Uber e Hyundai planejam desenvolver táxis aéreos 

As empresas anunciaram o projeto ambicioso do táxi aéreo durante a CES 2020, a parceria Uber Elevate e Hyundai Motor Company tem foco o mercado corporativo.

Por Tecnologia Pular para comentários
Uber e Hyundai planejam desenvolver táxis aéreos 

O anúncio durante a CES chamou a atenção de todos, embora ambicioso, ambas as empresas estão engajadas no projeto. Para que o mercado de mobilidade aérea urbana (UAM) surja em qualquer tipo de escala, a Uber acredita que centenas de milhares de aeronaves de decolagem e aterrissagem vertical elétrica para quatro passageiros (eVTOL) terão que ser construídas.

Seus números, juntamente com os custos operacionais eVTOL, são a chave para tornar o custo por assento próximo do nível do transporte terrestre. Mas os veículos aéreos de passageiros não podem ser fabricados como táxis. Logo a perspectiva de uma montadora produzir táxis aéreos como sedãs deixou a Hyundai bastante otimista com o projeto.

"Acreditamos que a Hyundai tem potencial para construir veículos Uber Air a taxas nunca vistas na indústria aeroespacial atual, produzindo aeronaves confiáveis ​​e de alta qualidade em grandes volumes para reduzir os custos de passageiros por viagem", disse Eric Allison, diretor do Uber Elevate, na CES.

Jaiwon Shin, vice-presidente executivo e chefe da Divisão de Mobilidade Aérea Urbana da Hyundai, disse: "Nossa visão da Mobilidade Aérea Urbana transformará o conceito de transporte urbano".

É isso que o Uber Elevate espera, que o projeto saia do papel o quanto antes e que aconteça de maneira relativamente rápida.

Mas como a Hyundai ou qualquer uma das outras sete empresas que estão construindo táxis aéreos eVTOL para o Uber Air, o desafio é tornar o transporte acessível, lembrando que estamos falando do segmento corporativo.

Vale lembrar ainda que tudo isso ainda tem que passar pelo crivo dos órgãos reguladores como a FAA que estabelece os padrões de aeronavegabilidade/certificação.

Comentários:
Carregar comentários