Por violação de patentes, Apple quer mais US$ 380 milhões da Samsung

A guerra entre Apple e Samsung parece não ter fim. As rivais inciam nova batalha por uso indevido de propriedade intelectual.

Por violação de patentes, Apple quer mais US$ 380 milhões da Samsung

A briga por patentes entre Apple e Samsung parece não ter fim. Nas últimas decisões, a companhia sul-coreana foi condenada a pagar uma multa à Maçã no valor de US$ 600 milhões. Porém, em nova análise, a Apple está solicitando um adicional de US$ 380 milhões em virtude de lucros que teriam sido perdidos pelo uso indevido de propriedade intelectual.

O advogado da Maçã, no entanto, diz que possui um documento que prova que a empresa perdeu dinheiro porque a rival infringiu patentes de design e também funcionamento do iPhone. O representante da Samsung William Price disse que a empresa deveria pagar apenas 52 milhões de dólares, o que não é "uma quantia trivial". "A Apple está simplesmente pedindo muito mais dinheiro do que tem direito", disse Price.

A Samsung salienta que os consumidores adquiriram os seus produtos por seus diferenciais, como bateria removível, tela maior, 4G, entre outros, e não por causa de algumas características tiradas das patentes da Apple.

O caso será decido por um júri de oito pessoas, com isso, será analisado se o valor da multa continuará o mesmo ou um novo valor será imposto. No dia 8 de janeiro a decisão poderá ser tomada, quando ambas as partes devem apresentar suas propostas. 

Veja outros "capítulos" desta briga: 

E de que lado está você?

5 celulares para NÃO COMPRAR em 2021

Conteúdo relacionado

Review Avell B.ON: O notebook mais bonito que já testei
Notebooks

Review Avell B.ON: O notebook mais bonito que já testei

Testar produtos novos sempre encanta, mas quando eles são realmente bonitos, nossa aí é melhor ainda. Será que ele também é bom para trabalhar?

Qualcomm inicia defesa no julgamento da FTC
Negócios

Qualcomm inicia defesa no julgamento da FTC

A FTC acusa a Qualcomm de operar um monopólio em chips, forçando clientes como a Apple a trabalhar exclusivamente com ela e cobrando taxas excessivas de licenciamento por sua tecnologia.

França processa Google e Apple por cometer práticas comerciais abusivas
Negócios

França processa Google e Apple por cometer práticas comerciais abusivas

Ação judicial pode resultar em multa de milhões de euros.