[Vídeo] Review Moto Z + Moto Snaps

Esta é a cara nova da Motorola/Lenovo na figura do smartphone mais fino do planeta.

Comentários Márcio Bohrer   -

O que esperar de um novo smartphone? Sabemos que, ao menos uma vez por ano, as principais fabricantes do mundo apresentam uma nova edição de seu carro-chefe. Pode ser uma simples renovação para o modelo anterior ou então um exemplar completamente novo, por dentro e por fora.

A Motorola, como você já sabe, pipocou nas mãos do Google antes de parar sob o comando da Lenovo. Pois o Moto Z, mais recente lançamento da marca, esteve aqui na redação por uns dias e nós o colocamos à prova. Será que vale o investimento? Acompanhe comigo!

Assine o nosso canal e receba mais vídeos como este:

Design

Um amigo estava em dúvida sobre qual smartphone comprar, sua primeira opção era um Moto Z. O maior receio era que o smartphone fosse muito frágil (Ele detonou o display de um Moto Maxx). Quando peguei o Moto Z nas mãos, logo veio aquela sensação de insegurança, já que o Moto Z é extremamente fino!

Mas ser fino é ruim? Claro que não! Desde que você não o trate como aquele Nokia 1220 da “antiguidade”, se sairá bem com o Moto Z. Além disso, no pacote da compra você leva para casa uma “Style Shell” para estilizar seu smartphone e adicionar proteção. As mudanças estéticas são completamente diferentes de todos os smartphones já lançados pela Motorola, ponto muito positivo - já que Moto G's, E's e X's tinha design muito parecido. Com o Moto Z as definições de beleza estão atualizadas.

O aparelho possui uma chapa de metal às costas, junto de três pequenas chapas pretas nas extremidades e na proteção da câmera. A câmera, que por sua vez, eleva a espessura do smartphone - que tem apenas 5,19mm. Você não ouviu errado, não, são apenas 5 mm. Vale ressaltar que a Style Shell nivela a protuberância da câmera enquanto os Moto Snaps (vamos falar deles depois) protegem ainda mais a integridade das lentes.

Ainda na parte traseira, além da câmera, a parte saltada do smartphone reserva espaço para o flash dualLED (quente/frio) para equilibrar melhor a cor de suas fotos noturnas. Uma pequena inscrição “Moto” está entre a câmera e o flash.

Na parte de baixo da tampa (irremovível) traseira está uma das partes mais importantes e inovadoras do Moto Z. Os contatos em cobre para fixação e transferência de dados dos Moto Snaps. Tanto as Style Shells quanto Moto Snaps possuem uma chama magnética interna que se abraçam à traseira metálica do Moto Z.

O corpo do Moto Z é todo de metal, dando total sofisticação ao aparelho de design Premium. Nas bordas, estão apenas seis itens específicos: Botões Power e Volumes +/- (na lateral direita), gaveta para SIM 1/2 ou SIM 1 + cartão MicroSD e microfone para reduzir ruídos externos durante as ligações (no topo) e na parte extrema inferior a entrada USB Type-C - mais recente porta utilizada para transferência de dados, energia e agora também som (Moto Z vem com um adaptador para você não ter de colocar fora todos os fones de ouvido tradicionais).

A face frontal também carrega informações interessantes. A começar pelo leitor de impressões digitais bem na parte de baixo. Gostei de vê-lo por ali, já que a moda agora é que ele esteja às costas na chapa traseira, como você pode ver aqui no Zenfone 3.

Junto do leitor estão os sensores de proximidade e os microfones. O display de SuperAMOLED de 5,5” não ocupa toda a superfície do aparelho, mas a proteção Gorilla Glass o faz - as bordas do vidro são levemente arredondadas, dando ainda mais suavidade à pegada. Mais acima estão fixados a câmera frontal, Alto-falante e Flash frontal.

A pegada do Moto Z é extremamente agradável por se tratar de um produto leve e, mesmo preferindo um display menor, o Moto Z muito me agradou fisicamente. É bem verdade que você precisa cuidar para que ele não escorregue e caia. Se você, assim como eu, coloca o dedo abaixo do smartphone por mais segurança, não conseguirá tocar todo o display com apenas uma mão.

Para concluir esta parte, o Moto Z é muito lindo, fino, agradável e se fosse para escolher um novo smartphone apenas pelo design, esse seria meu favorito!

Hardware

O que esperar de um novo smartphone? Bom, é certo que se você busca um top de linha, o mínimo que ele deve oferecer é um desempenho fluído com sobras, certo? O Moto Z vem equipado com processador Qualcomm Snapdragon 820 Quad-core de 1,8GHz, um dos mais poderosos processadores Mobile da atualidade. A GPU Adreno 530 faz trabalho importante no processamento gráfico, além de 4GB de memória RAM.

Este conjunto faz trabalho muito satisfatório frente à games, muitos apps abertos e outros serviços. Esta foi a vez que mais games baixei para testar usando o Moto Z. Entre os principais, Asphalt 8: Airborn e Alto’s Adventure são os que mais me “roubam” tempo e em nenhum momento o aparelho sofreu.

Benchmarks

Nos testes de benchmarks o poderio se comprovou. No AnTuTu, por exemplo, o Moto Z fez 128161 pontos. De lavada a maior pontuação registrada nos aparelhos que já passaram aqui pelo Oficina da Net.

AnTuTu
Pontuação Geral: 128161
3D: 48170
UX:
DC - HSPA+
DL: 42Mbps
UL: 5,76Mbps
LTE Cat13: 600/150 Mbps
41541
CPU: 

28145

RAM: 10305

Em outro aplicativo, o Vellamo, novamente o Moto Z surpreendeu e fez pontuação superior em todos os três testes.

Vellamo
Chrome Browser 5155

Metal Core

3389
Multicore
DC - HSPA+
DL: 42Mbps
UL: 5,76Mbps
LTE Cat13: 600/150 Mbps
3483

É bem verdade que a pontuação do Moto Z não assusta o iPhone 7 Plus, por exemplo, mas é uma posição de respeito.

Armazenamento

O Moto Z vem com 64GB de armazenamento interno e, como você leu no início deste texto, a gaveta para chip de operadora oferece a possibilidade de o usuário utilizar um cartão SIM e um cartão de memória MicroSD de até 2TB.

Em momento algum durante o tempo com o Moto Z tive receito de instalar aplicativos, ou de receber um extenso pacote de fotos e vídeos no Whatsapp. Além do cartão de memória, sincronizar suas fotos com serviços em nuvem vai lhe ajudar ainda mais com qualquer problema de armazenamento.

Display

Esta incrível tela de 5,5 polegadas e resolução QuadHD (1560x1440 pixels) possui tecnologia SuperAMOLED. Simplificando, é uma das melhores telas que você vai encontrar no mercado atual. Ela também recebe a proteção de uma camada em vidro Gorilla Glass 4.

O campo de visão é bastante abrangente e confortável para se sentar e assistir a um bom filme enquanto está no ônibus, por exemplo.

Bateria

O Moto Z possui uma bateria de 2600 mAh que prometem suportar um dia inteiro de utilização sob uso moderado. De fato isso ocorre, chegando em casa com mais de 20% de bateria. Porém, há quem possa reclamar por uma bateria mais potente. É então que entra o INCIPIO na jogada. Explico:

Quando você for comprar um Moto Z na loja oficial da Motorola, junto do smartphone você receberá uma Style Shell de couro muito bonita e uma Off Grid Power Pack “INCIPIO” de presente. O INCIPIO nada mais é que uma bateria externa com o mesmo formato do Moto Z, portanto, você só precisa encaixar a bateria nas costas do smartphone para começar a turbinar a bateria do Moto Z.

Que carregador pré-histórico é esse?
Que carregador pré-histórico é esse?

PS1: É claro que a espessura dele fica maior, mas na hora do aperto você não vai ficar sem telefonar.

PS2: Se ainda não estiver bom, o carregador do Moto Z é turbo e carrega a bateria do smartphone e do INCIPIO juntos e tranquilamente.

Comparação

MELHOR
Moto X Force
Posição no ranking: 2º
Moto Z
Posição no ranking: 1º
· MarcaMotorolaLenovo
· AnTuTu88116128161
· ProcessadorQualcomm Snapdragon 810Qualcomm Snapdragon 820
· GPUAdreno 430Adreno 530
· Memória RAM3 GB4 GB
· Armazenamento Interno64 GB64 GB
· Armazenamento Extra128 GB2 TB
· Câmera Frontal5 MP5 MP
· Câmera Traseira21 MP13 MP
· Vídeo4K - 30 fps4K - 30 fps
· Sistema operacionalAndroid 6.0Android 6.0.1
· Bateria3760 mAh2600 mAh
· Resolução2560 x 14402560 x 1440
· DisplayAMOLED 5,4Super AMOLED 5,5
· Proteção displayMoto ShatterShieldGorilla Glass 4
· Peso169 g136 g
Extras: Extras:

Câmera

Já há alguns modelos a Motorola acertou na qualidade de suas câmeras e, obviamente, com o Moto Z não seria diferente. O rápido acesso, velocidade de foco e ótima definição dão muito bom gosto ao conjunto de câmeras deste smartphone. Eu sou um apreciador de fotografia e sempre que posso estou usando modos manuais para fotografar qualquer coisa, mas falando do Moto Z, me rendi ao seu modo automático e como fotografar ficou fácil para ele.

O Moto Z possui uma câmera traseira de 13 megapixels e abertura f/1.8. Você já leu aqui no Oficina da Net que a quantidade de megapixels de uma foto não representa, unicamente, se ela é boa ou não. Então, os 13MP desta câmera significam que as fotos podem chegar ao tamanho máximo de 4160x3120 pixels. Agora, a qualidade das lentes é que faz a diferença.

Como gosto de pedalar*, levei o Moto Z comigo a fim de registrar não só a quilometragem, altimetria, cadência e outros detalhes esportivos, mas também aproveitei para que - com o aparelho na mão e o tradicional movimento do punho - registrasse belos momentos da paisagem e até mesmo aquela selfie.

A câmera frontal, equipada com Flash possui 5 megapixels e é também excelente.

Mesmo com modo HDR ligado, a velocidade de captura das fotos é rápida. Nas Fotos noturnas o desempenho é invejável, sempre lembrando que a câmera não faz milagre, portanto, em um ambiente com as luzes da rua, por exemplo, a cor predominante da luz ficará “quente” (amarelada). Mas nada que uma pequena edição de pós-produção não possa ajudar a corrigir. Ps: Para tal, uso sempre o Snapseed - um app comprado pelo Google em 2012.

Modo Profissional

Ainda dentro das várias possibilidades da câmera, o Modo Profissional te dá liberdade para alterar parâmetros como Balanço de Branco, Exposição, Foto e ISO. No entanto, achei bem limitada a experiência já que o sistema dá apenas algumas opções dentro de cada item e não aquela liberdade total.

Quando o assunto vídeos, o Moto Z não decepciona. Ele é capaz de fazer filmagens em 4K (30fps). Para meu caso, optei mesmo pelo FullHD com até 60 frames por segundo.

Micro FAQ Moto Z:

Moto Z é resistente a Água?

SIM. Você desembolsa uma boa quantia em dinheiro para comprar um Moto Z, é praticamente obrigatório que ele tenha ao menos algum repelente para água e poeira. Tal proteção aumenta ainda mais a segurança em pensar que o Moto Z é um produto confiável quando se fala de resistência e durabilidade.

O leitor de impressão digital funciona bem?

Funciona MUITO bem. Diferente de muitos smartphones por aí, você só precisa tocar com o dedo sobre o leitor para bloquear e desbloquear seu smartphone. Também pode confirmar autenticidade quando está mudando alguma configuração do aparelho, ou para confirmar a compra de um app. Para bloquear a tela, qualquer dedo funciona no leitor, porém, para desbloquear, é preciso que o dedo (até 10) esteja cadastrado.

Pega 3G/4G e tudo mais?

3G/4G/LTE e tudo mais que um top de linha precisa “pegar”.

Bandas:
GSM / GPRS / EDGE (850, 900, 1800, 1900 MHz)
UMTS / HSPA+ (850, 900, 1700, 1900, 2100 MHz)
4G LTE (B1, 2, 3, 4, 5, 7, 8, 12, 17, 20, 25, 28, 38, 40, 41)

Moto Snaps

Assine o nosso canal e receba mais vídeos como este:

Como você já deve saber, o Moto Z traz consigo uma ótima novidade. Se elas vão ser realmente úteis eu ainda não sei, mas os Moto Snaps (Mods no resto do mundo) chegam com pinta de uma grande evolução. Vamos falar especificamente de cada um deles:

INCIPIO Offgrid Power Pack

 De longe o mais útil de todos os Moto Snaps. Como você já leu, ele é uma bateria facilmente acoplada na traseira do Moto Z, prolongando a capacidade da bateria em quase 20 horas. Para recarregar a bateria, basta deixa-lo conectado ao Moto Z e colocá-lo para carregar na tomada. O INCIPIO vem de lambuja na compra do Moto Z.

  • Preço avulso: R$ 399,00

JBL Sound Boost

 Se ouvir música sem headphones já não é mais suficiente, com o SoundBoost você turbina ainda mais a potência do seu som. Brincadeiras à parte, segunda minha visão, a ideia de ter uma verdadeira caixa de som acoplada em seu smartphone é útil se você está dando uma festinha em casa e não possui nenhum outro meio de animar o ambiente. A bateria do SoundBoost pode ser recarregada sem a necessidade do Moto Z por perto, já que possui uma entrada USB Type-C. Basta conectar o carregador e esperar.

Você pode comprar um Moto Z + o SoundBoost por R$ 3499,00, ou seja, com mais 200 reais (bom desconto).

  • Preço Avulso:  R$ 698,99

Insta-Share Projector

 Se sua TV estragou e não outra opção, o Projetor acoplado ao Moto Z salvará sua maratona de Netflix. Você pode me perguntar: Qual é a necessidade disso? Lembro apenas que o projetor não é item obrigatório, portanto, compra quem quer. Eu o utilizei para jogar e assistir a um filme e, posso dizer que em uma sala bem escura e silenciosa, o projetor é muito legal. A dúvida fica em como conectar este e o Sound Boost ao mesmo tempo para reproduzir um Cinema em casa?

Se você quiser um exemplar do projetor junto do Moto Z, o valor sobe para R$ 3999,00. É um bom desconto!

  • Preço avulso: R$ 1499,00

Hasselblad True Zoom

 O único Snap que não tive a sorte de testar era justamente o que mais me interessava. O True Zoom nada mais é que uma extensão bem melhorada da câmera do Moto Z, acrescentando um zoom ótimo de até 10x. Vou ficar devendo mais informações a respeito deste Snap, mas o review de outros grandes meios, como o Marques Brownlee, constatam que a única grande vantagem do Hasselblad conectado ao Moto Z é a possibilidade de utilizar o Zoom Digital x10 - algo fisicamente impossível nos smartphones convencionais.

Junto do kit do Moto Z, você leva para casa o Hasselblad True Zoom por R$ 3999,00.

  • Preço Avulso: R$ 1499,00

Dos Moto Snaps disponíveis, eu, muito particularmente, ficaria só com o INCIPIO que já vem junto na compra. Mas quem pode dizer que se outra marca mais “famosa” lançar algo do tipo, os Snaps não se tornarão úteis de repente?

