Estudo mostra que gamers possuem maior capacidade cognitiva

Estudo realizado na China e publicado na última edição da revista norte-americana "Nature" informa que quanto mais videogame jogar, mais massa cinzenta o cérebro irá produzir.

Por | @oficinadanet Games

Um estudo publicado na revista Nature e realizado por pesquisadores da Universidade de Ciência Eletrônica e Tecnologia da China, informa que os apaixonados por videogames possuem uma capacidade cognitiva de aprender e raciocinar maior do que as pessoas que não gostam de jogar. Já mostramos aqui que uma hora de jogos para as crianças é benéfico a saúde, assim como estudos comprovam que games ajudam idosos a fortalecer a memória.

Segundo a publicação, gamers profissionais e amadores foram submetidos a exames de ressonância magnética, com a ideia de verificar em que local do cérebro surgiam as maiores concentrações de conexões neurais e que tipo de benefícios esse aumento traria aos mesmos.

Estudo mostra que gamers possuem maior capacidade cognitiva

O estudo apresentou um gráfico que demonstra que gammers experientes tem ligações cognitivas mais avançadas que jogadores que estão iniciando. 

O que é cognição?

Cognição é o ato ou processo da aquisição do conhecimento que se dá através da percepção, da atenção, associação, memória, raciocínio, juízo, imaginação, pensamento e linguagem. A capacidade cognitiva é o mecanismo que o homem utiliza para entender, assimilar, relacionar e conectar-se com todo o universo ao seu redor.

De acordo com o estudo, os jogadores de videogames tendem a desenvolver uma quantidade maior de massa cinzenta na região do córtex cerebral, o que resulta em uma melhora no processo de raciocínio lógico, coordenação motora, aprendizado e outras habilidades que envolve a percepção. Durante o estudo, 27 gamers profissionais e 30 gamers amadores, foram submetidos aos testes.

Como já descrevemos acima, as análises dos pesquisadores foram focadas em uma região do córtex cerebral, região essa denominada de ínsula e que está geralmente relacionada a habilidades de percepção, funções cognitivas e coordenação motora.

No cérebro dos jogadores profissionais, a parte estudada do mesmo possui uma maior atividade no lado esquerdo, lado esse associado a cálculos, lógica e pensamento objetivo; além desta descoberta, os estudiosos também conseguiram descobrir que os gamers profissionais possuem um maior nível de massa cinzenta.

Conclusão; quanto mais ele jogar, mais massa cinzenta o cérebro produzirá e consequentemente, melhores e mais fortes conexões ele irá realizar, conclui a pesquisa.

Mais sobre: Ciência, Games, Nature
Share Tweet
DESTAQUESRecomendado
Mais compartilhados
Comentários