Executivo do Google diz: Não desistimos do Glass

Mesmo tendo encerrado as vendas dos óculos inteligentes, Google Glass, em Janeiro deste ano, a empresa diz que não desistiu do dispositivo.

Por | @oficinadanet Tecnologia

O comunicado foi feito pelo presidente do conselho da companhia, Eric Schmidt, ao jornal "Wall Street Journal" e publicado nesta segunda-feira, 23 de Março.

Vale salientar que o Google encerrou em Janeiro as vendas da primeira versão do dispositivo e também do programa Explorer, programa esse que coletava respostas dos primeiros usuários do aparelho, assim sendo, o programa de desenvolvimento do mesmo foi transferido para a divisão de pesquisa Google X.

Além destas informações, Eric informou que o Google promoveu algumas mudanças em seu quadro de gestores de projeto, nele Ivy Ross continua a frente da equipe de trabalho dos óculos, mas a supervisão foi passada para o comando de Tony Fadell, que anteriormente gerenciava a divisão de casas conectadas, a denominada "Nest Labs".

Executivo do Google diz: Não desistimos do Glass
Glass não fez tantas pessoas felizes assim!

Durante a entrevista, Eric Schmidt declarou o seguinte: "Quando encerramos o programa 'Explorer', a imprensa acreditou que havíamos cancelado todo o projeto, mas isso não é verdade, pois o Google está apostando muito neste projeto, sendo que está prestes a arcar com novos riscos, desta forma, não existe nada nos ajustes ao Glass que indicam que estamos encerrando com o referido projeto e sim estamos trabalhando para que ele fique pronto para os usuários".

Eric ainda informa que seria um erro decretar o fim do Google Glass: "Isso seria igual ao dizer que o carro autônomo é um desapontamento porque não está me transportando agora mesmo; essas coisas levam tempo".

Quando a companhia anunciou o fim da venda dos óculos, o mesmo jornal publicou uma matéria informando que o dispositivo poderia voltar a ser comercializado, de forma repaginada e com outras funcionalidades, sendo ele conectado aos dispositivos da casa e ainda que o mesmo pudesse voltar ate o final do ano. Veremos!

Mais sobre: GoogleGlass Tecnologia Google
Share Tweet
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo