Samsung cria chip direcionado para internet das coisas

Internet das Coisas deverá ter um crescimento espontâneo no decorrer dos anos.

Por | @oficinadanet Tecnologia

Nesta semana, a Samsung anunciou que está iniciando a produção do Exynos i T200, o seu primeiro processador dedicado especialmente para à internet das coisas, disse o ZDNet.

O Exynos i é uma marca derivada da Exynos, que é usada pela companhia em processadores para smartphones, porém é direcionada para dispositivos conectados. A Samsung diz que o chip possui a capacidade de aumentar a segurança de tais aparelhos em razão de uma função que evita a cópia ilegal.

Exynos i: chip direcionado para internet das coisasExynos i: chip direcionado para internet das coisas

Para completar, o chip ainda possui múltiplos núcleos, hardware do Security Sub System, que permite senhas e backup de dados, certificação Wi-Fi Alliance e certificação Microsoft Azure IoT. Ele  também suporta conectividade Wi-Fi 2,4 GHz 802.11 b / g / n e o IoTivity, padrão de protocolo IoT de código aberto, que é sugerido pela Open Connectivity Foundation.

Vale mencionar que este não é o primeiro investimento da Samsung no setor de internet das coisas. No ano passado, a empresa mostrou o seu Tizen 4.0, a última versão do seu sistema operacional, que poderá ser aplicado mais em dispositivos que smartphones.

A expectativa é que a internet das coisas tenha um crescimento espontâneo no decorrer dos anos, expandido para até 200 bilhões de dispositivos conectados até 2020 no mundo todo.

Mais sobre: internetdascoisas samsung exynos
Share Tweet
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo