Fones in-ear gamer valem a pena?

Procurando por um fone de ouvido voltado para jogos que dê a flexibilidade que você precisa para jogar no PC, smartphone, tablet ou console? Confira este artigo!

Fone de ouvido in-ear AAW Kingfisher Ceramic. Fonte: Pinterest
Fone de ouvido in-ear AAW Kingfisher Ceramic. Fonte: Pinterest

Com a popularização do cross-play (ou crossplay) em conjunto com o cross-save, os jogadores estão cada vez mais em busca de um fone de ouvido que seja adequado ao uso multiplataforma, ou seja, que permita jogar tanto no PC quanto nos smartphones, tablets e consoles. Para isso, o ideal é que o fone consiga ser portátil, confortável, isole bem o ruído externo, permita uma boa comunicação através do microfone e consiga entregar uma boa qualidade de som em todas as plataformas. Pensando nestes requisitos mínimos para jogar no PC, console ou smartphone, o fone de ouvido ideal seria o do tipo intra-auricular (ou in-ear), pois ele possui um bom isolamento de ruídos passivo (feito de maneira natural através do seu formato), um excelente conforto (caso você não se adaptou aos in-ears, acesse aqui), um tamanho pequeno o suficiente para transporte fácil e não tem grande exigência com amplificação (entenda sobre a necessidade de um amplificador para fones aqui).

Uma alternativa flexível, barata e eficiente

Os fones de ouvido in-ear gamer, também chamados de in-ear gaming headsets, proporcionam grande flexibilidade, pois não são exigentes com amplificação, sendo possível utilizá-los com boa performance tanto em PCs quanto em smartphones, tablets e consoles. Isso ocorre devido ao fato de que fones do tipo intra-auricular geralmente possuem baixa impedância e sensibilidade alta.

Na maioria das vezes, os headsets in-ear consegue oferecer alternativas mais baratas ou com melhor custo-benefício comparado aos headsets over-ear (ou circunaurais), pois atualmente a tecnologia evoluiu o suficiente para oferecer bons drivers (saiba mais sobre as tecnologias de drivers dos fones de ouvido aqui) que entregam uma qualidade de som impressionante comparado ao que tínhamos há alguns anos atrás. Entretanto, é importante salientar que há diferenças entre os fones do tipo intra-auricular e circunaural, sendo necessário se analisar com mais cautela para escolher o mais adequado de acordo com a sua necessidade.

Outro ponto que torna os fones in-ear gamer mais barato é sua eficiência no isolamento passivo do ruído externo, conseguindo atenuar de maneira significativa o barulho do ambiente sem a necessidade de ANC (active noise cancelling ou cancelamento de ruído ativo). Em minha opinião, a tecnologia de cancelamento de ruído ativo em fones do tipo in-ear não é muito eficiente e só vale realmente a pena em fones do tipo on-ear (supra aural) ou over-ear (circunaural).

Diferença de conforto entre os headsets intra-auriculares e o over-ears

Uma característica importante para os jogadores que costumam ficar horas na jogatina, é o conforto. Este quesito poderá ter diferentes resultados dependendo do modelo utilizado, pois há tanto fones intra-auriculares desconfortáveis quanto headphones desconfortáveis. O motivo do desconforto pode variar, indo desde um mal encaixe (saiba como posicionar da melhor forma fones intra-auriculares aqui) ou formato não anatômico de um fone in-ear até uma pressão excessiva do arco do headphone na cabeça e orelhas.

A primeira coisa que temos de analisar em um in-ear é a questão do formato da house (corpo do fone) e ver se ele acompanha a concha dos nossos ouvidos para se apoiar sem incomodar e não acabar causando dores nas orelhas. Os melhores formatos costumam ser aqueles mais arredondados, com o formato de uma azeitona, e os que possuem formato cilíndrico, que é simplesmente um tubo reto. Além disso, outro ponto que acho interessante é observar que o cabo passa por cima da orelha, pois este aspecto pode dar mais estabilidade para o cabo, conforto para nós e menos geração de microfonia (barulho que faz quando o cabo bate em alguma superfície).

Já em um headphone, temos de prestar atenção para a pressão exercida pelo arco (para saber isso, só perguntando ou lendo opiniões de quem já possuiu o fone) e a qualidade das pads (almofadas) em termos de acabamento, tipo de tecido e espuma utilizados. Lembrando que é interessante haver a possibilidade de remover as pads (e os cabos), pois são itens que se desgastam naturalmente com o tempo.

Diferença de som entre os headsets intra-auriculares e o over-ears

Geralmente em fones in-ears encontramos um nível de detalhes mais facilmente, porém com os sons distribuídos muito perto um do outro. A grande diferença entre um headphone e um intra-auricular está na ilusão de palco sonoro consideravelmente maior nos over-ears, neles há mais "ar" entre os instrumentos e vozes e fica mais fácil de distinguir as nuances de cada um. Porém, isso não quer dizer que não há como distinguir a direção dos sons em IEMs, uma das características que os jogadores de PC e consoles mais almejam.

Fones in-ears bons, conseguir ter uma boa distinção da direção dos sons, mas para isso é importante haver um equilíbrio tonal (sem excesso de frequências graves, médias e agudas) e bom controle de cada faixa do espectro à medida que o som se expande. Evidentemente, é difícil de achar um fone que atenda perfeitamente a estes requisitos, porém é possível chegar próximo e para isso é importante saber analisar as características dos sons (saiba como observar a caracteristica dos sons aqui) e ouvir a opinião de outros sobre o modelo desejado.

Exemplos de fones de ouvido in-ear gamer (ou in-ear gaming headsets)

Infelizmente não há ainda muitas opções que sejam consistentes no mercado de fones in-ear voltados para jogos. No momento temos opções de fones de ouvido in-ear gamer (ou in-ear gaming headsets) fabricadas, por exemplo, pela Edifier, Turtle Beach e AAW (Advanced AcousticWerkes).

As modelos de fones in-ear gamer das empresas citadas acima não foram testados ainda pelo Oficina da Net, ou seja, não há como afirmarmos que todos eles irão entregar uma boa qualidade em todos os quesitos citados no início do artigo. Porém, apesar deste fato, é importante que haja cada vez mais opções no mercado para atender ao publico que quer uma solução multiplataforma para jogar os games de maneira mais flexível.

O primeiro exemplo que eu dou é o in-ear AAW Kingfisher Ceramic, que possui um cabo removível com conector 2-pin onde dele sai um microfone, também removível (conector MMCX).

Custando aproximadamente US$258, o AAW Kingfisher Ceramic possui uma tecnologia hibrida de drivers (1 driver dinâmico + 1 driver super tweeter de cerâmica + 1 driver Nozz-less open vented armature). Acredito que atualmente este modelo seja o que entregará a melhor performance da categoria de in-ear gaming headsets.

Em seguida temos o in-ear Edifier GM3SE, que já se encontra a venda de forma oficial no Brasil. Este fone de ouvido possui um microfone removível com conexão P2 (3,5mm), entretanto o cabo do fone de ouvido é fixo a house (corpo do fone), não permitindo a troca caso venha a dar mal contato.

Fone in-ear gamer Edifier GM3SE. Fonte: Edifier
Fone in-ear gamer Edifier GM3SE. Fonte: Edifier

Por ser uma alternativa nacional, o GM3SE parece ser uma escolha interessante. Talvez, futuramente, haja um review deste modelo no Oficina da Net para analisarmos mais de perto seus pontos fortes e fracos.

O in-ear gaming headset Turtle Beach Battle Buds é uma opção barata e que poderá talvez suprir a necessidade de grande parte dos jogadores que querem uma solução multiplataforma. Entretanto, infelizmente não é possível encontrá-lo de forma oficial no Brasil, porém há alguns disponíveis no "mercado cinza" (pessoas que importam produtos para vender no país).

No exterior, o Turtle Beach Battle Buds custa aproximadamente US$30 e levando em conta que ele possui um microfone removível (conexão P2), não parece ser uma alternativa cara.

Conclusão

Os fones da categoria in-ear gamer (ou in-ear gaming headsets) estão surgindo aos poucos e há um longo caminho pela frente. Mas certamente há um grande mercado para eles e com o tempo teremos mais opções. Fique atento para mais novidades!

Esse artigo é feito em parceria com o Grupo Fones de Ouvido High-End:

5 celulares para NÃO COMPRAR em 2021

Conteúdo relacionado

Não compre essas marcas de fones de ouvido!
Fones de Ouvido

Não compre essas marcas de fones de ouvido!

Confira aqui as marcas de fones de ouvido que você não deve comprar. Evite dores de cabeça e saiba quais fabricantes evitar na hora da compra.

Porque você não deve comprar um headset gamer USB/Bluetooth com 5.1/7.1 canais
Fones de Ouvido

Porque você não deve comprar um headset gamer USB/Bluetooth com 5.1/7.1 canais

Saiba o porque você não deve comprar um headset gamer USB ou Bluetooth com 5.1 ou 7.1 canais. Na grande maioria das vezes, eles não trarão um benefício condizente com o custo, o famoso custo-benefício.

O que é Cross-play?
Games

O que é Cross-play?

Recentemente começaram a surgir muitos jogos online com suporte ao cross-play, pois cada vez mais as pessoas querem jogar online independente do lugar onde estão e dispositivo que esteja utilizando. Entenda o que é o cross-play e como funciona!