EUA possuem os dois supercomputadores mais rápidos do mundo

O Sierra aparece logo atrás do Summit, com 1,6 milhões de núcleos de processador, para os 2,4 milhões da Summit.

Por Tecnologia Pular para comentários
EUA possuem os dois supercomputadores mais rápidos do mundo

De acordo com rankings divulgados todos os semestres, os dois supercomputadores mais rápidos do mundo estão nos Estados Unidos. Os modelos chamados Summit e Sierra usam a tecnologia da IBM.

O Summit recebeu o título de computador mais rápido do mundo em junho, ao realizar o teste matemático LINPACK em 122.3 petaflops por segundo. A partir de então ele recebeu novas atualizações sendo que agora é capaz de realizar o teste em 143,5 petaflops por segundo.

O Sierra aparece logo atrás do Summit, com 1,6 milhões de núcleos de processador, para os 2,4 milhões da Summit. Os dois supercomputadores são executados com especificações semelhantes: processadores IBM Power9 com chips aceleradores Nvidia Tesla V100. 

EUA possuem os dois supercomputadores mais rápidos do mundo.EUA possuem os dois supercomputadores mais rápidos do mundo.

O Sierra, mesmo apresentando menos núcleos de processador, foi capaz de superar um computador chinês, o Sunway TaihuLight.

O governo dos Estados Unidos investiu na corrida armamentista dos supercomputadores, com investimento de US$ 258 milhões em 2017 em companhias de financiamento como IBM, Cray, AMD, Intel e Nvidia para a construção de computadores que são capazes de realizar tais cálculos.

Estes supercomputadores podem ser utilizados para prever as mudanças climáticas, como ainda procurar uma cura para doenças como o câncer e realizar pesquisas sobre fusão nuclear, como ainda outras tarefas que exigem grande capacidade.

No total, cinco dos dez supercomputadores são americanos, dois deles são chineses, e Suíça, Japão e Alemanha possuem um.                                                                       

Fonte: The Verge 

Compartilhe com seus amigos:
Rafaela Pozzebom
Rafaela Pozzebom Graduada em Letras pela UFSM e especialista em Tecnologias da Informação e da Comunicação aplicadas à educação
FACEBOOK //
Quer conversar com o(a) Rafaela, comente:
Carregar comentários
Últimas notícias