Review do Motorola Moto E4 Plus: Um grandão de entrada

Confira a análise completa do Motorola Moto E4 Plus feita aqui pelo Oficina da Net

Por | @oficinadanet Smartphones

A linha Moto E foi criada com o intuito de proporcionar aparelhos de entrada com o melhor custo benefício. Sou meio suspeito para falar, pois é meu primeiro review de Smartphone, mas acredito que desta vez a Motorola acabou encaixando o Moto E4 Plus na mesma linha que o Moto G, porém em questão de valores de mercado e não desempenho.

Mas vamos lá, que no final nós vamos entender o porquê desta afirmação.

Design e Construção

O Moto E4 Plus tem seu design bastante semelhante ao Moto G5, trazendo apenas algumas modificações, sua carcaça traseira é removível e formada por metal e plástico, o que deixa o aparelho com um aparência mais bonita, ainda na parte traseira temos a câmera que fica milímetros mais profunda em relação a carcaça, o que evita arranhões na lente, coisa que a Motorola garante que não aconteça, até mesmo nos seus modelos que possuem a câmera protuberante (leia-se Moto Z2 Play). A câmera ainda conta com um flash simples.

Moto E4 PlusMoto E4 Plus

Para ter acesso aos chips e ao cartão de memória é necessário remover a parte traseira, e neste local encontramos na parte superior laterais as baias para os SIMs e o cartão SD. O diferencial do Moto E4 Plus é que mesmo possuindo uma baia dupla, para SIM e SD os dois funcionam em simultâneo.

A bateria, ao contrário do Moto G5 não pode ser removida, a mesma é coberta por uma capa de metal e parafusada a carcaça do aparelho.

Nas extremidades laterais, possuímos o lado esquerdo liso, sem botões, como todos os aparelhos da linha e na direita temos os botões do volume e o botão power, que no modelo E4 está invertido, trazendo o botão de power para baixo, mantendo o de volume na parte superior.

Na base superior possuímos apenas a entrada para fone de ouvido P2. Já na inferior possuímos a saída para o alto falante, algo que achei bem interessante e útil, também o microfone e a entrada USB, que ainda é o padrão micro USB.

Entrada de cabo P2Entrada de cabo P2

Na parte da frente, o aparelho conta com a câmera frontal, sensor de infravermelho e mais um flash simples, além do leitor de digitais na parte de baixo, o vidro da tela também é realmente interessante, pois tem suas bordas arredondadas, e que parecem deixar um espaço entre o plástico, o que provavelmente favorece na absorvição de impactos.

Dimensões e peso do Moto E4 PlusDimensões e peso do Moto E4 Plus

O aparelho possui 155 mm de altura por 77.5 mm de largura e 9.55 mm de espessura, não é um aparelho muito fino, nem muito leve, possuindo 198 gramas, o que na minha opinião torna a pegada do aparelho difícil, mesmo com a parte de metal escovado, que o torna mais aderente, tateá-lo com apenas uma mão é arriscado, ainda mais para as selfies. Acredite, experiência própria.

Hardware

Com processador Mediatek® MT6737 Quad-Core de até 1.3 Ghz e GPU Mali-T720 MP2 de 600 Mhz o Moto E4 Plus fica muito para trás no desempenho se comparado com o Moto G5, apesar de também possuir 2 GB de RAM, o Moto E não garante o mesmo desempenho em jogos ou até mesmo na função multitarefa, na teoria. Porém na prática, no uso contínuo eu notei muito poucos engasgos, isso graças ao android 7.1.1 puríssimo que a Motorola disponibilizou no Moto E4 Plus, já em jogos o fraco hardware vem a tona. No comparativo do AnTuTu o aparelho fez apenas 23707 mil pontos quase metade do que o Moto G5, com 45594 mil.

Moto E4 Plus TelaMoto E4 Plus Tela

O armazenamento também não é um diferencial do aparelho, contando apenas com 16 GB de armazenamento interno e capacidade para 128 GB no cartão de memória. A tela segue a mesma tecnologia do Moto G5, IPS com proteção Gorilla Glass 3 2,5D, porém perde na resolução que alcança apenas o HD.

Preço R$ 719,90 R$ 599,00
Marca Motorola Motorola
Processador Qualcomm Snapdragon 430 Mediatek MT6737M
GPU Adreno 505 Mali-T720
Câmera Frontal 5 MP 5 MP
Câmera Traseira 13 MP 13 MP
Vídeo Full HD - 30 fps 720p
Memória RAM 2 GB 2 GB
Display - Tamanho 5" 5,5"
Display - Tecnologia IPS IPS
Display - Proteção Gorilla Glass 3 Corning Gorilla Glass 3, 2.5D
Display - Resolução 1920 x 1080 1280 x 720
Armazenamento Interno 32 GB 16 GB
Armazenamento Extra 256 GB 128 GB
Sistema operacional Android 7.0 Android 7.1.1
Bateria 2800 mAh 5000 mAh
AnTuTu 45594 22280
Peso 145 g 198 g
3G
4G
Bluetooth
GPS
NFC
Wi-Fi
DLNA
Rádio FM
TV Digital
Acelerômetro
Bússola
Flash
Giroscópio
Sensor de proximidade
Vibração
Viva Voz
Sensor de impressão digital

Bateria

Bom, aqui está o grande diferencial do aparelho, e talvez um dos poucos motivos que o faça adquiri-lo, uma (fcking) bateria de 5000mAh, o que explica seu tamanho e peso. O Moto E te garante no mínimo 24h de autonomia, isso em uso constante, com a tela sempre sendo ligada. Durante os testes, com um uso normal, em redes sociais, vídeos, jogos, com Wi-fi, Bluetooth e dados móveis ligados, consegui atingir 1 dia de 14h de uso e ainda me restavam algumas horas antes de realizar a recarga. Mas isso claro, durante o uso cotidiano do aparelho, sem excessos. Para realizar a carga desta imensa bateria, não pense que vai gastar muito tempo, pois o carregador é power e completa a carga em cerca de 2:30h.

