RS anuncia aplicativo que ajuda em busca de serviços público

Consulta de serviços públicos do Rio Grande do Sul pode ser feita através de aplicativo.

Por | @oficinadanet Tecnologia

Na quinta-feira (8), durante o 15° Fórum Internacional de Software Livre (FISL), o governo do Rio Grande do Sul lançou um aplicativo de serviços RS Móvel que tem como objetivo facilitar a busca do cidadão por serviços públicos. Com isso, a página que está disponível na internet poderá ser acessada também através de um aplicativo gratuito para os sistemas iOS e Android.

Agora, a versão do portal dobrou o número de serviços ofertados pelo Estado, o que inclui cerca de 50 itens. No local, além de pesquisar as informações do governo estadual, o usuário também poderá fazer denúncias na área de segurança pública, consultar matrículas nas escolas da rede estadual e acessar serviços da CEEE e também da Corsan, entre outros.

“É, sem dúvida, uma das mais importantes ferramentas de relacionamento do Estado com o cidadão. Nosso objetivo é simplificar a vida das pessoas ao procurar um serviço público“, disse a diretora de Mídias Sociais da Secretaria de Comunicação (Secom), Tatiana Sottili.

O RS Móvel foi desenvolvido através da parceria da Secom com a Procergs. A primeira versão do aplicativo para web foi lançada em 2011 e ele já possui código de software aberto.

O RS Móvel pode ser acessado pela web no endereço http://www.m.rs.gov.br

Outra novidade apresentada na quinta-feira foi o portal Login Cidadão, que pode ser acessado pelo endereço eletrônico www.meu.rs.gov.br.

 “A ideia é que essa seja uma porta única de comunicação do cidadão com o Estado e participação em ações como as votações das prioridades de investimento”, comenta o presidente da Procergs, Carlson Aquistapasse. 

O Fórum Internacional de Software Livre começou na última quarta-feira (7) e vai até sábado (10) no Centro de Eventos da PUCRS, em Porto Alegre. O tema central do evento é Segurança e Privacidade: o Software Livre na luta contra a Espionagem.

Mais sobre: RS móvel governo RS
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo