Estudo diz que tristeza faz com que pessoas acessem mais as redes sociais

Tempo gasto nas redes sociais pode estar associado ao momento em que o usuário está enfrentando. Pessoas infelizes passam mais tempo conectados.

Por | @oficinadanet Redes sociais

Você acessa muito as redes sociais? Como está a sua vida? Já pensou que o número de acessos pode estar associado ao grau de tristeza de um indivíduo?

O aplicativo Moment, que é exclusivo do iOS, realizou uma pesquisa com os usuários de iPhones para tentar encontrar qual emoção estava relacionada ao uso contínuo do smartphone por um longo período de tempo.

O Moment é um aplicativo que tem como meta alertar as pessoas sobre a quantidade de tempo que a elas utilizam as redes sociais e também aplicativos diariamente. O app possui a capacidade de fazer um rastreamento automático dos hábitos dos usuários, oferecendo relatórios importantes.

Estudo diz que tristeza faz com que pessoas acessem mais as redes sociaisEstudo diz que tristeza faz com que pessoas acessem mais as redes sociais

A pesquisa empregada foi bastante simples, sendo que pedia para que os utilizadores dissessem apenas se estavam felizes ou tristes antes de usar o aplicativo. Mais de 200 mil pessoas participaram do experimento.

Com a finalização da pesquisa, a equipe do Moment acabou revelando um dado um tanto quanto preocupante, ou seja, a tristeza faz com que os usuários passem mais tempo nas redes sociais, com gasto médio de até três vezes mais.

“Em média o tempo gasto pelas pessoas ‘infelizes’ com aplicativos e redes sociais é 2,4 vezes maior do que o tempo em que as pessoas ‘felizes’ passam utilizando estes serviços”.

No Facebook, por exemplo, as pessoas que marcaram a opção feliz passaram somente 22 minutos no dia navegando na rede social, porém, aquelas que optaram por infeliz ficaram 59 minutos conectados em um dia.

Gráfico que compara o humor dos usuários durante os acessos. Gráfico que compara o humor dos usuários durante os acessos.

O mesmo pode ser observado no Reddit. As pessoas que marcaram a opção feliz passaram 29 minutos diários no loca, enquanto quem marcou infeliz passou 57 minutos no dia. Para completar o estudo, no Netflix, quem marcou a opção feliz usou o serviço por 39 minutos em um dia, já na opção infeliz, passou 81 minutos diários.

Gráfico que mostra o índice de pessoas tristes ou felizes em cada aplicativo. Gráfico que mostra o índice de pessoas tristes ou felizes em cada aplicativo.

No total, 23 aplicativos foram avaliados. Somente o Google Maps registrou situação inversa, em que a maioria que marcou feliz passou mais tempo no app.

Devemos levar em consideração que o estudo realizado pelo Moment não é considerado uma pesquisa científica, mesmo com uma grande participação de indivíduos. No entanto, é válido mencionar que trata-se de um dado preocupante e que deveria sim ser levado em consideração em um estudo oficial.

Mais sobre: redes-sociais internet comportamento
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo