Apesar do fiasco com Galaxy Note 7, Samsung lucra US$ 7.8 no 4º trimestre de 2016

A gama de produtos fez com que a marca obtivesse bons resultados no quarto trimestre de 2016.

Por | @nmuller99 Negócios

A Samsung apresentou um relatório comercial com os números do quarto trimestre de 2016. Apesar de todo o fiasco com as explosões do Galaxy Note 7, a empresa registrou o maior lucro do período em três anos, fechando as contas com 9.22 trilhões de Wons (US$ 7.8 bilhões), 50,2% foi o aumento dos lucros entre os meses de outubro a dezembro.

No relatório os destaques foram componentes, principalmente as memórias e os painéis de visualização, além da alta do dólar, um dos fatores primordiais para alavancar os lucros.

Apesar do fiasco com Galaxy Note 7, Samsung lucra US$ 7.8 no 4º trimestre de 2016

Além do fiasco do Galaxy Note 7, que finalmente teve seu problema descoberto e desvendado, outro fator importante para os números não serem ainda maiores, foi a destituição pelo Parlamento da Coreia do Sul sob suspeitas de corrupção, que apresentou possíveis ligação de cinco executivos da companhia, entre eles o VP Lee Jae-Yong. Embora tenha sido rejeitada a ordem de prisão pedida pelo Ministério Público.

Leia também:

“A Samsung registrou resultados sólidos, apesar da descontinuação do Note 7 na segunda metade”, foi a única menção da empresa referente aos escândalos envolvendo o aparelho.

A aposta no Galaxy Note 7 era grande, concebido para ser o grande concorrente do iPhone, acabou custando alguns bilhões de prejuízo e arruinando a imagem da Samsung. A empresa se manifestou, assumiu o erro e pretende limpar a sua marca, ainda mantendo a marca Galaxy Note para futuros aparelhos, e garante que o Samsung S8 vai ser um smartphone que os consumidores terão gosto de usar.

Mais sobre: samsung, GalaxyNote7, lucro
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.