Saiba por que você nunca deve usar estações de carregamento USB em aeroportos e transportes públicos

Sabem aquelas estações de carregamento de energia USB nos aeroportos e transportes públicos gratuitas? Pois bem, o gratuito pode ter um custo mais alto do que você pensa se você possui informações confidenciais em seus dispositivos.

Por | @bgssilva Tecnologia Pular para comentários

"Se conectar a uma porta USB pública é como encontrar uma escova de dentes na beira da estrada e decidir colocar ela na boca. Você não tem idéia de onde ela veio e o que pode acontecer", diz Caleb Barlow, vice-presidente de inteligência de ameaças da X-Force na IBM Security.

"E lembre-se, além de carregar o seu dispositivo, portas USB pode transmitir dados", completa.

É muito mais seguro levar seu carregador e conectá-lo a uma tomada de parede ou, alternativamente, levar um powerbank portátil para recarregar seu telefone quando estiver com pouca carga.

Estações de carga USB pública e em transportes públicos podem oferecer riscos à segurançaEstações de carga USB pública e em transportes públicos podem oferecer riscos à segurança

Se mesmo sabem disso, você insistir em usar portas USB públicas, Barlow recomenda investir US$10 por algo chamado Juice-Jack Defender. "É um pequeno dongle que você pode colocar entre o seu cabo USB e a estação de carregamento, basicamente ele bloqueia a passagem de dados, só permitindo a carga", diz Barlow.

Embora essa precaução pareça excessiva para o viajante, Barlow diz que é inteligente se preocupar com estações de energia USB públicas.

O número de hackers nos Estados Unidos tem voltado seus olhos para os viajantes, de acordo com uma nova pesquisa da IBM Security.

O Índice de Inteligência de Ameaças IBM X-Force de 2019 revela que o setor de transporte tornou-se um alvo prioritário para os cibercriminosos e que hoje é o segundo setor mais atacado - de décimo em 2017. Desde janeiro de 2018, 566 milhões de registros da indústria de viagens e transporte tiveram dados vazados ou comprometidos.

Barlow também aconselha a evitar acessórios aleatórios deixados por terceiros. "O meu favorito é um cabo de carregamento simples da Apple", diz ele.

"Vamos dizer que eu sou um cara mau. Eu entro em um aeroporto. Eu não vou facilmente desmontar a estação de carregamento, mas é fácil deixar o meu cabo para trás. Agora, se você ver um cabo de carregamento da Apple, é provável que você o pegue ou simplesmente conecte-o. Mas dentro deste cabo está um chip extra que instala um malware, você carrega seu smartphone e eu passo a ter acesso sobre ele a qualquer momento", exemplificou Caleb Barlow.

Com a tecnologia cada vez mais presente em nossas vidas, é importante ficar mais atento sobre às possíveis formas de ataques e proteção, para que possamos sempre evitar que o pior aconteça.

Eu sempre usei powerbank mesmo antes de imaginar um tipo de ataque a privacidade dessa maneira. E você, usa estações de carga em aeroportos e transporte público? Nos conte, deixe seu comentário.

Assista ao nosso último vídeo:
Inscreva-se no canal