Avast descobre novo malware - alvos são aplicativos de bancos como Itaú, Santander e Banco do Brasil

Segundo publicação no blog oficial da empresa de segurança, o novo malware chamado WannaHydra consegue roubar dados bancários de vítimas ao emitir um alerta falso de problema com a conta bancária.

Por | @andressaisfer Tecnologia Pular para comentários

A Avast, empresa voltada para segurança digital, detectou um novo malware em dispositivos móveis brasileiros. O WannaHydra, como é chamado, tem como foco aplicativos de bancos, visando assim roubar os dados dos usuários. 

Os aplicativos ressaltados pela Avast como estando na mira desse malware são: Itaú, Santander e Banco do Brasil. O vírus gera um alerta para o usuário, alegando ter algo de errado em sua conta bancária e solicitando login e senha para verificar o problema. A vítima, ao clicar na notificação ou no link, permite aos criminosos acesso completo ao seu telefone, incluindo até as câmeras do aparelho. Com isso, o hacker consegue acompanhar os passos da vítima enquanto ela informa seus dados bancários.

Aplicativos do Itaú, Santander e Banco do Brasil são os alvos principais.Aplicativos do Itaú, Santander e Banco do Brasil são os alvos principais.

O alerta para esse novo vírus foi dado por meio de um post no blog da Avast. Nele, Nikolaos Chrysaidos, chefe da divisão de Ameaças em Dispositivos Móveis & Segurança da empresa, alerta que “o novo malware coleta informações de texto, registros de chamadas, números de telefone e informações de cartões de crédito e, se viralizar, pode vir a ser um problema muito sério".

Ainda segundo a publicação, o WannaHydra é uma nova versão do WannaLocker, - versão para dispositivos móveis do WannaCry - que em 2017 fez inúmeras vítimas, sendo uma das piores ameaças de segurança cibernética da década.

Por outro lado, Chrysaidos alega que o WannaHydra foi descoberto ainda em seu estágio inicial, o que significa que este não deve ter feito muitas vítimas.

O que fazer para se proteger

A Avast fez uma lista de coisas que usuários podem fazer para se protegerem contra o malware bancário. São elas:

  • Confirmar se o aplicativo bancário que você está utilizando é a versão oficial e verificada;
  • Se algo parecer estranho ou repentinamente desconhecido, fale com a equipe de atendimento ao cliente do seu banco;
  • Use a autenticação de dois fatores sempre que esta estiver disponível;
  • Certifique-se de ter um antivírus robusto com tecnologia de inteligência artificial instalado para detectar e bloquear esse malware antes que ele tome conta de seu sistema.

Além desses, também é importante baixar aplicativos sempre das lojas oficiais de apps, como a App Store e a Google Play. Alterar as senhas bancárias com frequência, apesar de uma solução mais trabalhosa, também pode ajudar contra fraudes.

Fonte: blog avast