Impressora 3D gigante imprime barco e bate 3 recordes mundiais

A impressora é um projeto da Universidade do Maine que realizou o feito em apenas 72 horas de operação, batendo 3 recordes simultaneamente.

Por Tecnologia Pular para comentários
Impressora 3D gigante imprime barco e bate 3 recordes mundiais

Já imaginou ser possível simplesmente imprimirmos qualquer coisa que precisamos? Um móvel, um carro, uma casa, um barco... Bom, a parte do barco já foi feita pelo menos. A Universidade do Maine estabeleceu três recordes mundiais ao mesmo tempo ao imprimir um barco na maior impressora 3D de polímero protótipo do mundo. Isso por si só já é um recorde, a criação do maior barco impresso em 3D foi outro, que por sua vez também foi o maior objeto sólido impresso em 3D no mundo!

A máquina ainda demorou apenas 72 horas para realizar a impressão. O vídeo abaixo mostra a impressão em si acelerada e nos dá o poder de imaginar todas as possibilidades futuras com essa tecnologia. Essa impressora 3D foi projetada para imprimir objetos de até 30 metros de altura e 6 metros de largura. Além disso, pode imprimir aproximadamente 226 quilogramas por hora.

Na quinta-feira passada, o Centro de Estruturas e Compósitos Avançados da UMainea revelou o trabalho na presença de autoridades e representantes do Guinness World Records, para confirmar os três recordes.

"Esta impressora 3D é um resultado da investigação que realizamos há 15 anos na combinação de nano celulósicas e microfibras com materiais termoplásticos. O nosso objetivo é imprimir com 50% de produtos de madeira a 230 kg por hora, e alcançar propriedades semelhantes às do alumínio", comentou Habib Dagher, diretor-executivo do Centro Avançado de Estruturas e Compósitos da UMaine.

Por mais que impressões assim já podem ser muito úteis, estão também em desenvolvimento impressões com materiais com base orgânica, como a celulose. O método atual já utiliza plástico com 50% madeira em sua composição. Esse tipo de tecnologia torna a produção de barcos e possíveis outros grandes objetos mais rápida e barata, tanto que o próprio exército americano parece estar interessado.

Compartilhe com seus amigos:
Comentários:
Carregar comentários