Apple quer entrar no mercado de séries originais

Maçã deseja produzir atrações autorais e viáveis no mainstream, a exemplo de Stranger Things, da Netflix, e Wesrworld, da HBO.

Por | @oficinadanet Entretenimento

A Apple está decidida a deixar de ser uma empresa essencialmente distribuidora de conteúdo de entretenimento audiovisual para também gerar o seu próprio conteúdo para a TV e para o cinema. Segundo informações do The Wall Street Journal, há indícios de que a Maçã está de olho no mercado de séries originais. O principal motivo para a entrada da Apple neste segmento seria às baixas nas vendas de iPhones e iPdas em 2016.

Conforme relatos de insiders, a companhia vem conversando com veteranos no ramo, em busca de roteiros originais e estratégias de negócios. O objetivo seria produzir atrações autorais e viáveis no mainstream, como Stranger Things, da Netflix, e Westworld, da HBO.

Apple quer entrar no mercado de séries originais

Além das séries originais, a Apple também estaria interessada em produzir conteúdo para o cinema, contudo, isto ainda estaria nos estágios iniciais, logo, alguma novidade nesta linha deve ser anunciada somente no final deste ano.

A Maçã, inclusive, já possui os direitos autorais de uma versão com 30 minutos do “Carpool Karaoke”, sessões de karaokê com celebridades, do programa “The Late Show with James Corden”, da CBS. Além disso, a empresa vem trabalhando na série “Vital Sings”, baseada na história do rapper Dr. Dre. Sua estreia está prevista para o segundo semestre deste ano.

Por enquanto a Apple ainda não assinou nenhum contrato com produtoras, porém, já houve uma aproximação da empresa com as emissoras CBS, Fox e o conglomerado Time-Warner. Antes de fechar qualquer acordo a companhia deseja avaliar seu público em potencial, o que deve ocorrer nos próximos meses.

Veja também:

Mais sobre: Apple séries iphone
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo