Apple Watch detecta problema cardíaco de usuário na Malásia

O Apple Watch Series 4 alertou seu usuário, um restaurador malaio de 30 anos, sobre problemas na frequência cardíaca, algo que foi confirmado após exames.

Por Smartwatches
Apple Watch detecta problema cardíaco de usuário na Malásia

Relatórios apontam que a Apple lidera no mercado de smartwatches, somando uma participação significativa de 47,9%, seguida pela Samsung com seus 13,4%. No entanto, sabemos que os relógios inteligentes da empresa possuem um valor bem maior que o do seus concorrentes.

Por outro lado, aqueles que apostam nesses dispositivos, recebem uma tecnologia que pode literalmente salvar suas vidas. O caso mais recente aconteceu com Farhat Haniff, um restaurador malaio de 30 anos e arquiteto freelancer de Kuala Lumpur.

Após comprar o Apple Watch Series 4 devido ao seu design elegante, o relógio começou a alertar sobre uma frequência cardíaca anormal. Em agosto do ano passado, chegando de um voo em Langkawi, o smartwatch emitiu um alerta sobre a frequência cardíaca, mas Farhat pensou que era devido ao estresse do trabalho.

Farhat Haniff

No entanto, o relógio continuou emitindo os alertas mesmo quando Farhat estava em casa descansando e assistindo TV. Quando as notificações se tornaram persistentes, ele decidiu formatar seu Apple Watch, mas isso não encerrou o "problema". Vale lembrar que o smartwatch da Apple sempre alerta quando a frequência cardíaca ultrapassa os 120 bpm quando o usuário não está praticando exercícios.

Pouco tempo depois, Farhat foi ao médico e, após alguns exames de eletrocardiograma, foi descoberto que ele possuía um ritmo cardíaco irregular, algo que poderia ocasionar problemas no futuro.

Essa não é a primeira vez (e possivelmente não será a última) em que o Apple Watch ajuda a diagnosticar problemas ou salvar à vida de seus usuários chamando a emergência, dado que já existem diversos relatos espalhados pela internet de pessoas elogiando o relógio.

Via

Recomendação do editor:

Compartilhe com seus amigos: