10 anos de iPhone: veja 5 inovações popularizadas pelo smartphone da Apple

Há 10 anos, quando Steve Jobs subiu ao palco para apresentar o primeiro smartphone da fabricante, o mundo tecnológico mudou completamente.

Por | @oficinadanet Smartphones

Nesta segunda-feira, dia 9, o anúncio do primeiro iPhone completa 10 anos. O celular da Apple provocou mudanças significativas no mundo dos eletrônicos. Com tela sensível ao toque e a capacidade de acessar a internet, o aparelho apresentado por Steve Jobs, então presidente da Maçã, foi revolucionário para época.

Abaixo, veja algumas inovações apresentadas pelo smartphone da Apple e que se popularizaram na indústria de eletrônicos.

10 anos de iPhone: veja 5 inovações popularizadas pelo smartphone da Apple
Primeiro iPhone revolucionou mercado de smartphones (Imagem: Reprodução/Internet)

Tela sensível ao toque

As telas touchscreen que dominam o mercado de celulares na atualidade foram implementadas ao mercado de smartphones com o primeiro iPhone, lançado em 2007. Desde então, aparelhos móveis com cada vez menos botões e com teclados virtuais viraram regra.

Aplicativos

Em 2008 a Apple lançou a App Store, primeira loja de aplicativos para smartphones. De quebra, fez os iPhones se tornarem um campo aberto para novos criadores de conteúdo, disseminou a ideia dos aplicativos e também ajudou a navegação da internet migrar dos PCs para os celulares.

Veja também:

Assistente via comandos de voz

Em 2011 a Apple surpreendeu com o iPhone 4S. Embora ele não tenha apresentado muitas mudanças de design, seu interior apresentava significativas alterações, como um novo processador, o Apple A5, mais potente. Esta maior capacidade de processamento permitiu a inclusão da assistente pessoal Siri ao smartphone, que executava funções assim que os usuários falassem com ela. A moda pegou e hoje, além da Siri, existem no mercado outros assistentes de voz, como o Google Now, a Cortana, da Microsoft, e a Alexa, da Amazon.

Leitor de impressões digitais

A Maçã foi a responsável por incorporar o conceito da biometria nos smartphones. Até a criação do iPhone 5S, em 2013, era preciso digitar uma sequência de letras para destravar o aparelho. A Apple adicionou no iPhone 5S um leitor de impressões digitais, que permite destravar o smartphone com a ponta dos dedos. Mais tarde estas credenciais passaram a ser usadas também para certificar compras digitais. A tecnologia agradou tanto que passou a ser adotada por outras fabricantes, como Samsung, Motorola e Asus.

10 anos de iPhone: veja 5 inovações popularizadas pelo smartphone da Apple
iPhone 5S foi o primeiro a contar com impressões digitais (Imagem: Reprodução/Internet)

Tecnologia 3D Touch

Oito anos após popularizar as telas sensíveis ao toque, a Apple incrementou a tecnologia 3D Touch em 2015, com o iPhone 6S. Com esta tecnologia o aparelho passou a reagir também à pressão dos toques no display. Ao aplicar determinada força sobre o ícone de um aplicativo, o usuário recebia ações rápidas de funções. A funcionalidade foi aprimorada com o iPhone 7, última geração de smartphones da Apple até o momento. Agora o celular vibra de acordo com o que ocorre em aplicativos.

Após apresentar tantas novidades, os últimos lançamentos de iPhone não têm surpreendido tanto assim os fãs da marca. Será que a Maçã conseguirá voltar ao velhos tempos e continuar fazendo história no segmento? 

Fonte: G1.com

Mais sobre: Apple, iPhone, smartphones
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.