AMD 3900X aparece superando Intel Core i9 9900K em testes de desempenho

A alguns anos atrás a AMD estava longe em termos de desempenho em comparação com os processadores da Intel, mas atualmente o jogo parecer ter virado e suas CPUs estão muito poderosas, consumindo menos energia e mais barata.

Por Hardware Pular para comentários
AMD 3900X aparece superando Intel Core i9 9900K em testes de desempenho

A alguns anos atrás a AMD estava longe em termos de desempenho em comparação com os processadores da Intel, mas atualmente o jogo parece ter virado e suas CPUs estão muito poderosas, consumindo menos energia e mais barata. Além de possuir essas capacidades, os processadores da AMD ainda possuem suporte a PCIe 4.0, embora isso seja necessário mais para usuários entusiastas.

Os novos modelos de processadores da linha Ryzen foram os primeiros processadores X86 baseados na litografia de 7nm a serem comercializados. Quanto menor a litografia, teoricamente o processador terá mais velocidade e eficiência energética. Dessa forma, os processadores mais recentes da AMD que possuem 7nm, baseados na microarquitetura Zen 2, provavelmente conseguiram uma velocidade e eficiência maiores com relação a geração anterior, Zen + 12nm e a nona geração da Intel baseada na litografia de 14nm.

Foram realizados testes pela equipe do site Gizmodo dos processadores Ryzen 9 3900X, Ryzen 7 3700X, Ryzen Threadripper 2950X e Intel i9-9900K. O hardware utilizado para teste foi utilizando SSD de 256GB, 16GB de memória RAM e uma GPU Nvidia GTX1080. Confira abaixo alguns resultados.

Grafico 01 - Testes realizados pelo site Gizmodo
Grafico 01 - Testes realizados pelo site Gizmodo

 

Grafico 02 - Testes realizados pelo site Gizmodo
Grafico 02 - Testes realizados pelo site Gizmodo

O processador da Intel i9-9900K conseguiu se sobressair em tarefas que se utilizam de um único núcleo, porém quando partiu para a análise de desempenho multi-thread (mais de um núcleo), as CPUs da AMD massacraram o processador da Intel. Faz anos que a AMD está enfrentando dificuldades para equiparar a performance de seus processadores em termos de núcleo a núcleo (utilização de um único núcleo) com os da Intel e de acordo com os benchmarks, a empresa parece ter um bom caminho pela frente.

O que faz os processadores da AMD ganharem em custo-benefício é o seu desempenho em multi-thread e seu preço na maioria das vezes muito abaixo se comparado aos processadores da Intel. Considerando que a maioria dos programas hoje em dia se beneficiam do processamento multi-núcleo, está sendo um excelente negócio os processadores Ryzen. O Ryzen 7 por exemplo conseguiu competir muito bem contra o i9 durante os testes custando praticamente metade de seu valor.

Fonte: Gizmodo

Leia também: As melhores placas mãe para processadores Intel (de R$330 até R$3000) | Dezembro 2019. Acompanhe as últimas notícias de tecnologia aqui no Oficina da Net. Sempre trazendo conteúdos novos e produtos interessantes.

Compartilhe com seus amigos:
Comentários:
Minha foto