Cuidado com o seu smartphone!

Veja nesta matéria algumas dicas para ajudar na proteção de seu smartphone.

Por | @oficinadanet Segurança digital

O uso de smartphones e tablets está cada dia maior. Dificilmente encontramos alguma pessoa usando um notebook em algum lugar que seja fora de casa ou do trabalho. Normalmente vemos sim, muitas pessoas grudadas em seus pequenos aparelhos.  Os smartphones e tablets são os preferidos para o acesso rápido à internet. Porém, o que parece uma ótima alternativa para todos nós, pode também ser uma porta de entrada para muita dor de cabeça. Juntamente com as várias alternativas de acesso fácil a programas através de aplicativos, outros nem sempre são tão amigáveis. Leia também: Smartphone ou vaso sanitário? Qual é MENOS sujo?

Muitas pessoas, mesmo sabendo dos riscos que podem correr através do acesso inadequado aos smartphones, ignoram totalmente as ameaças, o que pode ser um perigo ainda maior.  

Não é de hoje que nos deparamos com vários relatos de roubos de senhas, fotos, enfim, invasão de privacidade através de smartphones e tablets. A nossa cultura diz que devemos proteger nossos computadores de possíveis ameaças, mas, por se tratar de algo teoricamente novo para muitos usuários, o acesso à internet através de smartphones nem sempre é tão cauteloso, mas mesmo assim devemos ter muita atenção.

Veja como evitar ameaças

Baixar aplicativos em smartphones e tablets é algo rotineiro para muitos, porém, nem sempre os usuários estão atentos a eles. Especialistas em segurança defendem que o uso de um antivírus no aparelho é essencial para evitar que ameaças possam comprometer smartphones e tablets. Outra dica importante é manter sempre o sistema operacional atualizado e apenas baixar aplicativos em lojas oficiais.

Porém, vale ressaltar que até mesmo nas lojas oficiais dos aplicativos, como na App Store e Google Play é preciso ter cuidado, é preferível sempre baixar aplicativos de fornecedores conhecidos e ainda verificar os comentários para saber o que as outras pessoas acharam de tal programa.

O download de aplicativos é maior fonte de ameaça, porém, também é necessário ter cuidado com outras formas de contaminação, como clicar em links suspeitos enviados através de mensagens, como no WhatsApp, ou mesmo SMS. Solicitações de conexão via Bluetooth de desconhecidos também precisa ser evitado. Jailbreak no iOS  é outro processo que não é indicado aos usuários, pois deste modo abre-se uma porta para aplicativos não autorizados pela Apple. Acesso root no Android também pode diminuir a segurança em smartphones e tablets.

Veja os principais sintomas de que um smartphone ou tablet está contaminado

  • Bateria descarregando muito rápido pode ser sinal de invasores;
  • Lentidão no aparelho pode indicar que programas nocivos estejam sendo usados;
  • Em aparelhos contaminados é possível que as configurações estejam alteradas;
  • O Bluetooth sendo acionado sozinho não é um bom indicativo;
  • Cuidado com a publicidade e programas sendo executados sem autorização, isso não é bom sinal;
  • O envio de mensagens não autorizadas, bem como fazer ligações indesejadas é outro indicativo de malware.

Mais sobre: smartphone segurança malware
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo
  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    As melhores publicações no
    seu e-mail

  • Preencha para confirmar