Estudo revela que vício de jovens em smartphones pode estar relacionado a depressão

Cada vez mais os pais devem ficar atentos aos filhos que usam demais os seus smartphones.

Por Smartphones Pular para comentários
Estudo revela que vício de jovens em smartphones pode estar relacionado a depressão

Com a popularização dos smartphones, cada vez mais as pessoas se tornam dependentes de tais aparelhos. Entre os jovens, o uso do celular costuma ser alto, porém, o seu uso excessivo pode estar vinculado a doenças emocionais.

Pesquisadores sul-coreanos, vinculados à Universidade de Seul, realizaram testes com 19 jovens que foram diagnosticados como viciados em internet. Eles usaram equipamentos de MRS (Modified Rankin Scale), uma tecnologia semelhante à ressonância magnética, para conseguirem constatar a composição química das sinapses que acontecem no cérebro.

Estudo revela que vício de jovens em smartphones pode estar relacionado a depressão.Estudo revela que vício de jovens em smartphones pode estar relacionado a depressão.

Os estudiosos descobriram que, comparado ao grupo de pessoas sem vício, o grupo de jovens considerados viciados em internet e smartphones apresentavam em seus cérebros altas concentrações de dois neurotransmissores: ácido gama-aminobútrico (GABA), envolvido em funções de desacelerar o funcionamento neuronal; e Glutamina, que possui o efeito de acelerar as funções cerebrais.

O excesso dos dois neurotransmissores foi detectado nas regiões da cíngula e são responsáveis por causar o desequilíbrio das funções relacionadas ao ciclo de glutamina e GABA, o que pode causar sintomas de depressão, ansiedade, alterações do ciclo do sono e também impulsividade.

O estudo mostrou que os transtornos são mais frequentes no grupo de pessoas viciadas em internet do que no grupo sem vícios. Os pesquisadores disseram que o estudo atual serve de alerta para os pais, que devem ficar atentos aos seus filhos sobre o uso de aparelhos eletrônicos, em especial os smartphones.

Compartilhe com seus amigos:
Rafaela Pozzebom
Rafaela Pozzebom Graduada em Letras pela UFSM e especialista em Tecnologias da Informação e da Comunicação aplicadas à educação
FACEBOOK //
Quer conversar com o(a) Rafaela, comente:
Carregar comentários
Últimas notícias