Até 2020, robôs podem conquistar cinco milhões de postos de trabalho

O relatório do Fórum Econômico Mundial, revelou que mais de 5 milhões de empregos, até 2020, podem desaparecer para os humanos.

Por | @oficinadanet Tecnologia

De acordo com um relatório do ano passado, os humanos poderão perder seus postos de trabalho por robôs. No Japão, por exemplo, até 2035, metade dos empregos seriam tomados por robôs.

Até lá, alguns anos pela frente ainda, porém, mesmo assim, vários empregos já estão ameaçados. Um relatório do Fórum Econômico Mundial, revelou que mais de 5 milhões de empregos, até 2020, podem desaparecer para os humanos. No lugar deles, claro, os robôs.

Até 2020, robôs podem conquistar cinco milhões de postos de trabalho
Indústrias poderão deixar de empregar humanos . Os robôs seriam a alternativa de substituição.

Leia também:

A estimativa está baseada em uma pesquisa realizada em 15 países diferentes, incluindo a China, França, Reino Unido, Alemanha, Japão, México e Estados Unidos. Vários empregos poderiam ser tomados pelos robôs, porém, o relatório mostra que as indústrias com maior quantidade de trabalho pesado estariam mais propensas a isso.

Klaus Schwab, fundador do Fórum Econômico Mundial, e ainda membro do conselho Richards Samans, disse que, "para evitar um cenário de pior caso - onde a mudança tecnológica é acompanhada por escassez de talentos, desemprego em massa e desigualdade crescente - a requalificação e melhoria das competências dos trabalhadores de hoje será fundamental".

Com isso, o Fórum de Davos discute o que fazer para amenizar esse impacto no setor trabalhista. Durante o evento, que reúne vários líderes, os participantes deverão discutir os impactos das perdas causadas por redundância, automação e desintermediação. Estima-se que a indústria que sofrerá maiores perdas seja a da saúde, energia, serviços financeiros e ainda investidores.

O relatório sugere que os profissionais busquem uma maior qualificação, para que assim, os robôs não tomem conta de todos os setores.

Mais sobre: tecnologia robos trabalho
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo

Siga nossas contas no Twitter