AMD não irá corrigir bug no Adrenalin que compromete desempenho de games

Jogadores de games mais antigos poderão ficar decepcionados.

Por | @oficinadanet Games

No final do ano passado, a AMD liberou um novo software para a sua família de placas Radeon, nomeado de Adrenalin. Ele chegou com vários recursos, como novas funcionalidades que proporcionavam aos usuários um maior aproveitamento do poder de suas GPUs.

No entanto, mesmo com tantas promessas, foi difícil não escapar dos bugs e algumas falhas. Uma delas aparece na versão 17.12 e afeta bastante o desempenho de vários títulos que confiavam-se em APIs mais antigas, em especial o DX9.

AMD não irá corrigir bug no Adrenalin que compromete desempenho de games.AMD não irá corrigir bug no Adrenalin que compromete desempenho de games.

Leia também:

Muitas reclamações acabaram sendo postadas no Reddit como também n fórum oficial da marca. Alguns jogos acabam ficando com o desempenho bastante ruim, outros, porém, como o “The Witcher Enhanced Edition” não podem ser executados.

Abaixo a lista dos games afetados pelo problema:

  • C&C3 Tiberium Wars
  • C&C3 Kane's Wrath
  • C&C Red Alert 3
  • C&C Red Alert 3 Uprising
  • C&C4 Tiberian Twilight
  • Battle for Middle Earth 1-2
  • The Witcher Enhanced Edition

Além disso, para piorar ainda mais, ao que tudo indica, os bugs irão ficar sem solução, já que a própria AMD revelou que não iria fazer nada para mudar a situação, já que os games afetados são antigos.

A empresa,  porém, disse que prefere focar no desenvolvimento de títulos mais novos.

“Esse título é de 2007, então é improvável dedicar qualquer valioso recurso de engenharia a esse problema, que possivelmente é causado por APIs desatualizadas.”

Como podemos perceber, a AMD não irá focar nos seus esforços para contornar a situação. Deste modo, os jogos clássicos irão continuar sem uma solução. A ideia da empresa é interessante, centralizar em games mais atuais, mesmo assim, quem curte jogos mais antigos poderão se decepcionar a atitude da marca.

DEIXE SEU COMENTÁRIOComente aqui
Assine a nossa newsletter

COMENTÁRIOS

COMENTÁRIOS

Comentários
  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    As melhores publicações no
    seu e-mail

  • Preencha para confirmar