Confira as empresas que mais tiveram reclamações no ano passado durante a Black Friday

Preste atenção! Próxima Black Friday inicia na sexta!

Por | @oficinadanet Internet

Na próxima sexta-feira (24) acontece a Black Friday. Porém, como já sabemos, é necessário tomar bastante cuidado antes de qualquer aquisição. A dica principal é desconfiar dos sites que apresentaram muitas reclamações durante as promoções dos últimos anos.

O Procon-SP e o Reclame Aqui publicaram, em 2016, as listas de empresas que mais tiveram reclamações no período da Black Friday. Assim sendo, através das listas é possível ver as lojas que mais apresentam problemas e que desagradaram os consumidores.

Confira as empresas que mais tiveram reclamações no ano passado durante a Black Friday.Confira as empresas que mais tiveram reclamações no ano passado durante a Black Friday.

Leia também:

Para completar, o Procon-SP possui uma lista de sites "que devem ser evitados, pois tiveram reclamações de consumidores registrada no Procon-SP, foram notificados, não responderam ou não foram encontrados". No local é possível ver os sites que possuem um histórico bastante negativo em relação ao direito dos consumidores. A lista pode ser acessada aqui.

Abaixo é possível ver as listas de empresas que tiveram um maior número de reclamações durante a Black Friday dos últimos anos:

De acordo com o Procon-SP (pdf), de 24/11 a 01/12 de 2016:

  1. Adidas- 482 reclamações
  2. Grupo Pão de Açúcar / Extra / Pontofrio.com / Casasbahia.com / Casas Bahia / Ponto Frio- 235 reclamações
  3. Grupo B2W / Americanas.com / Submarino / Shoptime / Sou Barato / Lojas Americanas- 193 reclamações
  4. Kabum.com.br- 59 reclamações
  5. Walmart.com.br- 53 reclamações
  6. Magazine Luiza- 44 reclamações
  7. Carrefour- 24 reclamações
  8. Fastshop- 23 reclamações
  9. Netshoes / Zattini- 22 reclamações
  10. Belezanaweb.com.br- 20 reclamações

 

De acordo com o Reclame Aqui, das 18h de 24/11 até as 00h de 26/11 de 2016 :

  1. Kabum- 588 reclamações
  2. Americanas.com (loja online)- 249 reclamações
  3. Submarino- 149 reclamações
  4. Netshoes- 117 reclamações
  5. Magazine Luiza (loja online)- 100 reclamações
  6. Extra.com.br- 89 reclamações
  7. Walmart.com.br (loja online)- 83 reclamações
  8. Fast Shop- 62 reclamações
  9. Ponto Frio (loja online)- 58 reclamações
  10. Casas Bahia (loja online)- 56 reclamações

 

Posicionamento KaBuM!:

A Black Friday é o principal evento de vendas do KaBuM! no ano. A empresa oferece milhares de ofertas com até 80% de desconto e que, em um dia, atraem um volume médio de clientes equivalente a um mês. Esse fluxo é antecipado e levado em conta na organização do atendimento e da logística - em 2017, o estoque de Ofertas Ninja é 250% maior que ano passado. A quantidade de itens em promoção (cerca de 1 milhão de itens em todo o site) foi estabelecida entre fornecedores e parceiros com meses de antecedência, e divulgada nos canais de comunicação de marca.

O número de reclamações em relação aos pedidos é extremamente baixo (menos de 0,5% do total), e mais de 90% das queixas referem-se ao esgotamento quase imediato de determinadas ofertas, um efeito colateral de uma ação que, como todas as que participam da Black Friday Legal, conta com um estoque promocional limitado.

Mais sobre: ecommerce blackfriday internet
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Destaquesver tudo