O One Fusion+ é um dos smartphones da Motorola que hoje é considerado melhores custo benefício, a sua capacidade em processamento, câmeras que dão conta e bateria grandona tornam esse smartphone um dos queridinhos a ficar de olho em 2021. Agora a pergunta que quero responder para você é, por quanto vale a pena comprar o One Fusion+? Testamos o One Fusion + por algumas semanas e esta é análise dele, onde vamos avaliar os pontos fortes, pontos fracos, alguns concorrentes e preços que consideramos valer ou não a pena comprar.

O One Fusion+ traz várias melhorias em relação a sua versão normal e mesmo com o "Plus" no nome ele acaba por ter uma altura um pouco menor do que a versão normal. Mesmo assim o aparelho recebeu vários upgrades consideráveis em suas partes internas, podendo dizer que é um celular quase que completamente diferente apesar do nome.

Agora que já fizemos o Roda Liso (teste de jogos) dele vamos fazer um review completo, destacando os pontos fortes, os pontos fracos, alguns aspectos gerais sobre esse aparelho - e brevemente comparando com o original, ver alguns de seus competidores e no fim falar sobre quais faixas de preço ele vale (ou não) a pena ser comprado. Este é o vale a pena do Motorola One Fusion+.

Aliás, o Motorola One Fusion+ está entre a nossa escolha como um dos 5 melhores celulares da Motorola, atualmente.

Vale a pena comprar o One Fusion+?

Motorola One Fusion+
Motorola One Fusion+

Apesar de ser 3mm menor em altura, o One Fusion+ ganha meio milímetro de largura e 0.2mm de espessura, o que ajuda bastante a aumentar o espaço interno se comparado ao One Fusion normal, também ganhando 5 gramas a mais (210g vs 205g). A sua tela recebe uma resolução bem maior também, agora tendo 396ppi a 234x1080 de resolução de tela que tem tecnologia IPS.

Nas partes internas agora encontramos um Qualcomm Snapdragon 730 e uma Adreno 618 em conjunto de 4 GB de RAM e armazenamento interno de 128 GB. Em seu conjunto de câmeras traseiras temos a principal de 64 MP, f/1.8 (wide), a secundária de 8 MP, f/2.2 (ultrawide), a terceira de 5 MP, f/2.2 (macro) e o sensor de profundidade de 2 MP, f/2.2. Sua câmera frontal é motorizada com 16 MP, f/2.0 no aspecto Wide e só é acionada quando o usuário escolhe a câmera frontal durante o uso da mesma.

Sua bateria é de 5000 mAh e o carregador incluso da caixa é de 15W, então ganhamos 5w de velocidade de carregamento. Ainda temos o slot dual-sim híbrido que aceita cartões microSDXC e ele já vem equipado com o Android 10 de fábrica.

  • Processador: Qualcomm Snapdragon 730
  • CPU: Octa-core (2x2.2 GHz Kryo 470 Gold e 6x1.8 GHz Kryo 470 Silver)
  • Sistema operacional: Android 10
  • Memória RAM: 4 GB e 6 GB
  • Armazenamento Interno: 128 GB
  • Tela - Tipo: IPS
  • Tela - Tamanho: 6.5
  • Tela - Resolução: 2340 x 1080
  • Tela - Densidade: 396 ppi
  • Câmera principal: 64 MP, f/1.8, (wide), 1/1.72, 0.8µm, PDAF
  • 2ª câmera: 8 MP, f/2.2, 118˚ (ultrawide), 1/4.0, 1.12µm
  • 3ª câmera: 5 MP, f/2.2, (macro)
  • 4ª câmera: 2 MP, f/2.2, (profundidade)
  • Câmera Frontal: Motorizada 16 MP, f/2.0, (wide), 1/3.0, 1.0µm
  • Bateria: 5000 mAh
  • Carregador: 15W
  • Motorola One Fusion+ - Ficha técnica completa

Pontos fortes do One Fusion+

Mas chega de falar dos aspectos gerais do aparelho, vamos ver onde ele vai bem.

Bateria

A bateria de fato é um ponto forte do aparelho, com o bom gerenciamento de bateria que a Motorola vem apresentando em conjunto dos 5000mAh a média deve ser de 6 horas de tela durante o uso regular, com números em jogos sendo apresentados durante o nosso quadro do Roda Liso.

Hardware

Sem sombra de dúvidas ele trouxe hardware muito mais competente que o seu irmão "menor", com um Snapdragon 730, a GPU Adreno 618, 4 GB de RAM e armazenamento de 128 GB você não deve sentir falta de desempenho por alguns bons anos, ainda mais com uma tela de 6.5" com 396ppi de densidade.

Câmeras

Se as fotos e vídeos do One Fusion já lhe agradavam, temos a boa notícia que o One Fusion+ deve agradar ainda mais, afinal o mesmo recebeu um bom upgrade tanto na lente principal quanto na lente da câmera frontal, que agora oferecem ainda mais detalhes nas fotos.

Deixamos a galeria abaixo fazer o trabalho de lhes mostrar como foram os resultados com o novo conjunto óptico do aparelho.

Câmera principal
Câmera Ultrawide
Câmera principal
Câmera Ultrawide
Câmera frontal
Câmera frontal modo retrato
Câmera macro
Câmera principal
Câmera Ultrawide

Tela

Outro ponto legal é a tela. Apesar de não ser das mais queridinhas, ela conta com IPS de 6.5 polegadas, o legal da tela é não ter nenhuma interrupção, bom para consumir vídeos, assistir filmes ou séries, se você faz isso no celular ou mesmo jogar.

Onde o One Fusion+ deixa a desejar?

Mesmo com muita coisa boa pra dizer sobre o celular, ainda há aquilo que não agrada tanto no pacote.

4GB de RAM

Vou ter que tocar nesse ponto, apesar de ser suficiente para a maioria das atividades, os 4GB podem ser o gargalo de performance no futuro e assim apps e atualizações do Android podem apresentar problemas. A Motorola acredita que os 4GB sejam suficientes, até então sim, mas os concorrentes com preços similares ou mais baratos estão empregando 6GB, então, não tem muitas desculpas.

Motorola One Fusion+
Motorola One Fusion+

Falta de Resistência a água e poeira (IP68 e afins)

Pensou em lavar o One Fusion+? Infelizmente não será possível, mesmo que a Motorola diga que há uma proteção e que respingos de chuva não devem apresentar nenhum problema ainda ficamos com o pé atrás, afinal certificações servem para provar que existe tal resistência.

Concorrentes

O smartphone está atualmente custando cerca de R$ 1900, nesta faixa de preço vamos ver quais outros aparelhos ficam em volta deste valor.

Motorola Moto G9 Plus

A começar pelo irmão "menor", o Moto G9 Plus da mesma marca, processador quase idêntico (730G no G9 Plus), memória ram e armazenamento iguais além da bateria também de 5000 mAh só que 30W de carregamento no G9 Plus ao invés dos 15W no One Fusion+. A diferença entre eles está no tamanho de tela, sendo 6.8 no Moto G9 Plus e 6.5 no One Fusion+.

Nas câmeras, apenas o sensor macro no One Fusion+ tem 5MP conta 2MP no G9 Plus. De resto são dois smartphones praticamente idênticos em questão de hardware. Eu compraria o Moto G9 Plus. Ofertas dos dois produtos estão na descrição.

Motorola Moto G9 Plus
Motorola Moto G9 Plus

Samsung Galaxy M51

O M51 é mais conhecido pelo apelido de "Super bateria", afinal os seus 7000 mAh não são algo comum e devem fazer com que a bateria dure 2 dias com certa facilidade. De resto temos conjuntos bem parecidos: Snapdragon 730 em ambos, armazenamento interno de 128 GB, tela de 6.7" pro M51 (essa Super AMOLED ao invés de IPS) e três câmeras traseiras. Outra diferença fica nos 2 GB a mais de memória RAM pro aparelho da Samsung.

Samsung Galaxy M51
Samsung Galaxy M51

Samsung XCover Pro

Como o nome até sugere, o XCover tem foco em resistência e durabulidade do corpo interno, mas não em bateria com os seus "pequenos" 4020 mAh. Aqui já vamos para o Exynos 9611 e armazenamento de apenas 64 GB, a tela é ligeiramente menor com 6.3" e usa da mesma tecnologia IPS para exibir as imagens, porém protegida com Gorilla Glass 5. As câmeras traseiras e a frontal também deixam a desejar em performance se comparadas ao One Fusion+.

Samsung XCover Pro
Samsung XCover Pro

Faixas de preços

Agora já sabemos onde o celular vai bem, onde ele nos decepcionou e também vimos sobre sua concorrência. Está na hora de falar sobre o seu custo em relação aos benefícios que entrega.

Reforço que a variação de preço está bem grande, podendo chegar a mais de 10% de um dia para outro, então fique de olho em várias lojas durante mais dias para ter uma noção maior do quanto o celular está custando em média.

  • Por quanto não vale a pena: Preços acima de R$ 1900 acredito que o aparelho deixa a desejar com opções mais interessantes no mercado.
  • Faixa vale a pena: Entre R$ 1500 a R$ 1900: nesta faixa de preço acredito que o One Fusion+ apresente um bom valor.
  • Faixa vale muito a pena: Abaixo de R$ 1500 ele se torna uma ótima compra, deixando qualquer um muito bem servido e superando as expectativas dos usuários.

Veredicto

Conclui a nossa análise que sim, o Motorola One Fusion+ pode ser uma ótima escolha para você que procura por um celular que entrega ótima bateria, sistema limpo, tela sem interrupções e hardware que não vai trancar e permitir jogar com fluidez. Se encontrar boas ofertas deste produto, valores abaixo dos 1800 reais, será uma ótima escolha. 2021 ele promete ser um dos, senão o melhor custo benefício da Motorola.

Prós
  • Bateria
  • Hardware
  • Câmeras
  • Tela sem interrupções
Contras
  • Pouca RAM
  • Falta de resistência a água e poeira
Motorola One Fusion+
7.9
  • Motorola One Fusion+ 128 GB - Branco Prisma Motorola R$ 1.799,10 Ver oferta
  • Motorola One Fusion Plus Azul , Tela 6.5, 4G+Wi-Fi, Android, Câm.Traseira 64 + 8 + 5 + 2 MP, Frontal 16MP, 128GB eFácil R$ 1.804,05 Ver oferta
  • Motorola One Fusion+ Azul Indigo 128GB, Tela de 6.5”, 4GB RAM, Câmera Traseira Quádrupla, Android 10 e Processador Qualcomm 730 Pontofrio R$ 1.999,00 Ver oferta