Bateria fixa e entradas SIM e MicroSDBateria fixa e entradas SIM e MicroSD

Câmera

A câmera traseira possui 13 megapixels com F/2.0 e grava vídeos em HD apenas e somente a 30 fps. Garante boas fotos com uma iluminação razoável, porém não é lá grande coisa em ambientes pouco iluminados, mas ainda assim está de acordo com o preço e padrão de aparelhos na mesma faixa. O aplicativo padrão da Motorola possui poucos recursos, apenas disponibiliza o HDR, e os modos de foco, que podem ser diferenciados pela seleção de foco ou foco em rostos. Conta também com um flash de led e zoom óptico de 4x.

Câmera frontalCâmera frontal

Já a câmera frontal possui as mesmas características, porém apenas 5 megapixels o que torna suas fotos em ambientes pouco iluminados não muito boas, apesar de possuir um flash frontal essa diferença de iluminação não consegue ser compensada, mas como mencionei, está de acordo com a e com aparelhos que são equivalentes na mesma faixa de preço.

Câmera traseira do Moto E4 Plus. Foto em tripéCâmera traseira do Moto E4 Plus. Foto em tripé

Conectividade

A conectividade do Moto E4 Plus é bem padrão, possui tecnologia GSM, GPRS, EDGE, UMTS, HSPA+, 4G LTE. Wi-fi 802.11 B/G/N (2.4 GHZ). Conectividade USB via Micro USB e fone de ouvido de 3.5 mm. Bluetooth 4.2, GPS e AGPS e possui rádio FM, mas não tem o recurso de TV digital.

Sensores

O aparelho possui sensores de Digitação Multifunção, Acelerômetro, Giroscópio, Sensor de Luz Ambiente e Sensor de Proximidade, além do Leitor de Digitais, que tem capacidade de armazenar 10 dedos e também pode ser usado como botão Home e como setas de navegação. Durante os testes o leitor pareceu ser excelente, desbloqueado e bloqueado o aparelho com um simples toque, de maneira fácil e rápida. Uma desvantagem nos sensores em comparação com o Moto G5 é que os gestos, para ligar câmera, lanterna ou inverter entre câmera traseira e frontal não estão disponíveis.

Benchmark

Neste comparativo usamos os números do Moto G5, e eles se demonstraram muito superiores ao do Moto E4 Plus. Mas fique calmo, já, já eu explico o motivo de usar o Moto G5 para a comparação.

Um dos testes do AnTuTuUm dos testes do AnTuTu

Software

O Android que o Moto E4 Plus trás é um Nougat na versão 7.1.1 extremamente puro, com muito poucas modificações realizadas pela Motorola, o que na minha opinião é excelente, pois a interface fica mais limpa e o design mais bonito. Além de por ser limpo, torna o desempenho mais optimizado.

Veredicto

Na minha humilde opinião o Moto E4 Plus é sim, um excelente aparelho, nos testes que realizei, ele se demonstrou bem consistente, principalmente pela sua bateria, que foi algo que em nenhum momento me preocupou. Em nenhuma ocasião tive que ativar o modo economia de energia para que não ficasse sem carga em um ambiente longe de casa. E isso conta muitos pontos. Quanto ao desempenho, também não tive problemas, usar as aplicações em simultâneo foi extremamente tranquilo, acontecendo muito poucos engasgos, mas estão lá.

Agora, quanto ao armazenamento e a resolução foram coisas que me incomodaram, os 16 GB parecem razoáveis, mas a aquisição de um aparelho novo, deve levar em conta algo que eu não quero mais me incomodar, por este motivo acho essencial mais de 16 GB, e bom reproduções em Full HD ficam muito melhor, principalmente em mídias que não sejam o aparelho telefônico.

Por estes critérios que mencionei tanto o Moto G5, pois o mesmo possui 32 GB de armazenamento, além do Full HD e outro ponto é em relação ao tamanho, a pegada do E4 Plus é um tanto quanto instável. AH! Já ia esquecendo, outro ponto relevante é quanto aos valores de mercado. Os dois aparelhos podem ser encontrados na faixa dos R$750 a R$800. Por este motivo a comparação entre eles, apesar de terem focos diferentes o valor é praticamente o mesmo.

Notas

  • 0 4 6 8 10
  • Processador
  • Câmera Frontal
  • Câmera Traseira
  • Memória RAM
  • Display - Tecnologia
  • Display - Proteção
  • Display - Resolução
  • Armazenamento Interno
  • Armazenamento Extra
  • Bateria
  • AnTuTu
79° em nosso ranking
Comparar
  • Alcatel A3 XL MAX
  • Motorola Moto E4 Plus
  • Motorola Moto G3
COMPARAR

Mais sobre: smartphones review Motorola
Share Tweet
Comentários
Destaquesver tudo