

  • Para vlogs e Let's Plays, talvez diariamente. 
  • Para curiosidades e pesquisa, talvez a semanalmente. 
  • Para esquetes de alta qualidade, talvez mensalmente. 

Seja realista e pense a longo prazo. Você pode ter energia para fazer um vídeo por dia agora, mas você conseguirá manter essa rotina por seis meses ou um ano? Você quer que isso seja um esforço em tempo integral, ou prefere algum espaço livre na sua agenda? 

Pode parecer bobo, mas mudar a sua frequência mais tarde pode realmente limitar a audiência - tanto que seus assinantes podem cancelar a assinatura. Mesmo faltando um dia (ou semana, ou mês), isso poderia desencadear descontentamento com os fãs. Em caso de dúvida, faça vídeos em uma frequência menor. 

  1. O sucesso do YouTube requer substância e estilo 

Muitas pessoas dirão que o sucesso é sobre “substância sobre estilo”. Bem, eles estão errados. A verdadeira chave para o sucesso é "substância e estilo". Os espectadores do YouTube comem com os olhos, e se você servir um prato que seja saudável, mas sem graça, muitos vão virar o nariz para ele. 

Dos muitos ingredientes para um canal de sucesso no YouTube , três envolvem estilo: 

  1. Títulos inteligentes 
  2. Formato consistente 
  3. Miniaturas do vídeo 

Se o seu canal envolver áudio, você precisará trabalhar com articulação, voz confiante e se livrar de padrões de fala irritantes (como o uso de voz alta). Se você vai aparecer no vídeo, pode querer filmar em pé, olhando para a câmera, sorrindo, sem se mexer, e assim por diante. 

Algumas maneiras de fazer isso: confrontar e matar o medo de falar em público, aprender como um palestrante envolvente o público assistindo a Talk shows notáveis, e acessando sites gratuitos e livros para melhorar as habilidades de comunicação. 

Mas você também precisa editar bem seus vídeos. Serão necessários fazer cortes em intervalos de poucos segundos, mas você deve pelo menos ter um bom aplicativo de edição de vídeo (veja editores de vídeo grátis), certificando-se de que a qualidade e os quadros por segundo são altos o suficiente, além de cortar todos os bits desnecessários. 

  1. Qual equipamento um YouTuber precisa? 

Para ter sucesso, você também precisará adquirir alguns equipamentos essenciais para criar vídeos de alta qualidade. Felizmente, você não terá que gastar muito para começar. 

No mínimo, você vai precisar de: 

Câmera: Antes de gastar um alto valor em uma câmera DSLR, ou mirrorless, saiba que uma webcam de alta qualidade pode ser suficiente para começar. Ou você pode simplesmente usar seu smartphone! Deixe para comprar as câmeras de última geração quando você estiver com seu canal há mais de um ano, pois com esse tempo você poderá saber melhor qual equipamento comprar. 

Tripé: Se você tiver uma câmera, ou acabar usando seu smartphone, então uma boa opção é usar um tripé para segurá-la e mantê-la estável.  

Microfone: Os microfones internos que acompanham as câmeras geralmente são terríveis. Invista em um microfone externo, e grave o áudio separadamente, depois insira o áudio no vídeo, durante a edição.  

Fundo verde: Um fundo verde é necessário se você quiser alterar o plano de fundo de seus vídeos. Você pode fazer seu próprio fundo verde com um pedaço grande de papel, que você pode comprar em uma papelaria (meça o local que a câmera vai filmar antes de fazer a compra). 

Software de captura de tela: É necessário apenas se seus vídeos envolverem captura de tela, como tutoriais em vídeo do Excel ou gameplay de PC. Uma boa opção é o OBS Studio, que é gratuito e pode gravar sua tela como um arquivo de vídeo MP4. 

Esta é apenas uma visão geral. Se você quiser saber mais, consulte nosso artigo completo sobre qual equipamento você precisa para iniciar um canal do YouTube. Quando você começa a levar a sério seu canal, pode considerar a possibilidade de criar um estúdio de filmagem em casa. 

  1. Como você vai promover seu canal no YouTube?

“Se você construir, eles virão.” Certo? NÃO! Não para o YouTube. Você pode passar muitos anos produzindo novos vídeos todos os dias, e nunca quebrar a marca de 1.000 inscritos. É um trabalho difícil, e você não pode ser passivo. 

Quer ter sucesso? Você tem que se promover. Aqui estão algumas idéias sobre como você pode fazer isso, sem fazer spam: 

  • Mídias Sociais: Construir um público em suas redes sociais pode ser tão difícil quanto construir um canal no YouTube, mas se você já tem seguidores, eles podem ser seus primeiros fãs. Você também pode considerar distribuir brindes nas redes sociais em troca de divulgação e inscrições. 
  • Fóruns: São ótimos, especialmente os grandes. Encontre uma comunidade relevante para seu conteúdo e compartilhe APENAS seu melhor conteúdo. Não compartilhe com muita frequência, senão você pode ser banido por spam. 
  • Colabore: Trabalhar com outras pessoas não é apenas uma boa maneira de estabelecer uma rede e expandir seus contatos. Quando outras pessoas compartilham suas colaborações com seus públicos-alvo, eles expõem seus públicos a você. É benéfico para todos. 

Tenha em mente que a promoção acontece a longo prazo. Pode levar meses ou até anos para que seu canal ganhe popularidade. A perseverança é o traço número um entre os criadores do YouTube! 

  1. Ganhar dinheiro no YouTube 

Ganhar dinheiro com o YouTube é mais difícil do que costumava ser antigamente, mas ainda é possível nos dias hoje, mesmo que você esteja apenas começando. 

Embora a maioria das pessoas ache que os usuários do YouTube ganham muito dinheiro com anúncios, a verdade é que os anúncios raramente pagam bem pelo esforço.  

A partir de 2016, a receita média por 1.000 visualizações no YouTube foi de cerca de US$ 1,50 (após o corte do YouTube). Isso equivale a US$ 1.500 por 1 milhão de visualizações, e em 2017 essas taxas caíram ainda mais. 

Em suma, não espere ficar rico com anúncios, mesmo que seu canal seja viral. Então, como os principais YouTubers ganham dinheiro? Uma combinação de muitos métodos de monetização: 

  • Vendas de afiliados  
  • Venda de produtos 
  • Serviços de consultoria 
  • Anúncios diretos sem ser o Google Adsense 
  • Palestras 
  • Doação de fãs 
  1. Definir metas atingíveis

Qual a maneira mais rápida de ficar desanimado como criador do YouTube? Comparar-se com os outros. 

Antes mesmo de começar a trabalhar em seu primeiro vídeo, defina algumas metas úteis que você deseja cumprir. Isso não apenas o manterá focado, e não apenas lhe dará uma sensação de progresso, mas também lhe dará motivação para seguir em frente. 

Um objetivo efetivo tem três elementos principais: 

  • Mensurável: O objetivo deve ter um componente quantificado, que permita saber, a qualquer momento, se você atingiu a meta ou não. 
  • Cronometrado: O objetivo deve ter um prazo realista - não tão distante, suficiente para que você ainda sinta pressão, mas não tão perto que seja esmagador. 
  • Controlável: O objetivo deve ser uma ação que você pode realizar. 

Por exemplo, você pode tentar lançar 10 vídeos (mensuráveis) até o final do primeiro mês (cronometrado). Observe que "exibir um vídeo" é uma ação que você pode realizar, quando "alcançar 1.000 espectadores" não é uma ação, mas um resultado. "Ganhar US$ 50 este mês" não é uma meta que dependa só de você, mas "encontrar e negociar um acordo de patrocínio" é. 

Crie alguns objetivos e continue criando outros ao alcançá-los. Você ficaria surpreso com o quão eficaz isso pode ser em mantê-lo motivado e no caminho certo para o sucesso. 

Que tipo de canal do YouTube você vai criar? 

Espero que este post tenha sido motivador, e não desanimador. Criar e administrar um canal no YouTube é fácil, mas criar um que seja bem-sucedido exige muito esforço. Há muito a aprender e muito a praticar. 

Comentários
Carregar comentários