Um ano de Spotify Premium grátis? Vírus de Whatsapp está se espalhando

Novo dia e nova tentativa de instalar aplicações maliciosas em nossos smartphones. Desta vez é o Spotify que está sendo usado como bode expiatório.

Por | @marciobohrer Segurança digital

Existem dois tipos de brasileiros hoje: os que já receberam e os que ainda vão receber uma mensagem no Whatsapp, onde, supostamente, o Spotify está dando um ano de conta Premium do serviço de streaming sem mais nem menos. As mensagens estão circulando como grande parte das correntes e vírus divulgados massivamente no mensageiro. O jeitinho brasileiro para driblar taxas de utilização de serviços Premium é o grande influenciador para que muitos usuários caiam nesta armadilha. 

PS: o Whatsapp já trabalha e está para lançar um forma de identificar quando uma mensagem foi compartilhada de forma excessiva.

Já recebeu?Já recebeu?

Atualmente, o Spotify possui duas modalidades para os usuários. A primeira é gratuita - em que o usuário tem acesso, via consumo de dados, a qualquer música disponível na plataforma; pela gratuidade, algumas publicidades são inseridas entre músicas (normal, quando não se paga para utilizar algo). Já a versão Premium requer o pagamento mensal de R$ 16,90 - porém, o plano oferece outras possibilidades, como "alta qualidade do áudio", "ouvir offline", "pular músicas sem limitações" e demais benefícios. A plataforma ainda oferece um plano familiar e desconto para estudantes.

Baixe o Spotify no site oficial, aqui.

Tem para todo mundo. Tem para todo mundo.

O que este vírus faz?

Como não acessei o link para evitar qualquer problema, são diversos tipos de "vírus" que podem entrar em seu smartphone ou computador. A gente até falou especificamente sobre isso neste artigo completo sobre as diferenças entre vírus, spam, worm, phishing, spyweree outros (clique na imagem à direita). Tudo leva a crer que se trata de um Phishing - sites que se parecem muito com os originais e pedem que você faça o falso cadastro para a conta Premium do Spotify. Ao preencher os dados, o site malicioso registra seus dados e o uso deles é ilimitado depois disso. 

Leia também:

Como se proteger?

Sempre que você receber uma oferta tentadora destas, respire fundo, tenha calma e começe analisando algumas coisas que vou listar a seguir:

  1. Observe se o link divulgado é idêntico ao oficial. Como fazer isso? Pesquise no Google pelo site oficial do serviço, no caso, o Spotify. Dá para ver que o link enviado pela mensagem, contem duas letras "f" em spotiFFy. Só esta informação seria suficiente para que você não caísse na roubada. Mas também dá para ver que a extensão do site malicioso é ".net", quando o original do Spotify é ".com".
  2. Pesquise notícias sobre a tal promoção. Se for realmente verdade, algum site oficial do produto terá mais informações. 
  3. As marcas utilizam os seus canais oficiais para se comunicar com os usuários/clientes, portanto, no site oficial e redes sociais terá alguma coisa informando da super promoção. Não se afobe.
  4. Tenha sempre uma "pulga atrás da orelha" para promoções tão escandalosas e suspeitas, como "link secreto para mudar a cor do Facebook". 
  5. Fique ligado no Oficina da Net que sempre tem dicas de segurança e também notícias sobre promoções legais pra você participar.

O que fazer com quem repassa esse tipo de mensagem?

Infelizmente não existe outra alternativa se não cortar relações com os indivíduos. Brincadeiras à parte, você pode ajudar aos amigos para que eles não caiam mais nestas situações. O que você pode fazer agora é compartilhar esta notícia para que as pessoas parem de ser enganadas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO3 comentários
RecomendadoEnquete
Você assina Netflix?
Sim, sou titular(45,94%)
Sim, sou reserva =) (13,43%)
Não, mas pretendo(20,85%)
Não, nem quero(19,79%)
Assine a nossa newsletter

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Comentários
  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    As melhores publicações no
    seu e-mail

  • Preencha para confirmar