Oficina da Net Logo

Bug no WhatsApp é capaz de mostrar visto por último até de quem desativou função

O WhatsApp disse que “está ciente desse bug e está trabalhando para resolvê-lo”. Ainda não há previsão de quando ele será encerrado.

Por | @oficinadanet WhatsApp Pular para comentários

O WhatsApp  está mostrando o “visto por último” de usuários que já desabilitaram a função. O problema foi percebido nas versões web e desktop do mensageiro, e também, em alguns casos, no aplicativo para celular. Através do Twitter, os usuários relataram o problema, porém, ao que indica, nem todas as pessoas foram atingidas.

O “visto por último” revela para os contatos do WhatsApp a última vez que alguém esteve online. Assim sendo, muitas pessoas preferem desabilitar o recurso já que ele pode denunciar quando a pessoa abriu o aplicativo e, supostamente, leu uma mensagem e preferiu não responder. Quem desabilita a função também não pode ver os horários que os seus contatos entraram no aplicativo pela última vez.

Bug no WhatsApp é capaz de mostrar visto por último até de quem desativou função. Empresa está ciente do problema. Bug no WhatsApp é capaz de mostrar visto por último até de quem desativou função. Empresa está ciente do problema.

Leia também: Leia em destaque: Como fazer figurinhas no WhatsApp?.

O WhatsApp disse que “está ciente desse bug e está trabalhando para resolvê-lo”. Ainda não há previsão de quando ele será encerrado. Para completar, não há uma solução para que os usuários possam evitar ou mesmo solucionar o problema. Deste modo, o que resta é apenas esperar.

A confirmação de leitura não foi atingida pela falha no mensageiro. Deste modo, ao desativar o famoso check azul, ninguém consegue ter certeza se uma mensagem foi realmente lida ou não, mesmo sabendo em que horas o WhatsApp foi aberto pela última vez.

As demais opções de privacidade no WhatsApp estão funcionamento normalmente. Esperamos que o pessoal do WhatsApp resolva rapidamente o problema, já que muitas pessoas ficam incomodadas ao saberem que tal informação não está bloqueada.

Agora, nos resta aguardar os próximos passos da empresa. E assim esperar por uma solução. E você, também foi afetado pelo problema? Conte-nos se percebeu algo de diferente.                 

Você tem Telegram? Então inscreva-se grátis aqui no canal do Oficina da Net e recebe todas as notícias pelo mensageiro.

MAIS SOBRE: #whatsapp  #aplicativos  #bug  #androido
Comentários
Carregar comentários