Huawei e Samsung já possuem smartphones dobráveis disponíveis no mercado, mas o mesmo não pode ser dito da Xiaomi. No entanto, isso não significa que a empresa pretende deixar esse segmento de lado, muito pelo contrário, dado que ela já registrou patentes que mostraram detalhes à respeito do seu primeiro dobrável.

Agora, tendo como base um documento registrado em novembro de 2019, o designer Waqar Khan em parceria com o site WindowsUnited publicaram renderizações deste aparelho, deixando bem claro que ele terá um design muito semelhante ao do Motorola RAZR 2019.

Smartphone dobrável da Xiaomi

Olhando as imagens, podemos notar que o dispositivo possui um pequeno display na parte externa, que possivelmente será usado para exibir às horas e notificações. Quando aberto, vemos uma tela com bordas laterais e inferiores consideravelmente finas, exceto pela moldura superior que é mais grossa para abrigar os sensores, alto-falante para chamadas e câmera frontal.

De acordo com informações vazadas recentes, é bastante provável que a Xiaomi realmente adotará esse tipo de design no seu primeiro smartphone dobrável. Segundo um relatório publicado pela ZDNet Korea, citando especialistas da indústria de componentes eletrônicos, a fabricante chinesa já realizou pedidos de displays OLED flexíveis do tipo "concha" para a Samsung. Portanto, tudo indica que o aparelho já esteja em desenvolvimento.

Infelizmente, ainda não há informações sobre especificações e recursos, mas espera-se que a Xiaomi inicie a produção em massa deste dispositivo no segundo semestre deste ano. No momento, o aparelho mais semelhante à um dobrável lançado pela empresa foi o Mi Mix Alpha, que entrega uma tela que cobre todo o seu corpo. Ainda assim, ele pode ser considerado apenas um conceito, dado que suas vendas não foram iniciadas.

Especificações do Xiaomi Mi Mix Alpha:

Este aparelho possui uma tela Super AMOLED flexível de 7,92" com resolução de 2250 x 2088 pixels. Por dentro, temos o processador Snapdragon 855+, 12GB de RAM e 512GB de armazenamento UFS 3.0.

No departamento de câmeras, existem três sensores na traseira, sendo o principal de 108MP, o secundário telefoto de 12MP com zoom óptico de 2x, e o terciário grande angular de 20MP. Não há câmera frontal, dado que as câmeras principais são usadas para capturar as selfies.

Para manter o dispositivo ligado, a Xiaomi inseriu uma bateria de 4.050 mAh com carregamento rápido de 40W, enquanto que em software, a MIUI 11 baseada no Android 10 vem instalada de fábrica.

  • Proteção IP68: Não
  • Chipset: Qualcomm Snapdragon 855+
  • Sistema operacional: Android 10
  • Memória RAM: 12 GB
  • Armazenamento Interno: 512 GB
  • Armazenamento Extra: Não Possui
  • Tela - Tipo: Flexible OLED
  • Tela - Tamanho: 7.92
  • Câmera Traseira: 20 MP, 12MP e 108 MP
  • Câmera Frontal: Não possui
  • Bateria: 4050 mAh