EUA pretende adotar ensino de programação nas escolas

O estudo de programação pode se tornar obrigatório em todas as escolas dos Estados Unidos. O que você acha da ideia, seria interessante também no Brasil?

Por | @RafaelaPozzebon Tecnologia

A grade curricular nas escolas é diferente em cada lugar do mundo. Cada local possui o seu método de ensino bem como as prioridades dos conteúdos. Nos Estados Unidos, o antigo chefe de gabinete do governo Obama e atual prefeito de Chicago, Rahm Emanuel, solicitou através de um requerimento a exigência de codificar computadores a todos os alunos que se graduassem no ensino médio no país.

EUA pretende adotar ensino de programação nas escolas
Rahm Emanuel.

Emanuel, em um evento de tecnologia patrocinado pelo Washington Post, realizado na última semana, disse que está satisfeito com o Common Code (documento que mostra o que os alunos norte-americanos precisam aprender).

Porém, o prefeito disse ainda que acredita que o requisito, que já foi aceito em Chicago, deveria ser obrigatório para todas as escolas de ensino médio dos Estados Unidos. "Eles (os alunos do ensino médio) precisam saber esse tipo de coisa", afirmou o prefeito durante o evento. Salientando que o ensino de programação vai além do conhecimento.

EUA pretende adotar ensino de programação nas escolas

Leia também:

Em Chicago, o ensino de programação é uma exigência para todos os alunos do ensino médio a partir de 2018. Caso a proposta do prefeito seja aceita, ainda não se sabe se terá o mesmo funcionamento de Chicago. Os alunos poderão ter aulas de programação juntamente com outras disciplinas, como matemática, ciência ou mesmo língua estrangeira.

E Você, o que acha da iniciativa? Gostaria que fosse adotada no Brasil? 

Mais sobre: programacao, eua, estudo
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.