O que seu cliente quer comprar?

Muitas pessoas iniciam o trabalho criando uma dezena de produtos que poderão ser vendidos, mas será esta a correta visão? Seu cliente realmente quer comprar o que você quer vender ou ele quer algo específico para sua necessidade?

Por | @nmuller99 Empreendedorismo

Muitas pessoas iniciam o trabalho criando uma dezena de produtos que poderão ser vendidos, mas será esta a correta visão? Seu cliente realmente quer comprar o que você quer vender ou ele quer algo específico para sua necessidade? Não entre na moda de que você precisa vender grandes produtos para grandes empresas. As grandes empresas vão procurar grandes fornecedores. Você com sua empresa de até dez funcionários não têm condições de pegar um big projeto de seis meses de trabalho que vai criar um sistema que faça 300 funções diferentes. Não! A sua empresa atende pequenas e médias empresas, não caia na ilusão de vir a tornar sua empresa gigante se você for contratada por uma empresa gigante. Esta ilusão pode fazer sua empresa ir da estabilidade a falência em pouco tempo, pois os prazos vão se esgotar visto que a mão de obra sua será pouca para atingir o objetivo, lembrando que a empresa ainda tem outros clientes para prestar suporte.


O que o seu cliente quer comprar


Você consegue desenvolver coisas úteis para os clientes. Criar programas ou ferramentas que auxiliem os processos diários da empresa, como organizadores, ferramentas de pesquisa. Sistema de Recursos Humanos, ferramentas de organização de atendimento. As empresas pequenas e médias todas precisam de organização, sem isto elas não tem como crescer. É um ponto que você pode atingir.

Você pode jogar produtos pros clientes, mas será que eles vão usar isto futuramente? Ninguém quer gastar dinheiro sem um sentido. O que a padaria da esquina precisa? A sapataria do João não precisa talvez de um e-commerce, ao invés de uma vitrine de produtos? Aí vem você querendo vender o "Hyper Mega Ultra E-commerce XXY Star", que custa 10 meses de vendas da sapataria. Não! Oferece algo para o João poder vender e organizar as vendas da sapataria dele.


Veja também:

Algo simples que saia vendendo logo que ele quiser. Ele ganhando dinheiro com o site poderá vir futuramente investir mais neste site. O que as empresas querem, não é o melhor site que sai piscando aqui e ali. Eles querem ganhar dinheiro com o site. Querem atrair novos clientes. É isto que sua empresa deve buscar. Criar ferramentas e sites que atraiam vendas para as empresas.


No Brasil você mora, no Brasil você vende


Você vive no Brasil, não precisa vender produtos e ideias gringas. Como vi em um vídeo excelente do Rene de Paula, vemos hoje os principais nomes de palestras e "bam bam bans" da internet fazendo um estereótipo de produtos que você jamais vai conseguir vender para o João da Sapataria. Você não vive no Vale do Silício, você não é Steve Jobs e provavelmente nunca chegará lá. Mas por que não fazer sua parte e começar a vender para os pequenos. Mudar a sua sociedade, trazer melhorias para o seu bairro, sua cidade ou estado. Não tente mudar o mundo se não começar pelo seu bairro.


Faça produtos pequenos que rendam mensalmente


Vender valores baixos que tragam mensalidade é a melhor maneira de estabilizar uma empresa. Sabendo que nos próximos 10 meses a empresa vai arrecadar X por mês ajuda muito a você preparar os próximos 10 meses. Vender parcelado, muitos acham que é a pior coisa que existe. Mas além de facilitar para o comprador, você recebe todo o valor no final do pagamento e tem ainda pagamentos por vir. Vendendo 10 projetos em 4 parcelas cada um pode ser que receba em 40 meses uma parcela X. Mais a mensalidade que cada empresa vai gerar para você.

Dica final: Venda coisas baratas que possam sem bastante vendidas e que gerem mensalidade para empresa e assim traga uma estabilidade. Venda o que seu cliente pode comprar, não tente vender o arco-íris com 10 potes de ouro.

Mais sobre: vendas, cliente, empreendedorismo
Share Tweet
DESTAQUESRecomendado
Mais compartilhados
Comentários