Oficina da Net Logo

Abril registra aumento de 9,42% em banda larga fixa no Brasil

A Anatel divulgou o balanço de contratos de banda larga no Brasil no período de abril. Crescimento de 9,42% em contratos.

Por | @nmuller99 Banda Larga no Brasil Pular para comentários

De acordo com a Anatel, o Brasil tem 29,95 milhões de contratos de banda larga fixa ativos em abril de 2018, aumento de 9,42% (2,58 milhões) em doze meses. Na comparação com março deste ano, o crescimento foi de 0,46% (137 mil) contratos.

São 29,95 milhões de pontos ativos. Empresas, casas, órgãos públicos são contados. O destaque foi o avanço na velocidade, estamos agora no Brasil, com 17,8% de internet acima de 34Mbps. Veja agora a distribuição por estados, operadoras e velocidades.

Estados

Em relação à participação de mercado, três estados da Região Sudeste concentram mais da metade dos contratos de banda larga ativos no país:

  • São Paulo com 34,21% do total (10,2 milhões);
  • Rio de Janeiro, com 10,74% (3,2 milhões);
  • Minas Gerais com 10,27% (3,0 milhões);
  • Paraná com 7,22% (2,1 milhões);
  • Rio Grande do Sul, com 6,35% (1,9 milhões);
  • Santa Catarina com 4,82% (1,4 milhão)

Velocidades da Banda larga no Brasil em abril de 2018Velocidades da Banda larga no Brasil em abril de 2018 Leia em destaque: Comissão aprova projeto PL 7182/17 que proíbe limitação dos planos de internet .

No entanto, nos últimos 12 meses, os seis estados que apresentaram maior crescimento são pertencentes as Regiões Norte e Nordeste:

  • Maranhão com mais 24,75% (57 mil);
  • Rio Grande do Norte com mais 20,62% (58 mil);
  • Sergipe com mais 19,42% (32 mil);
  • Ceará com mais 18,89% (119 mil);
  • Pará com mais 17,41% (55 mil);
  • Paraíba com mais 16,70% (45 mil);
  • Bahia com mais 15,59% (129 mil).

Na Região Centro-Oeste o estado com maior crescimento é Goiás com mais 10,99% (96 mil) contratos.

Operadoras

No mês de abril de 2018, a participação de mercado da banda larga fixa ficou assim dividida:

  • Claro com 30,42% do total de contratos em operação (9,1 milhões);
  • Vivo com 25,65% (7,6 milhões);
  • Oi com 20,74% (6,2 milhões);
  • Algar Telecom com 1,86% (557 mil);
  • TIM com 1,45% (434 mil);
  • Sky com 1,2% (359 mil).

As demais empresas registraram 18,68% (5,6 milhões) de contratos ativos no total.

Velocidades

O crescimento das faixas por velocidade de internet: 

Faixa Abril de 2017 Abril de 2018 Crescimento Equivalência
0kbps a 512kbps 944.101 966.107 2,33% 3,23%
512kbps a 2Mbps 6.584.008 7.590.605 5,29% 25,35%
2Mbps a 12Mbps 9.573.977 8.276.728 -13,55% 27,64%
12Mbps a 34Mbps 7.086.966 7.782.766 9,82% 25,99%
> 34Mbps 3.179.487 5.330.565 7,65% 17,80%
  27.368.539 29.946.771    

 Destaque para o crescimento acima de 12Mbps. Já temos 17,8% da internet com mais de 34Mbps. Alguns países reconhecem banda larga quando a velocidade é superior a 20Mbps, portanto o Brasil ainda gatinha comparado com países desenvolvidos. 

Fonte: Anatel

MAIS SOBRE: #bandalargabrasil  #anatel  #internet  #números
Melhores smartphones de 2018
Comentários
Carregar comentários