China inaugura calçada para quem gosta de caminhar olhando para o smartphone

O espaço está destacado em vermelho, possui 80 centímetros de largura e 100 metros de comprimento, e foi desenvolvido pelo shopping localizado um pouco adiante dela.

Por | @oficinadanet Smartphones

Caminhar pelas ruas olhando para o seu smartphone virou um hábito natural entre as pessoas. Claro que, em alguns casos, a medida pode se tornar perigosa, principalmente ao atravessar uma rua, em que o risco de atropelamento se torna grande. Riscos bem menores como esbarrar em outra pessoa ou mesmo em um poste também são comuns, além de poder cair em possíveis buracos pelo caminho.

Pensando em todos os perigos, na China, que é considerada o maior mercado de celulares do mundo, traz uma inovação: uma calçada exclusiva para que pedestres transitarem enquanto averiguam as informações ou mesmo trocam mensagens através do celular.

Calçada destina para pedestres que usam seus celulares enquanto caminham.Calçada destina para pedestres que usam seus celulares enquanto caminham.

A Rua Yanta Road, localizada na cidade de Xi’an, recebeu essa curiosa novidade que acabou agradando alguns  cidadãos. A iniciativa foi pensada para evitar que as pessoas focadas em seus aparelhos acabem esbarrando nos demais pedestres da calçada.

O espaço está destacado em vermelho, possui 80 centímetros de largura e 100 metros de comprimento, e foi desenvolvido pelo shopping localizado um pouco adiante dela.

Acesse o nosso conteúdo sobre smartphones:

Claro que, nem todas as pessoas consideraram a ideia interessante, justificando que o fluxo de pedestres naquele local não é tão grande a ponto de necessitar um espaço do tipo. Para completar, o que desagradou muita gente é que a calçada especial fica localizada próxima a uma saída de veículos.

Só para lembrar, esta não é a primeira calçada dedicada a usuários de smartphone foi criada. Em 2014, um projeto semelhante estreou na cidade de Chongqing, também na China. A Bélgica, em 2015, também elaborou uma proposta parecida.

E você, o que achou da novidade? Acredita mesmo na necessidade de criar um trajeto exclusivo para os pedestres que não conseguem largar os seus aparelhos celulares?

SHARE
Comentários
Destaquesver tudo
 
  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    As melhores publicações no
    seu e-mail