Software

Desde que passou sob o comando do Google, a Motorola sempre tentou trazer aos seus usuários um software enxuto e clean, sem aplicativos inúteis e irremovíveis. A consequência deste trabalho a longo prazo é que o Android Marshmallow - de fábrica no Moto Z - está consistente e suave. E por se tratar de um top de linha, assegura-se ao menos a atualização para o Android Nougat 7.0.

Dos apps específicos da Motorola, destaque para o Moto Tela, Moto Ações e Moto Voz. O Moto Tela é uma das facilidades mais espetaculares dos últimos anos, já existente desde o primeiro Moto X, mas ainda maravilhoso.

E a atualização?

Bom, não há uma data definida para atualização do Android no Moto Z, mas a Motorola, depois da linha Nexus, geralmente está entre os primeiros smartphones contemplados com o update. Mas, se serve de consolo, com Marshmallow está muito bom!

Cores

Duas cores estão disponíveis para o usuário brasileiro, a preta com grafite que passeou aqui pelo Oficina da Net e também Branco com Dourado.

Preço

Temos mesmo que chegar neste detalhe? Dentro de cada opção de cor, há quatro possibilidades:

Modelo: Preço:
Moto Z Power Edition 
+ INCIPIO
R$ 3199,01
Moto Z Power & Sound Edition 
+ JBL Sound Boost
R$ 3499,00
Moto Z Power & Projector
+ Insta-Share Projector
R$ 3999,00
Moto Z Power & Hasselblad True Zoom
+ Hasselblad True Zoom
R$ 3999,00

Você pode comprar seu novo Moto Z aqui ó: goo.gl/dztoVJ


Veredito

O que pensar do Moto Z e seus Moto Snaps? A versão mais barata do Moto Z custa, hoje R$ 3199,01, é uma quantia considerável para se investir em um smartphone. Porém, o Moto Z oferece mais que beleza e ótimo acabamento, ele também dá ao usuário todos as satisfações que um smartphone premium deve oferecer, o preço é meramente consequência de toda esta qualidade. Com processador atual e muito poderoso, excelente capacidade de memória interna + externa e a extensão da vida útil diária da bateria via INCIPIO são grandes atrativos. 

Penso que a bateria por força própria deveria suportar mais tempo ao longo do dia, mas se você carrega o carregador ou o INCIPIO, não vai ficar sem celular. 

Quanto aos outros Snaps, HOJE, eu não levaria nenhum destes para casa. O Sound Boost é bom mas deixa o aparelho extremamente "gordo" (e de gordo já basta eu), enquanto o projetor Insta-Share Projector me parece mais uma opção para lhe salvar daquela viagem para visitar a família que não tem televisor. Todavia, admito que há futuro nos Moto Snaps.

Reforço então que, HOJE, compraria apenas a versão Power Edition do Moto Z com INCIPIO + Style Shell + Borda plástica. E você?

Todos os testes foram feitos com base em critérios que o Oficina da Net crê que sejam os principais pontos a serem comparados com produtos similares.

Veja os principais pontos a favor e os principais pontos contra do produto:

Prós

    • Design PREMIUM;
    • Acabamento PREMIUM;
    • Finíssimo;
    • Leitor de Impressão Digital preciso;
    • Potência e velocidade juntos.

Contras

    • Preço;

1º em nosso ranking

Selecione smartphones para comparação:

          
Processador
Memória RAM
Armazenamento Interno
Câmera Traseira
Display
Bateria
AnTuTu

A classificação do hardware é baseada apenas em produtos que o Oficina da Net já realizou testes. O termômetro siginifica que o quesito tem a melhor avaliação até agora testada aqui no site. Você pode conferir o nosso ranking de smartphones aqui.

 
COMENTÁRIOS

carregando...
Destaques
TOPO