Smartphone ou vaso sanitário? Qual é MENOS sujo?

Muitos não sabem, mas os aparelhos portáteis como smartphones e tablets carregam nada menos que 18 vezes mais germes do que o acento de vasos sanitários. Ficou assustado? Essa conclusão é de uma pesquisa realizada pela Universidade de Ado-Ekiti (Nigéria) e outras grandes instituições.

Por | @thiago_rochak Smartphones

Para que a pesquisa fosse realizada com sucesso, especialistas do departamento de Microbiologia das instituições participantes, isolaram 150 aparelhos de diversos tipos de usuários. Com isso, eles chegaram à conclusão que os smartphones possuem 25 Mil germes por polegadas quadradas contra apenas 1.201 germes encontrados no vaso sanitário. (ps: Não há motivos para sair lambendo o vaso sanitário da sua casa por causa disso, ok?).

Além disso, os especialistas explicam que os contágios mais comuns são gripe, diarreia e conjuntivite e que os usuários desses tipos de aparelhos se expõe a contaminação principalmente ao usar os dispositivos próximos às orelhas, nariz e boca e levá-los para lugares como a cama e mesas onde são feitas as refeições.

Smartphone ou vaso sanitário? Qual é MENOS sujo?

Há motivos para pânico?

Felizmente não existe motivos para entrarmos em pânico, pois segundo o médico Cláudio Roberto Gonsalez – infectologista-chefe do Hospital Villa-Lobos – tudo no meio ambiente é infectado e a presença destes seres é comum em determinados produtos. Porém, é preciso manter boas práticas de higiene, como lavar as mãos e efetuar a limpeza adequada destes aparelhos.

Quais os germes estão mais presentes nos aparelhos?

1.Coliformes

Pode até parecer mentira, mas um dos germes que habitam em nossos aparelhos são geralmente encontrados nas fezes de todas as espécies de animais. Além disso, pesquisas informam que os germes do grupo dos coliformes estão em maior quantidade nos smartphones do que em acentos de vasos sanitários.

2.Escherichia Coli

Escherichia coli, também chamada de E.coli, é uma bactéria que vive no nosso intestino e nos dos animais mamíferos. Embora a maioria dos tipos de E.coli são inofensivas, alguns tipos podem deixá-lo doente quando combinadas com outras espécies de bactérias. Além disso, elas podem causar infecções urinárias, diarreia, colite hemorrágica e síndrome hemolítico-urêmica.

3.Staphylococcus Aureus

Muito comum no ambiente, a Staphylococcus Aureus é uma bactéria esférica que costuma colonizar a pele de até 15% dos seres humanos, o que preocupa muito os médicos. Pertencente ao grupo dos cocos gram-positivos a bactéria é geralmente encontrada na pele e nas fossas nasais de pessoas saudáveis. No entanto, pode provocar doenças que vão desde uma simples infecção até mesmo as infecções mais graves.

4.Streptocuccus

Pertencente do mesmo grupo das Staphylococcus, as Streoticucus são bactérias perigosas que podem causar doenças no ser humano. Em português esses germes são chamados de estreptococos e geralmente se dividem em dois grupos: A e B. O tipo A é muito comum em crianças que possuem infecções de garganta, com isso a bactéria pode causar doenças graves na pele do indivíduo, como a necrose. Já o tipo B, pode causar pneumonia e infecções sanguíneas.

5.Staphylococci Coagulase-Negativas

As Staphylococci Coagulase-Negativas constituem em um grupo de bactérias extremamentes resistentes a antibióticos e normalmente podem ser encontradas na pele de seres humanos e nas partes intimas femininas. Mesmo sendo considerada menos ofensiva, a bactéria pode causar infecções de Corrente Sanguínea, pneumonia, artrite, osteomielite, erisipela, celulite, fasciite necrotisante e outras doenças.

Como ficar protegido desses males?

Phonesoap

O Phonesoap é um dos métodos mais eficazes para limpar seus dispositivos portáteis. O aparelho promete eliminar quase 100% dos germes e das bactérias sem utilizar aquecimento, líquidos ou produtos químicos que podem danificar seus gadgets. 

Basicamente, ele utilizar duas lâmpadas de radiação ultravioleta C (UV-C) que permite a limpeza sem gerar calor, e o melhor, ao mesmo tempo o produto consegui carregar seu aparelho. Porém, para desfrutar dessa tecnologia será necessário que você desembolse cerca de 59,95 dólares, algo em torno de 170 reais.

Agora, se você não quer gastar "muito" dinheiro com a limpeza do seu dispositivo existe outros métodos eficazes e que não são necessários nada muito sofisticado.

Primeiramente, desligue o aparelho e se possível remova a bateria para evitar futuros problemas (quando possível). Depois, utilize uma solução de álcool 70% (Geralmente encontrado em farmácias), umedeça um pano ou camisa e passe em todo o aparelho, exceto na tela.

Feito isso, utilize um pano de microfibra ou até mesmo uma camisa de algodão para passar na tela do gadget. Com movimentos de dentro para fora remova todas as manchas e sujeiras que nela se encontram. Para melhores resultados, o ideal é seguir as instruções do fabricante que podem ser encontradas no manual do dispositivo.

Pronto! Agora que você já sabe que o seu aparelho possui centenas de germes e descobriu como se livrar de vários deles, conte-nos aqui nos comentários o que você acha a respeito dessas pragas que podem ser encontradas nos dispositivos portáteis.

Mais sobre: Smartphones, Germes, Bacterias
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
Continue lendo
    AINDA NÃO SE INSCREVEU?

    Vem ver os vídeos legais que
    estamos produzindo no Youtube.