Qualcomm e BOE se juntam no desenvolvimento de telas e sensores para smartphones

A Qualcomm firmou uma parceria com a BOE para integrar seu leitor ultrassônico nos displays OLED produzidos pela gigante chinesa, algo que pode beneficiar smartphones intermediários.

Qualcomm e BOE se juntam no desenvolvimento de telas e sensores para smartphones

Em dezembro de 2018, a Qualcomm apresentou o primeiro leitor de impressões digitais ultrassônico 3D, que entrega mais segurança e velocidade na hora do desbloqueio. Atualmente, esse componente pode ser encontrado em alguns smartphones disponíveis no mercado, como os modelos da linha Galaxy S10 e S20, por exemplo.

No entanto, a tecnologia só estava sendo usada em telas produzidas pela Samsung e LG, mas isso acaba de mudar. Buscando expandir o número de clientes, a Qualcomm anunciou uma parceria com a BOE para integrar seu leitor ultrassônico nos displays OLED produzidos pela gigante chinesa.

Graças a esse acordo, o sensor pode chegar em smartphones intermediários, dado que a BOE é a principal fornecedora da Huawei, Xiaomi e Oppo, empresas que fabricam uma série de aparelhos mais baratos. Portanto, os próximos lançamentos destas companhias podem trazer o leitor ultrassônico da Qualcomm.

Leitor de digitais na tela

Lembrando que o sensor ultrassônico é bem mais seguro que os ópticos CMOS, dado que toda a leitura é realizada em 3D por ondas sonoras que mapeiam os picos e vales da impressão digital de cada dedo. Portanto, o sistema consegue reconhecer não apenas o padrão único da digital do usuário, como também a profundidade, garantindo que o número de falhas sejam consideravelmente menores. Além disso, a área de cobertura do leitor da Qualcomm é mais abrangente.

Após estabelecer essa parceria, Roawen Chen, vice-presidente sênior e diretor de operações da Qualcomm Technologies, disse em um comunicado: "Com essa colaboração esperamos que os OEMs tenham mais oportunidades de projetar produtos de ponta que apresentem displays OLED feitos com a tecnologia de sensor de impressão digital Qualcomm 3D Sonic. Esperamos fortalecer ainda mais nossas colaborações inovadoras com a BOE em áreas-chave como 5G e IoT, por exemplo".

A Qualcomm afirma que a BOE já iniciou a produção em massa dos displays com leitor ultrassônico 3D. Espera-se que os primeiros smartphones com essa tecnologia cheguem ao mercado no segundo semestre do ano.

🔥O POCO F4 É MUITO BOM 👇

Comentários
Minha foto
Insira um comentário