Oficina da Net Logo

Uber vai começar a pagar alguns motoristas para incentivar a troca por carros elétricos

A cortesia do Uber tem o objetivo de incentivar seus motoristas a mudar os carros poluentes por carros elétricos para o bem do meio ambiente.

Por | @ingridjank Uber

O Uber anunciou nesta terça-feira que está começando um projeto piloto com o objetivo de fazer seus motoristas trocarem seus carros por carros elétricos, ao invés de dirigir os que queimam gasolina e poluem o meio-ambiente. O projeto deve durar um ano, ao que a empresa vai fornecer um incentivo em dinheiro para aqueles motoristas que aderirem à causa e trocarem seus veículos.

O programa tem o nome de EV Iniciativa dos Campeões e já começou em sete cidades: Los Angeles, San Diego, Sacramento, São Francisco, Seattle, Austin e Montreal. Em cada cidade, o incentivo vai ser diferente, com o objetivo de testar variados benefícios em lugares distintos.

Carregamento em carros elétricos. (Foto: Rich Pedroncelli / Associated Press)Carregamento em carros elétricos. (Foto: Rich Pedroncelli / Associated Press)

Por exemplo, em San Diego, os motoristas que usarem híbridos plug-in ganharão um bônus de dólar por viagem. Já quem utilizar veículos elétricos com bateria completa podem ganhar no máximo RU $ 20 por semana. Nas outras cidades como Pittsburgh e São Francisco os incentivos são semelhantes, pois a cada corrida o motorista ganha 1 dólar.

O diretor de sustentabilidade da empresa, Adam Gromis, disse que eles precisam aprimorar seu jogo em relação aos cuidados com a natureza e o meio-ambiente ao mesmo tempo em que as cidades caminham em direção ao transporte sustentável.

“A menos que possamos oferecer uma forma mais eficiente de mobilidade, não forneceremos uma boa solução que as cidades precisam. É por isso que entramos em bicicletas. É por isso que estamos trabalhando com trânsito. É por isso que estamos focados na eletrificação. ”

Existem ainda mais algumas alternativas que o Uber quer implementar, mesmo não sendo em investimento monetário, como em Los Angeles, onde os motoristas receberão assistência educacional. Eles aprenderão sobre os benefícios que um carro elétrico pode trazer ao bolso e ao meio ambiente ao mesmo tempo, além de facilidade de acesso em algumas pistas.

Uma mudança também foi aplicada ao aplicativo do Uber, para que os motoristas sejam alertados com antecedência sobre viagens que durarão 30 minutos ou mais, a fim de que eles possam se organizar melhor. O app vai mostrar para os passageiros quando o motorista é um piloto de EV, também.

Este projeto do Uber está em concordância com uma ordem executiva que foi emitida pelo governador Jerry Brown, neste ano. O objetivo instaurado por ele foi de que a Califórnia, possuidora de 410.000 VEs, aumente seu número de veículos sustentáveis com emissão zero para 5 milhões, até o ano de 2030. A ordem, por sua vez, foi emitida porque o setor de transporte é a maior fonte de emissões de gases de efeito estufa no estado, chegando a 37%.

 

Comentários
Carregar comentários