Por que atualizar agora para o Windows 10?

Boa parte dos usuários já fez a atualização do Windows, liberada essa semana para download em computadores de 190 países. Mas há também quem espera por mais análises e correção de bugs para então usufruir das novidades.

Por Windows

Este artigo tem o objetivo de trazer a tona os mais importantes motivos para que você faça agora a atualização do Windows - independente da forma -  e, porque não, contrapor com motivos para decidir esperar. Vamos lá?

É grátis!

Em termos! Suponhamos que você tem um exemplar genuíno do Windows, portanto você já desembolsou uma boa quantia em dinheiro para pagar pelo sistema operacional (7, 8 ou 8.1). A decisão da Microsoft em disponibilizar de forma gratuita a atualização do Windows 10 veio bem a calhar, já que assim a empresa une usuários de três gerações do SO se unem em apenas uma só.

Até quem não possui um Windows genuíno pode fazer a atualização... mas a alegria certamente dura pouco. Mais precisamente dois dias.

Embora a maioria dos usuários já possua uma versão genuína, você também pode adquirir as versões físicas do Windows 10 no site da Microsoft. Os preços variam de R$ 329,99 a R$ 559,99. Confira a notícia completa sobre os preços do Windows 10  no Brasil.

Diversas formas de instalar

Uma bandeira que está no canto da barra de notificações é uma das portas de entrada para a atualização do Windows 10. Com ela você pode entrar na fila de reserva da atualização - que está ocorrendo de forma gradativa em todos os 190 países divulgados pela Microsoft. 

Há também uma forma de forçar a atualização do Windows 10 com a ajuda do pront de comando. Confira aqui como fazer.

A terceira forma de instalar é através do arquivo em ISO disponibilizado pela Microsoft em seu próprio site. A instalação é realizada pelo auxiliador disponibilizado pela empresa e os resultados são satisfatórios.  Confira o tutorial completo.

Design renovado / recursos inovadores

Se houve momentos em que uma possível sincronização entre smartphones, tablets e o computador gerou desconforto entre os usuários, com o Windows 10 essa situação está bem mais esclarecida, não só pela possibilidade de exibir a área de trabalho como sendo um dispositivo móvel, mas também com o design renovado e sofisticado que apresenta Windows 10, tanto para computadores, como para os aparelhos mobile. 

Leia também:

Se o uso comum em computadores de mesa já leva o usuário a notar essa possibilidade, que dirá se você possui um notebook com touchscreen. O modo tablet, diga-se de passagem, deixa seu computador praticamente igual a um tablet (óbvio). 


Plataformas atualizadas

Já que falamos do modo tablet, vale ressaltar que Windows 10 promete ser praticamente uma só plataforma, ligando e sincronizando PCs, tablets e smartphones. Embora, na primeira vista, esses recursos funcionariam apenas com produtos da Microsoft, a interação do calendário com outras contas como do Google, leva-nos a crer que esta integração ocorrerá também com smartphones de outras marcas e com outros sistemas operacionais mobile. Até os ícones mais simples foram remodelados como pastas e isso é muito legal.

Outra forma de interagir entre plataformas é a conectividade que o Windows 10 tem com o Xbox Live. 

Menu iniciar voltou!

Tem também a volta do menu iniciar que foi, talvez, a maior pedida no Windows 8. Agora ele está de volta numa mescla do menu iniciar padrão (até o Windows 7) com o menu metro do Windows 8. É possível organizar e personalizar cada detalhe do novo menu. Particularmente gostei muito! 


Cortana

Até que em fim a Microsoft disponibilizou sua própria assistente pessoal, não só para interação via smartphone - como a Siri (Apple) e o Google Now (Android), mas também com o seu computador. A Cortana demorou para sair, mas agora o recurso vem na bagagem do Windows 10 e promete conhecer bem o seus usuários. Infelizmente a Cortana não está disponível em português, por enquanto.

E porque esperar?

Assim como os recursos que mencionamos aqui são bons motivos para atualizar agora o Windows, há dois motivos que podem ser determinantes para esperar por alguns dias ou até meses. Nem com o primeiro semestre todo dedicado à usuários pertencentes ao programa Windows Insiders - na procura por falhas e recomendações de melhoria antes do lançamento - o sistema está livre de falhas e pequenos bugs. Por isso, será comum que alguns erros ocorram nos primeiros dias de utilização. Prova deste ponto de vista é que a Microsoft já lançou a primeira atualização do Windows 10, com mais de 1 GB com dados que corrigem erros já detectados.

Old School

Outro motivo para não atualizar seu Sistema Operacional agora é o amor. Se você gosta tanto do Windows 7 ou Windows 8 (8.1) ou mesmo que não esteja interessado em atualizar, não há quem possa mudar sua opinião. E mesmo se esse for o motivo, a Microsoft não está chateada, tanto que a atualização pode ser feita de forma gratuita em até um ano, portanto, você tem mais 12 meses para usar e abusar do sistema antigo e aí sim se preparar para uma transição.

Até lá, acompanhe com a gente o Guia do Windows 10 aqui no Oficina.

Você também pode gostar de:

Siga nas redes
Últimas publicações
O QUE LER EM SEGUIDA
Assuntos Guiadowindows10, Windows10 e Windows
Siga nas redes
Encontrou algum erro no texto?

Entre em contato com o autor e nos ajude a melhorar a qualidade dos posts cada vez mais!

AVISAR
Comentários
ASSINE NOSSA NEWSLETTER

As melhores publicações no
seu e-mail