Fabricante japonesa de robô avisa que não é possível manter relações íntimas com ele

Robô Pepper não pode ser usado para manter relações sexuais, alerta fabricante. Quem descumprir a regra pode sogre penalidades.

Por | @oficinadanet Tecnologia

O robô doméstico Pepper é o primeiro fabricado em série. Ele é capaz de se comunicar com as pessoas e interpretar as emoções, porém, a empresa fabricante deixa um alerta, que a máquina não pode ser usada para praticar sexo.

Fabricante japonesa de robô avisa que não é possível manter relações íntimas com ele

A empresa ainda salienta que os usuários que descumprirem a regra podem sofrer sanções legais.

A Softbank, gigante das telecomunicações, inseriu a advertência nas condições de uso do robô. A companhia lançou o Pepper em junho pelo valor de 213 mil ienes (US$ 1.740).

Fabricante japonesa de robô avisa que não é possível manter relações íntimas com ele

Leia também:

Após a compra, os usuários também precisam arcar com uma taxa de seguro mensal de US$ 200 por três anos de contrato. A primeira leva do equipamento, de mil unidades, se esgotou apenas um minuto após ser lançado no Japão.

Fabricante japonesa de robô avisa que não é possível manter relações íntimas com ele

Os desenvolvedores do robô, SoftBank e Aldebaran Robotics, chamam a máquina de robô “com coração”.

O robô mede 120 centímetros e possui articulações superiores e cabeça móveis, bem como rodas. Ele é capaz de se comunicar verbalmente e ainda ler as emoções dos humanos em razão de seus sensores e câmeras.

O Pepper pode ainda aprender novas funções através da sua conexão permanente com a internet.

Mais sobre: tecnologia robo pepper
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo