Oficina da Net Logo

Baidu entra na corrida do desenvolvimento de carros autônomos

A corrida por carros autônomos parece que ganhou mais uma empresa adepta à ideia; estou falando da empresa que possui o terceiro maior serviço de pesquisas do mundo, a companhia chinesa Baidu.

Por | @oficinadanet Tecnologia 5 comentários

Através de sites como Mashable e BBC, a empresa em questão quer, até o final deste ano, disponibilizar ao mercado, o seu protótipo de carro autônomo. A confirmação veio através do jornal oficial do governo chinês, o vice-presidente da empresa, Wang Jing, confirmou todas as informações durante a conferência "2015 China Cloud Computing", realizada em Pequim, revelando ainda que a companhia tem como meta apresentar até o final de 2015 o seu veículo sem condutor. Para que isso realmente aconteça, a Baidu informou que se uniu a uma companhia montadora de veículos reconhecida no mercado.

Vale salientar que no passado, a empresa chinesa firmou parceria com a empresa alemã BMW, para o desenvolvimento desta tecnologia em debate.

De acordo com Jing, o carro autônomo da Baidu contará com o sistema "Baidu Brain", sistema capaz de armazenar 20 bilhões de parâmetros e pensar de modo muito similar a um cérebro humano, além disso, o veículo em destaque também contará com dados de navegação do "Baidu Maps", muito parecido ao serviço de navegação do Google.

Imagem meramente ilustrativa
Imagem meramente ilustrativa
Leia em destaque: As tecnologias que morreram em 2018.

Leia também:

A empresa ainda tem como meta, reunir dados de orientação, conhecimento de mapeamento e de informações conseguidas ao longo dos anos, dados esses que reuniu em um organismo denominado de "Baidu Institute of Deep Learning". A ideia é a de melhorar a experiência do seu veículo sem condutor. Dentro deste instituto, que também foi apelidado de "Baidu Cérebro", existe uma unidade avançada de pesquisa, idêntico ao "Google X".

Para o site Pplware, a Baidu quer conseguir se aproveitar da inteligência artificial para colocar a serviço do mercado mundial, onde a viabilidade é possível e o impacto é enorme. Para ter uma noção do que a empresa espera conseguir, no último ano o serviço de mapas da companhia, o Baidu Maps, ultrapassou 200 milhões de usuários ativos mensais, sendo ele o aplicativo de mapas mais popular do país. Agora é esperar para ver; aguardamos.

Você tem Telegram? Então inscreva-se grátis aqui no canal do Oficina da Net e recebe todas as notícias pelo mensageiro.

Comentários
Carregar comentários