Conhecendo o Arduino Uno

Conheça o Arduino Uno, aprenda sobre ele, veja como instalar e configurar. O Arduino foi desenvolvido na Itália e com toda a certeza um grande passo para a humanidade, com esta placa podemos fazer nada mais nada menos que a integração do computador com o mundo físico aqui fora

Por | @oficinadanet Hardware

É a integração do mundo digital pertencente ao computador com o mundo analógico ao qual pertencemos, claro que muito mais pode ser dito, mas, nesta aula vamos conhecer um pouco mais desta placa e na sequência partir para à prática, e,  assim conhecer melhor este fantástico mundo da Computação Física com Arduino.

Introdução

O Arduino foi desenvolvido na Itália e com toda a certeza um grande passo para a humanidade, com esta placa podemos fazer nada mais nada menos que a integração do computador com o mundo físico aqui fora, ou seja, é a integração do mundo digital pertencente ao computador com o mundo analógico ao qual pertencemos, claro que muito mais pode ser dito, mas, nesta aula vamos conhecer um pouco mais desta placa e na sequência partir para à prática, e,  assim conhecer melhor este fantástico mundo da Computação Física com Arduino.

Conhecendo o Arduino Uno

A figura abaixo mostra está placa de Arduino Uno, note que existem outros modelos de placa, mas, neste curso este será o modelo usado.

Conhecendo o Arduino Uno

A anatomia do Arduino Uno

Portas Digitais

O Arduino Uno oferece 14 portas digitais que podem ser utilizadas tanto para entrada (input) como para saída (output) e que podem ser utilizadas para comandar 14 dispositivos externos. Estas portas vão de 0 a 13, observe com atenção a figura ao lado.

 Conhecendo o Arduino Uno

Portas PWM

Estas portas simulam uma porta analógica e são em número de seis, note que elas além do número da porta tem também um pequena onda senoidal como mostrado na figura ao lado.

As porta digitais que também podem ser usadas como portas PWM são as de número: 11, 10, 9, 6, 5 e 3. Mas tenha em mente que elas também são portas digitais.

Conhecendo o Arduino Uno

Portas RX e TX

Essas duas portas embora possam ser utilizadas como Portas digitais também são utilizadas pelo Arduino para comunicação serial tanto para entrada como para saída de dados. É conveniente evitar uso destas portas como portas digitais, mas não proibido.

Conhecendo o Arduino Uno

Reset

Este botão, mostrado na figura abaixo, tem como única função reinicializar o Arduino Uno, mas, note que ele muda um pouco seu posicionamento em outras placas.

Conhecendo o Arduino Uno

Processador

É onde tudo acontece, é o cérebro desta placa, é ai que fica gravado o código desenvolvido e que será executado, mas note que quando se grava um código o anterior é descartado,  sempre fica apenas o último código gravado.

Este processador permite que o Arduino funcione de forma autônoma, ou seja, uma vez transferido o código para ele não existe mais a necessidade de uma conexão com o computador. A figura 1 mostra o tipo de processador mais comumente encontrado mas existem outros como mostrado na figura 2. A grande vantagem do processador da figura 1 é a facilidade com que pode ser removido e transferido para outra placa.

Conhecendo o Arduino Uno

Portas Analógicas

Essas portas são unicamente para entrada de dados e comumente usadas para comunicação com sensores que podem ser utilizados para determinar:

  • Temperatura
  • Quantidade de luz
  • Umidade
  • Dentre outras ações.

As portas analógicas são em número de 6 e vão de A0 até A5.

Conhecendo o Arduino Uno

Pinos de Energia

Estes pinos fornecem energia para dispositivos externos como mostrado na figura ao lado e explicados abaixo: Observe com atenção a figura abaixo, ela mostra estes pinos.

Conhecendo o Arduino Uno

  • 3,3V: este pino fornece a 3.3 volts a dispositivos externos e esta marcado na placa;
  • 5V: fornece 5 volts a dispositivos externos e também esta indicado na placa.
  • GND: fornece potencial de terra a dispositivos externos, o seja 0 volt e são em número de dois e como pode observar também se encontram bem identificado na placa.
  • Vin: este pino fornece ao dispositivo externo a mesma tensão que esta sendo recebida pelo Pino de alimentação externa. Note  que é o ultimo pino mostrado na figura ao lado.
Deve ser observado que estes pinos fornecem uma corrente muito baixa, portando devem ser usados para pequenas cargas e nunca para ligar um motor, por pequeno que ele possa ser dentre outros dispositivos de alto consumo. De maneira geral aguentam alimentar apenas um LED, a base de um transistor ou coisa do gênero.

Porta USB

Esta é a porta usada para estabelecer uma conexão entre a placa de Arduino e o PC. É ela que permite o envio de códigos para o processador, permite conexão com a serial e também é usada para a alimentação da placa. Observe com atenção foto ao lado.

Conhecendo o Arduino Uno

Pino para Alimentação externa

Este é o pino para a alimentação externa da placa, ou seja, quando não estiver sendo usado a porta USB para conexão com o computador, e é usando-o que vamos alimentar a placa. Ele é que permite a autonomia desta placa. Podemos alimentar esta placa com tensão entre 6 e 12 volts sem problemas.

Conhecendo o Arduino Uno

Preparando o ambiente

Baixando a IDE do Arduino

Com o seu navegador iniciado acesse o endereço: http://arduino.cc/en/Main/Software

Uma vez acessado este clique no link para o seu sistema operacional como mostrado na figura abaixo, neste caso para Windows.

 Conhecendo o Arduino Uno

Uma nova página passa a ser exibida,  clique no link indicado na figura abaixo.

Conhecendo o Arduino Uno

Instalando a IDE do Arduino

Localize o arquivo baixado para o seu computador mostrado na figura abaixo, arraste-o para uma pasta criada para este fim e descompacte-o.

Conhecendo o Arduino Uno

A imagem a seguir mostra o resultado depois da descompactação. Note que uma nova pasta foi criada.

Conhecendo o Arduino Uno

Abra a pasta indicada na figura anterior e note que nesta existe um arquivo de nome arduino.exe como indicado na figura abaixo. É ele que deve ser usado para iniciar a IDE do Arduino.

Conhecendo o Arduino Uno

Para facilitar a sua vida pode ser criado um atalho deste arquivo e copiá-lo para a área de trabalho.

Iniciando a IDE pela primeira vez

Localize o atalho criado e copiado na área de trabalho e execute-o com um duplo clique.

Conhecendo o Arduino Uno

Caso seja exibido um Alerta de segurança do Windows informando que o Firewall do Windows bloqueou alguns recursos clique em Permitir acesso como indicado na figura ao lado.

Conhecendo o Arduino Uno

A figura abaixo mostra esta tela inicial, observe-a com bastante atenção. 

Conhecendo o Arduino Uno

A seguir você irá configurar esta IDE que se encontra iniciada. Na barra de menus selecione a opção Arquivo. Na barra de menus selecione a opção Preferências.

Conhecendo o Arduino Uno

No menu suspenso que passa a ser exibido selecione a opção Preferências.

Conhecendo o Arduino Uno

Selecione a opção Mostrar números de linhas com o indicado na figura abaixo.

Observe com atenção todas as outras opções e note que aqui você pode inclusive aumentar o tamanho da fonte caso julgue necessário.Clique no botão OK.

Conhecendo o Arduino Uno

Note que agora o número das linhas está sendo exibido como mostrado na figura abaixo, o que torna muito mais fácil a identificação de uma linha de código.

Conhecendo o Arduino Uno

Muito mais poderia ser falado sobre esta IDE, mas de nada adianta despejar um excesso de conteúdo, agora que você já sabe o básico avançará sequência e no decorrer do curso você irá se familiarizando com ela. Feche a IDE clicando no botão Fechar como é indicado na figura abaixo.

Conhecendo o Arduino Uno

Configurando o Windows 8 para que possa instalar os drivers necessários

Por padrão o Windows 8 e 8.1 vem configurado para não aceitar a instalação de drivers que não tenham assinatura digital, sendo assim, existe a necessidade configurá-lo para que possa aceitar a instalação dos drivers necessários para as placas de Arduino. Um aviso como mostrado na figura abaixo pode ser exibido caso tente instalar sem esta configuração. Clique em Fechar.

Conhecendo o Arduino Uno

Vamos à configuração para a instalação do driver necessários.

Reiniciando o Windows 8 de maneira correta

 

Estando com o seu Windows como mostrado na figura abaixo pressione a tecla Shift e mantendo-a pressionada clique em Reiniciar com o botão esquerdo de seu mouse.

Conhecendo o Arduino Uno

Mantenha a tecla Shift pressionada até que a próxima tela seja exibida (em azul). Libere a tecla Shift e clique na opção Solução de Problemas.

Conhecendo o Arduino Uno

Na tela a seguir clique em Opções Avançadas.

Conhecendo o Arduino Uno

Clique na opção Configurações de Inicialização.

Conhecendo o Arduino Uno

Clique no botão Reiniciar.

Conhecendo o Arduino Uno

O seu computador será reiniciado e uma nova tela como mostrado abaixo será exibida. Observe-a com atenção.

Conhecendo o Arduino Uno

Usando o seu teclado pressione a tecla “ 7  ” referente a opção Desabilitar Imposição de Assinatura de Driver.

Conhecendo o Arduino Uno

Agora, é só aguardar que seu Windows 8 ou 8.1 irá se iniciar normalmente, mas agora irá aceitar a instalação do driver

Instalando o Driver

Acesse o seu Gerenciador de Dispositivos.

Conhecendo o Arduino Uno

Com o seu Gerenciador de Dispositivos aberto e a placa de Arduino devidamente ligada em seu computador usando o cabo USB localize em Outros Dispositivos a placa que não deve ser reconhecida pelo Windows.

Conhecendo o Arduino Uno

Posicione o cursor do mouse sobre o dispositivo desconhecido que representa a placa de Arduino e clique bom o botão da direita.

Conhecendo o Arduino Uno

No menu suspenso que se abre selecione a opção Atualizar Driver

Conhecendo o Arduino Uno

Uma nova janela passa a ser exibida, nesta, selecione a opção Procurar software de driver no computador.

Conhecendo o Arduino Uno

Nesta nova janela clique em Procurar.

Conhecendo o Arduino Uno

A janela Procurar Pasta passa a ser exibida, nesta, localize e selecione a pasta drivers que se encontra na pasta arduino-1.6.3 e clique no botão OK.

Conhecendo o Arduino Uno

Note que agora o caminho está completo para a pasta onde se encontra os drivers, clique em Avançar.

Conhecendo o Arduino Uno

Caso um aviso de segurança do Windows como o mostrado abaixo passe a ser exibido, clique em Instalar.

Conhecendo o Arduino Uno

Ai está, a placa de Arduino foi reconhecida e no meu computador pela porta COM3, mas, cada computador, cada placa pode ser reconhecida em uma porta diferente. Observe com atenção a figura abaixo.

Conhecendo o Arduino Uno

E assim, chegamos ao final desta aula onde você tomou conhecimento da anatomia da placa de Arduino, aprendeu a baixar e instalar a sua IDE e também o software de driver para que o Windows possa reconhecer o Arduino. Na próxima aula iremos começar a executar exemplos práticos.

Mais sobre: arduino, aroldobarsottijunior
Share Tweet
DESTAQUES
Mais compartilhados
Comentários